Balanço à XXV Feira Concurso do Jarmelo

Vaca Jarmelista - Jarmelo - Capeia Arraiana

Fazendo um balanço rápido do que foi esta edição, diríamos que correu bastante contra o esperado. Esperava-se chuva, esteve sol. Falta de público, estiveram os mesmos de sempre, mais umas quantas confrarias que já fazem do Jarmelo ponto de encontro…

Vaca Jarmelista - Jarmelo - Guarda - Capeia Arraiana

Vaca Jarmelista – Jarmelo – Guarda

Feira da Vaca JarmelistaCom o apoio costumado da AcriGuarda, fez-se a recepção aos animais, sendo que as vacas (cerca de 20) superaram as expectativas; as ovelhas mantiveram mais ou menos o número; as cabras, como já vimos a alertar há uns anos, precisam de criadores que apostem nelas, pois a cada ano há menos nos campos e por consequência na mostra.
Cerca de 30 criadores, trouxeram os seus animais, destacando-se que em mostra estiveram sete dos 15 criadores da jarmelista que estão no processo.
Conforme estava previsto, os prémios aos produtores, não foram muito significativos, daí que mais uma vez aqui reforçamos a nossa gratidão para com todos os que quiseram vir.
A Câmara Municipal da Guarda, entregou este ano, pela primeira vez, o suplemento à criação (100 euros) por cada animal nascido em 2008.
O compromisso dos discursos, foi mais ou menos o já habitual: a organização a «chorar» por apoios mais consistentes e as entidades presentes a responder com a promessa de maior empenho. Acreditamos que essa concertação de esforços que todos achamos necessária, será uma realidade breve e transformar-se-á na grande aposta estratégica para o mundo rural da região da Beira Interior.
A animação esteve a cargo de grupos de música popular (incluindo uma parceria estabelecida com a «Ronda de Aguilar de Campoo» de Espanha), insufláveis, manejo de «armas medievais», desportos radicais (incluindo uma descida do marco geodésico, num cabo de cerca de 300 metros). Todas estas actividades tiveram muito boa adesão por parte dos visitantes.
Tudo indica que quer a Direcção-Geral de Veterinária, quer a DRAPC-Direcção-Geral de Agricultura e Pescas do Centro (antiga DRABI), vão concentrar mais energias no sentido de que algumas situações pontuais, possam ser mais céleres, pois o tempo urge.
Cabe-nos aqui, mais uma vez, agradecer todo o empenho que a comunicação social regional e nacional, tem posto na nossa «causa», dando-nos a visibilidade necessária (e achamos nós suficiente), para que as entidades que tiverem que decidir, se sintam respaldadas num maciço apoio popular.
As entidades presentes foram as seguintes: DRAPC (eng.º Rui Moreira e eng.º António Patrício), DGVC-Direcção-Geral de Veterinária do Centro (dr. Brás e dr.ª Clara Quinaz), Câmara Municipal da Guarda (executivo), e no júri o representante da ANCRAS.
Agostinho da Silva

Deixar uma resposta