Tag Archives: voluntários

Bombeiros - © Capeia Arraiana (orelha)

Eleições nos Bombeiros Voluntários do Soito

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito (AHBVS) elegeu novos corpos sociais para o triénio 2013/2015. A médica Delfina Domingues Vilardell é a nova presidente da Direcção.

Bombeiros - © Capeia Arraiana (orelha)

Ampliação do quartel dos Bombeiros do Soito (31)

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito iniciou em 16 de Setembro de 2011 a ampliação das instalações do quartel. O projecto é um grande salto na melhoria das condições da corporação e uma das maiores iniciativas da anterior Direcção presidida por Maria Benedita Rito Dias.

Faleceu o bombeiro Sérgio Hilário

Sérgio Hilário, bombeiro dos Voluntários do Sabugal, faleceu hoje, dia 11 de Dezembro, no Hospital de Coimbra, onde estava internado há 12 dias, após ter sofrido um AVC quanto conduzia uma ambulância da corporação no IP3. O bombeiro sabugalense tinha 36 anos e fazia parte do efectivo dos soldados da paz, onde era muito estimado pelos colegas.

Ampliação do quartel dos Bombeiros do Soito (30)

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito iniciou em 16 de Setembro de 2011 a ampliação das instalações do quartel. O projecto é um grande salto na melhoria das condições da corporação e uma das maiores iniciativas da actual Direcção presidida por Maria Benedita Rito Dias.

(clique nas imagens para ampliar.)

Começa a tomar forma e a cor predominante dos bombeiros, fazendo um belo contraste com as incomparáveis nuvens da nossa região.

Quem pretender ajudar os bombeiros pode transferir o seu donativo para:
NIB: 003507020001137293062
ou, se for no estrangeiro, através do:
IBAN: PT50003507020001137293062, código CGDIPTPL.
A Direção e os Bombeiros Voluntários do Soito agradecem.
jcl

Ampliação do quartel dos Bombeiros do Soito (27)

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito iniciou em 16 de Setembro de 2011 a ampliação das instalações do quartel. O projecto é um grande salto na melhoria das condições da corporação e uma das maiores iniciativas da actual Direcção presidida por Maria Benedita Rito Dias.

(clique nas imagens para ampliar.)

O Sr. António José Saraiva e o Sr. Eng.º Filipe Figueira responsáveis pela obra adjudicada, têm estado em diálogo constante, por intermédio das atas semanais, com elementos da Direção dos Bombeiros e o Sr. Eng.º Miguel Neto da Câmara Municipal, para que se cumpra o projeto.

Quem pretender ajudar os bombeiros pode transferir o seu donativo para:
NIB: 003507020001137293062
ou, se for no estrangeiro, através do:
IBAN: PT50003507020001137293062, código CGDIPTPL.
A Direção e os Bombeiros Voluntários do Soito agradecem.
jcl

Ampliação do quartel dos Bombeiros do Soito (25)

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito iniciou em 16 de Setembro de 2011 a ampliação das instalações do quartel. O projecto é um grande salto na melhoria das condições da corporação e uma das maiores iniciativas da actual Direcção presidida por Maria Benedita Rito Dias.

(clique nas imagens para ampliar.)

Com a estrutura para o piso das garagens já colocado e depois das férias que os trabalhadores bem merecem, recomeçam as obras em setembro, sem pararem até final.

Quem pretender ajudar os bombeiros pode transferir o seu donativo para:
NIB: 003507020001137293062
ou, se for no estrangeiro, através do:
IBAN: PT50003507020001137293062, código CGDIPTPL.
A Direção e os Bombeiros Voluntários do Soito agradecem.
jcl

Bombeiros - © Capeia Arraiana (orelha)

Ampliação do quartel dos Bombeiros do Soito (12)

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito iniciou em 16 de Setembro de 2011 a ampliação das instalações do quartel. O projecto é um grande salto na melhoria das condições da corporação e uma das maiores iniciativas da actual Direcção presidida por Maria Benedita Rito Dias.

(clique nas imagens para ampliar.)

Ampliação do quartel dos Bombeiros do Soito (2)

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito iniciou em 16 de Setembro de 2011 a ampliação das instalações do quartel. O projecto é um grande salto na melhoria das condições da corporação e uma das maiores iniciativas da actual Direcção presidida por Maria Benedita Rito Dias.

(clique nas imagens para ampliar.)

