Ciência Viva na Colónia Agrícola Martim Rei

Câmara Municipal Sabugal - © Capeia Arraiana

O Município do Sabugal, em parceria com o Programa Ciência Viva, do Ministério da Ciência e da Tecnologia, está a desenvolver o projecto «Quinta Experimental – Rural Life», a instalar na Colónia de Martim Rei.

A Quinta Experimental Ciência Viva ficará na Colónia Agrícola Martim Rei

O projecto consiste na criação de um espaço de promoção rural e de valorização ambiental, assente na recuperação e refuncionalização do património da antiga Colónia Agrícola.
Aproveitando as infra-estruturas existentes na Colónia, o projecto, ainda em fase de elaboração, prevê a criação de uma Quinta Experimental assente em actividades campestres como a agricultura, a pecuária e a silvicultura, em proximidade com a natureza.

A antiga adega receberá um espaço de exposição interactiva

O centro Ciência Viva a instalar no concelho do Sabugal é diferente dos modelos atuais, na medida em que terá características únicas, que passam pela recuperação de um conjunto de edifícios da antiga colónia agrícola, incluindo a casa de uma antiga família de colonos, cantina, adega, e ainda a antiga escola. Os espaços serão direccionados para a recriação da actividade rural, associada a actividades de lazer, assegurando assim a componente de educação ambiental e pedagógica para o público.
A Quinta Experimental Ciência Viva da Colónia instalará na antiga adega um espaço de exposição interactiva. No edifício da cantina ficará por sua vez um espaço de alojamento. O edifício da antiga escola da Colónia dará lugar a um espaço multifuncional. Nas terras de cultivo serão instaladas hortas pedagógicas e o edifício principal será dotado de salas para investigação e conhecimento.

A antiga escola dará lugar a um espaço multifuncional

Os visitantes da Quinta experimental poderão ficar alojados durante vários dias, participando nas actividades da quinta, colaborando nas tarefas agrícolas e pecuárias, aprendendo as artes e ofícios tradicionais, vivendo assim uma experiência genuína no mundo rural.
O projecto contará com as parcerias da Universidade da Beira Interior (UBI) e dos institutos politécnicos de Castelo Branco (IPCB) e da Guarda (IPG) bem como do Instituto Nacional Investigação Agrícola e veterinária (INIAV). Poderá contar ainda com a parceria do Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) e da Reserva Natural da Serra da Malcata (RNSM). As associações do concelho do Sabugal, nomeadamente as ligadas aos sectores agrícola, pecuário e florestal, poderão ser também parceiras do projecto.
plb

Deixar uma resposta