O Chico Esperto

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Querido(a) leitor(a), nunca discuta com um Chico Esperto. Ele rebaixa-o ao mesmo nível dele e vencê-lo-à pela grande experiência que tem.

Cuidado com os Chico-Espertos

Cuidado com os Chico-Espertos

.
Os Chicos Espertos estão, sempre, contra a corrupção… dos outros

O Chico Esperto é de uma mediocridade a todos os níveis, invejoso, de um egoísmo sórdido e de um egotismo levado ao extremo, ou seja, tem um sentimento exagerado do seu valor ! E principalmente dos seus direitos, também renuncia com facilidade à qualidade de Homem.

Não associa a corrupção e as ilegalidades da Democracia aos corruptos, mas sim ao partido a que estes pertencem, ou seja, mete tudo dentro do mesmo saco, por isso diz-se antipolítico, e a maior parte das vezes apoiante fervoroso da Extrema Direita.

Não é cidadão revoltado contra as políticas neoliberais, contra a perca de soberania política e económica do nosso País, o problema dele reside simplesmente na inveja, e inveja a quem? Àqueles que vivem da corrupção e que ganham milhões, por isso o Chico Esperto está contra a corrupção! Mas contra a corrupção dos outros! A vontade dele era chegar ao mesmo patamar de corrupção, mas como não pode, inveja.

Por norma também não é amante do hedonismo nem da política, mas com esta às vezes existe uma nebulosidade estranha…

Por fim, despreza tudo o que não pode ser convertido em dinheiro contante e sonante.

:: ::
«Passeio pelo Côa», opinião de António Emídio

Deixar uma resposta