Freguesias do concelho do Sabugal em 1758 (13)

Censos 1758 - © Capeia Arraiana

:: :: CERDEIRA :: :: Os manuscritos depositados na Torre do Tombo, em Lisboa, são a resposta a um inquérito censório a todo o reino assinado pelo Marquês de Pombal três anos após o terramoto de 1755. O Capeia Arraiana está a publicar as respostas dos párocos das paróquias das 40 freguesias do concelho do Sabugal agora que, pelo menos 10 das retratadas, vão desaparecer para sempre por obra e graça dos senhores mandantes da troika europeia.

Senhora do Monte - Cerdeira - Capeia Arraiana

Senhora do Monte – Cerdeira

CERDEIRA«Dizem que foi fundada pelo Rev. Abade do Real Mosteiro de Santa Maria de Aguiar, que antigamente foi Vila. São muitas as procissões que se fazem na freguesia, sobretudo à Ermida de Nossa Senhora do Monte. lndicam-se os dias.»

Comarca de Pinhel, Termo de Castelo Mendo, Bispado de Viseu.
Arquivo Nacional da Torre do Tombo (ANTT), Dicionário Geográfico, vol. 42, doc. 57, p. 35.
Património arquivista da Paróquia da Cerdeira entre 1621 e 1911.
Aqui.

«Eu, Manoel Francisco Damazo, Vigario Parochial Igreja de Nossa Senhora da Vezitaçam, do Lugar desta freguezia do Arceprestado da Villa de Castello Mendo, dando cumprimento a ordem do muito Rev.°° e lilustre Cabido, acho que nesta minha freguezia se nam sabe quem foi o fundador da igreja, mas sim hé esta de Administraçam do Revm.° Pe. Dom Abbade do Real Mosteiro se Santa Maria de Aguiar, e tambem se diz que antigamente foi Villa, e tinha muitos e grandes privilegios, como consta do Cartorio do Real Mosteiro.
Hé orago della Nossa Senhora da Vezitaçam. Tem pessoas mayores duzentas e corenta, menores corenta e tres.
Nam tem Mosteiros, nem de Riligiozos nem de Religiozas; Nem Seminarios, nem Caza de Mizericordia, nem de Orfons, nem Hospitais, nem lugares pios.
As prossiçoins que nesta freguezia se custumam fazer sam: as Ladainhas Reais tres dias; dia de S. Marcos; dia de St.° Amaro se vai em prossiçam a huma Capella, do mesmo Santo, sita na Quinta do Cortelho da mesma freguezia; no dia seguinte depois do dia da Ascençam de Christo, se vai a huma Capella de Nossa Senhora do Monte; foi esta instituída para aplacar a peste de garrotilho; e no Sabado seguinte se vai tambem a dita Capella, com preces, para que Deos livre os frutos da videira do polgam; Tem mais todos os Domingos terceiros prossiçam do Sacramento; mais, todos os Domingos primeiros do mes, prossiçam de Nossa Senhora do Rozario; tem mais, o primeiro Sabado da quaresma, obrigaçam de hir em prossiçam a dita Capella de Nossa Senhora do Monte, a qual capella concorrem todos os sabados da Quaresma muitos povos, repartidamente em cada sabado; e do Bispado da Guarda, sam os seguintes: Pouzade, Cazal de Cinza, Villa Fernando, Marmeleiro, Monte Margarida, Seixo do Coa. Bispado de Lamego, delle vem em romaria a dita Capella: Val Longo, Vademallos. Deste Bispado de Vizeu, vem tambem em romaria os seguintes povos: Miuzella, Porto de Ovelha, Cazas do Jardo, Misquitella duas vezes no anno, Adem duas vezes no anno, Cabreira duas vezes no anno, Amoreira duas vezes no anno, Freixo e Parada.
E os mais dam Cirios de esmolla a dita Capella; diz-se por tradiçam que esta Senhora apareceu no mesmo sitio, e foi fundada com esmollas dos fieis christans, e com ellas se governa. E hé huma Caza muito suntuoza, toda de pedra lavrada, e tem hum muito grave frontespicio e tres arcos. Hé administrada por dois mordomos, que todos os annos sam eleytos, por eleyçam que se faz no povo pelos moradores e parocho. Tem os tais mordomos obrigaçam de pedir esmolla pelos povos concorrentes no mesmo, e mandar fazer despois, todos os sabados da Quaresma na dita Cappela e hum na Quinta feira santa na Igreja Matriz, e festa dia de Nossa Senhora a quinze de Agosto, e na segunda feira da outava da Pascoa, e missas de obrigaçam em diversos dias do anno.
Também tres aniversarios nesta freguezia: hum de huma Irmandade de Santo Antonio, hum no sabado de Ramos na dita Capella de Nossa Senhora do Monte, outro na Igreja Matriz, da Confraria de Nossa Senhora do Rozario, todos pelas almas.
A Capella de Santo Amaro foi fundada pellos moradores do povo, e por elle hé governada.
Nam há sepulturas, nem letreiros, nem tem noticia de pessoas insignes nem de Letras, todos sam lavradores ou pastores.
Hé o que achei na verdade, e como me assignei.
Cerdeira, em 26 de Maio de 1758.
O Vigario Manoel Francisco Damazo.»

Ver perguntas do inquérito. Aqui.
Fonte: Alfaiates-Na órbita da Sacaparte. Autores: Pe. Francisco Vaz e Pe. António Ambrósio.
(Continua.)

jcl

Deixar uma resposta