As obras a cargo da Empresa António José Saraiva, com escritórios no Soito, no Centro de Negócios e Transfronteiriço, arrancaram em grande força com as terraplanagens e maquinaria de grande porte. Quem pretender ajudar esta obra com um donativo pode fazê-lo transferindo a verba para:
NIB: 003507020001137293062
ou, se for no estrangeiro, através do:
IBAN: PT50003507020001137293062, código CGDIPTPL.
A Direção e os Bombeiros Voluntários do Soito agradecem.
jcl

Ampliação do quartel dos Bombeiros do Soito (1)

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito iniciou em 16 de Setembro de 2011 a ampliação das instalações do quartel. O projecto é um grande salto na melhoria das condições da corporação e uma das maiores iniciativas da actual Direcção presidida por Maria Benedita Rito Dias.

(clique nas imagens para ampliar.)

Quem pretender ajudar esta obra com um donativo pode fazê-lo transferindo a verba para:
NIB: 003507020001137293062
ou, se for no estrangeiro, através do:
IBAN: PT50003507020001137293062, código CGDIPTPL.
A Direção e os Bombeiros do Soito agradem.
jcl

Momento alto nos Bombeiros do Sabugal

As eleições na Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Sabugal são um momento de grande importância.

Ramiro Matos – «Sabugal Melhor»Há três anos atrás, recebi um convite que, desde o primeiro momento entendi como uma ordem, para me candidatar a Presidente da Assembleia Geral da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Sabugal.
E uma ordem, primeiro, pelo papel que o meu pai já havia desempenhado, enquanto bombeiro e enquanto dirigente, segundo, porque pertencer aos órgãos dirigentes de uma Associação como esta, é para mim uma honra e um dever.
Nos últimos dias tive, enquanto Presidente da Assembleia Geral um dos momentos mais significativos, com a assinatura do edital que inicia o período eleitoral para a eleição de novos corpos directivos.
A disponibilidade de todos os associados para integrarem os corpos directivos é um dever inalienável e devia ser entendido como o passo mais importante de cada um.
E por isso, espero que os diferentes associados se movimentem para que até dia 20 de Dezembro seja possível contar com mais de uma lista candidata.
Mas se tal não se concretizar, espero e tudo farei para que se registe um elevado número de votantes no dia das eleições.
Estas são, aliás, umas eleições muito importantes, pois os próximos dirigentes continuarão a tarefa empreendida pelos actuais corpos directivos de dotar a Corporação com novas e mais dignas instalações.
Outro momento alto vivi-o na passada sexta-feira, quando acompanhei o Presidente da Direcção da Associação e o Comandante do Corpo de Bombeiros na assinatura do Protocolo de cedência de uma viatura de desencarceramento que, a partir daquele dia, estará ao serviço das populações do Concelho e do Distrito.
Trata-se de um equipamento que vem suprir uma lacuna na capacidade de socorro a veículos acidentados, sendo um veículo de grande qualidade e com equipamento do mais moderno que existe, salientando-se que os Bombeiros do Sabugal, em conjunto com os de Campo de Ourique e os Alcácer do Sal, foram a primeira Corporação do País a receber os novos veículos.
A cerimónia de entrega foi presidida pelo Ministro da Administração Interna que se encontrava acompanhado pelo Secretário de Estado da Protecção Civil, estando ainda presente e connosco partilhando aquele momento o Governador Civil da Guarda, entidade que também contribuiu para a aquisição da viatura.

Ps. Deveria concluir hoje a apresentação do Plano Estratégico para as Áreas de Baixa Densidade do Algarve, o que farei na próxima semana.
«Sabugal Melhor», opinião de Ramiro Matos
(Presidente da Assembleia Municipal do Sabugal)
rmlmatos@gmail.com

Os primeiros bombeiros do Soito

A fotografia que acompanha esta crónica, embora não muito nítida, refere-se à primeira incorporação de bombeiros do Soito, em 1982. A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito foi fundada em 5 de Junho de 1981. Esta fotografia é, presumivelmente, da Primavera de 1982.

