Tag Archives: fronteira

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

Estratégia ibérica na zona de fronteira

No dia 21 de Novembro de 2018 realizou-se, em Valhadolid, a 30ª Cimeira Luso-Espanhola, onde se acertaram procedimentos para a cooperação transfronteiriça e para fazer face ao desafio demográfico. Foi um compromisso para uma estratégia comum cujos resultados não são ainda visíveis.

Cimeira Luso-Espanhola

GNR - © Capeia Arraiana (orelha)

GNR fez 16 detenções junto à fronteira

O Comando Territorial da Guarda da GNR realizou um conjunto de operações em todo o distrito, na semana transacta, de prevenção e combate à criminalidade, de cujos resultados se destaca a realização de 16 detenções junto à fronteira de Vilar Formoso.

A operação envolveu controlos junto à fronteira

A operação envolveu controlos junto à fronteira

Imagem da Semana – Marcos da Raia

«Imagem da Semana» do Capeia Arraiana. Envie-nos a sua escolha para a caixa de correio electrónico: capeiaarraiana@gmail.com

Marcos da Raia - Fóios - Sabugal
Clique na imagem para ampliar

Data: 28 de Fevereiro de 2012.

Local: Nascente do Rio Côa na freguesia dos Fóios.

Autoria: José Manuel Campos.

Legenda: Hoje fui dar um passeio lá para os lados da nascente do Côa e do Lameirão. Às vezes apetece-me andar por lá sozinho e fazer a exploração da Natureza ao meu ritmo. Procurei meruge mas apenas encontrei par uma simples saladinha. A água escasseia e a meruge não nasce. Mas encontrei outras coisas belas. Uma raposa, que não me viu, andou, durante um quarto de hora, pelo meio de uma dúzia de vacas de campo capturando alguns bichinhos que saltavam junto desses animais. Fiz também esta fotografia da chamada «Carambola» que tem um marco fronteiriço no ponto mais alto. É que tempo é propício para este género de passeios.
José Manuel Campos

José Morgado - Terras entre Côa e Raia - © Capeia Arraiana (orelha)

Fronteira versus Sabugal

Fronteira é um município, do distrito de Portalegre, que comparado com o Sabugal, em dimensão e população, é diminuto.

Concelho de Fronteira no distrito de Portalegre - Capeia Arraiana

Concelho de Fronteira no distrito de Portalegre

Viver junto à fronteira poupa 271 euros por ano

Um estudo da consultora Deloitte encomendado pela Associação Portuguesa das Empresas Petrolíferas (Apetro) concluiu que a carga fiscal sobre os combustíveis e o IVA em Portugal em relação a Espanha gera perda de receitas fiscais para o estado português. Os portugueses que vivem até 60 quilómetros da fronteira poupam, só em combustíveis, 271 euros por ano.

Gasolina portuguesa é das mais caras do MundoAs conclusões do estudo feito pela Deloitte, uma da mais reconhecidas empresas mundiais de consultoria financeira, para a a Apetro não podia ser mais arrasador para as opções do Governo português.
Os dados agora divulgados pelos responsáveis da associação são esclarecedores: as famílias portuguesas pagaram, em 2006, mais 271 euros em combustível do que os vizinhos espanhóis com referência a diferenças de 28 cêntimos na gasolina, 11 cêntimos no gasóleo e 11,46 euros na garrafa de 13 quilos de gás doméstico (butano). A carga fiscal representa em Portugal 62 por cento do preço da gasolina (54 em Espanha) e 52 por cento no gasóleo (47 em Espanha).
Mais grave ainda são as consequências directas do fenómeno denominado Fuel Turism, ou seja, por arrasto os portugueses enchem o depósitos e aproveitam para adquirir outros bens e serviços do outro lado da fronteira gerando um desvio entre 139 e 155 milhões de euros anuais.
Quanto maior for a diferença mais apelativo se torna para os portugueses (do Minho ao Algarve) que vivem junto à fronteira deslocarem-se a Espanha para atestar o depósito e maior será a perda fiscal para o Estado português. Os indicadores apontam para uma diminuição de impostos de 147 milhões de euros e de 73 milhões de euros para as petrolíferas e revendedores.
Recorde-se que além das diferenças no imposto petrolífero o Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) tem uma taxa de 16 por cento em Espanha e mais cinco pontos percentuais (21) em Portugal.
jcl