Bombeiros Voluntários Soito

João Aristides Duarte - «Memória, Memórias...»Os bombeiros começaram por ter ao seu serviço apenas uma ambulância, a que se seguiu um carro que servia para o transporte de pessoal e de material como pás e enxadas, para combater os incêndios florestais. Não havia, praticamente, mais nenhum equipamento que os primeiros bombeiros do Soito pudessem utilizar.
Para se organizar o corpo de bombeiros no Soito contou-se com a colaboração voluntária de instrutores que vinham da Guarda e do Sabugal, ajudar na formação.
O primeiro comandante dos Bombeiros Voluntários do Soito foi o sr. José Freire, que foi, mais tarde, Presidente da Câmara Municipal do Sabugal.
Como adjuntos do comandante encontravam-se o senhor Ireneu Coelho (que seria, mais tarde, comandante) e outro senhor que no Soito era conhecido por Quintanilha, que era empregado da Cristalina.
O fardamento dos bombeiros era constituído por fato-macaco de cor azul, no que se refere ao combate a incêndios e calças azuis e umas camisas brancas (oferecidas pelas Confecções Univest), no caso do fardamento para cerimónias (que é o que se encontra na fotografia). Nem sei bem se este fardamento era considerado oficial pelas autoridades que supervisionavam os Bombeiros, na época.
Os Bombeiros do Soito foram instalar-se no Pavilhão Gimnodesportivo, construído pelo Povo do Soito, para sede da Associação Cultural e Desportiva do Soito, fundada em 1977 e, nesta época, desactivada. A ACDS chegou a ter pergaminhos numa modalidade chamada luta greco-romana (treinada pelo Zé Freire). Alguns dos praticantes dessa modalidade, no Soito, chegaram a ser campeões distritais e bateram-se bem em torneios de nível nacional.
Na foto pode ver-se o Pavilhão Gimnodesportivo ainda com as paredes em blocos de cimento e o anexo ainda em construção.
Talvez perto de trinta rapazes formaram a primeira incorporação dos bombeiros do Soito.
Alguns já faleceram e outros foram abandonando, por diversos motivos. Hoje, restam apenas cinco ou seis que ainda continuam bombeiros no Soito, entre os quais o actual comandante, sr. Joaquim Barata.
Na foto, em primeiro plano, vê-se uma criança fardada que me parece ser Filipe Frade, que era conhecido pelo Filipe Bombeirinho e nunca chegou, efectivamente, a ser bombeiro a sério.
O autor desta crónica pertenceria ao corpo de bombeiros do Soito na segunda incorporação, em 1983, e passou ao Quadro de Honra em Dezembro de 2009.
«Memórias, Memórias…», opinião de João Aristides Duarte

(Deputado da Assembleia Municipal do Sabugal)
akapunkrural@gmail.com

Novo quartel para os Bombeiros do Sabugal

[vodpod id=ExternalVideo.864748&w=425&h=350&fv=]

Bombeiros do Sabugal comemoram 114 anos

Os Bombeiros Voluntários do Sabugal comemoram no dia 7 de Agosto, 114 anos de actividade. As festividades estão marcadas para sábado, 8 de Agosto, no terreno junto ao Estádio Municipal onde vai ser construído o futuro quartel da corporação.

Bombeiros Voluntários Sabugal - 114 anos«Cumprem-se precisamente amanhã cem anos, da data em que um grupo de homens bons tiveram a ousadia de comparecer no Governo Civil da Guarda com um projecto de estatutos, e disseram a quem os recebeu, que o povo de Sabugal, essa Vila de cinco quinas perdida nas serras a raiar Espanha, portuguesa pelo tratado de Alcanizes, também queria juntar esforços para protecção de vidas e bens, seus e dos seus vizinhos.»
Assim começava, em 6 de Agosto de 1995 a intervenção do Presidente da Direcção da altura (por acaso o mesmo de hoje), na sessão solene da comemoração do centenário da Associação.
Em 7 de Agosto de 2009, comemorar-se-ão 114 anos.
Quisemos este ano comemorá-los de forma diferente: Porque cada vez mais as Associações se dissociam das populações, ou vice-versa, quisemos comemorá-los com a população, sócios ou não, pouco importa, já que a associação e sobretudo o seu Corpo de Bombeiros, serve a todos, independentemente de ser ou não sócio, independentemente da sua raça ou credo.
Assim, convidamos todos, a testemunhar connosco, no dia 8 de Agosto, a escritura do terreno que vai servir para a construção de novas instalações, mais modernas e mais adaptadas às necessidades de agora, e depois conviver connosco num lanche convívio aberto a todos que desejem participar.
Queremos que venhas… e tragas um amigo, sejas ou não sócio, tenhas ou não ideia de contribuir para que o novo quartel seja uma realidade.
Com a ajuda de todos, há-de sê-lo.
A Associação e o seu Corpo de Bombeiros, mas sobretudo as populações que poderão vir a ter melhor serviço, vo-lo agradecerão.
Luís Carriço

Bombeiros do Soito comemoram 28.º aniversário-2

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito juntou as comemorações do aniversário à chegada, novinha em folha, da ambulância do INEM. No final de um intenso programa os convidados e os «da casa» reuniram-se à volta de um bolo de aniversário com 28 velas.

GALERIA DE IMAGENS – 11-7-2009
Clique nas imagens para ampliar

Bombeiros do Soito assinam protocolo com INEM

No sábado, 11 de Julho de 2009, será comemorado o 28.º Aniversário da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito. O presente será ofertado em forma de assinatura de protocolo entre a Presidente da Associação, Maria Benedita Rito Dias, o Secretário de Estado da Saúde, Manuel Pizarro e o Presidente do INEM, Abílio Gomes.

Ambulância INEM Bombeiros Voluntários SoitoVão estar presentes nas instalações dos Bombeiros Voluntários do Soito para a cerimónia de assinatura do protocolo os exmos Secretário de Estado da Saúde, Dr. Manuel Pizarro, o Chefe de Gabinete, Dr. André Azevedo, o Secretário Geral da Saúde, Dr. João Nabais, o Presidente do INEM, Dr. Abílio Gomes, o Vice-presidente do INEM, Eng.º Pedro Lopes, o Representante do Governo Civil da Guarda, o Vice-Presidente da Liga dos Bombeiros de Portugal, Dr. Paulo Hortênsio, em substituição do Presidente Dr. Duarte Caldeira, o Presidente da Câmara Municipal do Sabugal, Manuel Rito, e o Presidente da Federação dos Bombeiros da Guarda, entre outros representantes do concelho e do distrito.
Para os incrédulos, cépticos e maldizentes em comentários despropositados acerca das capacidades da nossa Presidente, têm uma boa oportunidade de estarem presentes e verificarem pessoalmente que o que disseram não passa de pura especulação.
Será entregue e benzida a ambulância 112 do INEM para que esta Associação do Soito possa cada vez mais e melhor servir as povoações que lhe estão designadas e a todos os que pedirem auxilio.
O programa da cerimónia vai ser o seguinte: hastear da bandeira, recepção aos convidados, missa de aniversário, porto de honra, assinatura do protocolo e entrega da Ambulância (Mercedes) 112, bênção de 4 novas viaturas e desfile das mesmas, seguindo-se o almoço-convívio no restaurante «as Sereias» no Soito.
Josué Rito Dias

Bombeiros - © Capeia Arraiana (orelha)

Bombeiros do Sabugal convocam Assembleia Geral

O Presidente da Mesa da Assembleia Geral da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Sabugal, Ramiro Matos, publicou um edital convocando os associados para uma reunião magna a ter lugar no sábado, 14 de Março, na sede da Associação.

Bombeiros do Sabugal admitem colaboradores

A Direcção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Sabugal tornou público, por edital, que aceita candidaturas para admissão de colaboradores nas áreas da saúde e da silvicultura.

Bombeiros Voluntários do SabugalUm edital assinado por Luís Carlos Carriço, presidente da Direcção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Sabugal tornou público que aceitam candidaturas para admissão de colaboradores nas áreas da saúde (transporte de doentes) e da silvicultura.
Os interessados devem ter como habilitação mínima o 9.º ano de escolariedade deverão preencher a ficha de inscrição que poderá ser solicitar na Secretaria da Associação ou copiada no final deste artigo.
As propostas deverão ser enviadas por:
– Correio – Av. dos Bombeiros Voluntários, 6320-505 Sabugal;
– Fax – N.º 271 753 635;
– Email – dir.bvsabugal@iol.pt,
até às 18 horas do dia 23 de Outubro de 2008.
Para além da cópia dos documentos de identificação (Bilhete de Identidade, cartão de identificação fiscal, carta de condução e habilitações) os interessados poderão anexar os documentos que entenderem pertinentes à análise da sua candidatura.

Ficheiro «pdf» com a proposta de admissão para «download» aqui.
jcl

Bombeiros do Soito ignorados pelo INEM

A presidente da Direcção da Associação dos Bombeiros Voluntários do Soito, Maria Benedita Rito Dias, emitiu um comunicado pedindo explicações para o facto de ter ficado à margem de uma reunião realizada no Centro de Saúde do Sabugal para definir a colocação pelo INEM de uma ambulância operacional de Suporte Imediato de Vida (SIV) visando melhorar os cuidados prestados em ambiente pré-hospitalar à população.

Maria Benedita Rito DiasO comunicado emitido pela presidente Maria Benedita Rito Dias denota insatisfação pela não convocatória de um representante dos Bombeiros do Soito para as reuniões realizadas no Sabugal e solicita uma resposta para a atitude discriminatória do INEM e da Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro.

«A Associação dos Bombeiros Voluntários do Soito, teve conhecimento que na semana passada houve uma reunião no Sabugal, no Centro de Saúde e nos Bombeiros do Sabugal, com representantes do INEM, da ARS do Centro, do Centro de Saúde e dos Bombeiros Voluntários do Sabugal.
Esta reunião serviu para transmitir a decisão de que, a partir de 15 de Setembro 2008, irá ser colocada uma Ambulância SIV no Centro do Saúde.
A Presidente dos Bombeiros Voluntários do Soito pediu uma justificação ao Sr. Presidente do INEM, com conhecimento de várias entidades entre elas a Sra. Ministra da Saúde, a Liga dos Bombeiros, a Autoridade Nacional e a Câmara Municipal do Sabugal do porquê desta nossa Corporação não ter sido convidada a assistir, mais que não fosse, à dita reunião.
Colocamos um prazo de 10 dias úteis para nos darem uma resposta.
Maria Benedita Rito Dias
Presidente da Direcção da Associação dos Bombeiros Voluntários do Soito»

No sentido de decifrar alguma da linguagem técnica da colocação das ambulâncias de Suporte Imediato de Vida (SIV) ficámos a saber junto de fonte do Ministério da Saúde que «as SIV estão a ser colocadas em diversas localidades de Portugal Continental, num processo faseado, iniciado em 2007 e que termina no início de 2009. Os locais exactos foram definidos na sequência de um processo em que intervieram o Ministério da Saúde, o INEM, as Administrações Regionais de Saúde (ARS) e os autarcas responsáveis pelos vários concelhos envolvidos».
Em algumas zonas do território, como o concelho do Sabugal, nas situações em que o tempo é um factor crucial e a distância a que se encontram os meios diferenciados de emergência médica dificulta o seu envio em tempo útil, é necessário recorrer a meios com uma capacidade para prestar cuidados limitada ao nível do Suporte Básico de Vida para transporte da vítima a uma Unidade de Saúde, porque estes são os meios disponíveis mais próximos.
O Projecto SIV, coordenado pelo INEM, resulta da necessidade de desenvolver continuamente o Sistema Integrado de Emergência Médica (SIEM), com o objectivo de melhorar cada vez mais os cuidados de Emergência Médica Pré-Hospitalar prestados à população.
A expressão SIV traduz um conceito, aceite pela comunidade científica médica, baseado na necessidade de garantir os cuidados de saúde capazes de resultar numa reanimação com sucesso até estar disponível uma equipa médica, dita de suporte avançado de vida.
Ambulância SIVAs SIV complementam as Viaturas Médicas de Emergência e Reanimação (VMER) e diferem destas pela ausência de um médico e de equipamentos cujo manuseamento implica a presença de alguém com formação em medicina, mas continuam a dispor de meios para reanimar ou entubar um paciente, para o que foi dada formação ao técnico que incorpora a tripulação. As Ambulâncias SIV são tripuladas por um Enfermeiro e por um Técnico de Ambulância de Emergência (TAE).
Ainda segundo a fonte do Ministério da Saúde «estão já em funcionamento 16 ambulâncias de Suporte Imediato de Vida, nos seguintes locais: Moura, Odemira, Elvas, Estremoz, Gondomar, Amarante, Régua, Fafe, Cabeceiras de Basto, Montalegre, Mirandela, Vila Conde, Santo Tirso, Seia, Peniche e Mira/Cantanhede. Até ao início de 2009, altura em que se prevê a concretização da última fase do projecto, deverão ter entrado em funcionamento 41 unidades. Ou seja, no âmbito da reforma das urgências/emergência, vão ser implementadas 93 ambulâncias, oito Viaturas Médicas de Emergência e Reanimação e três helicópteros.»
Vamos, agora, perceber melhor o que pensa a Presidente da Direcção dos Bombeiros do Soito, Maria Benedita Rito Dias. «Escrevi uma carta e dei um prazo de dez dias para que me explicassem porque ficámos de fora das reuniões que decorreram no Centro de Saúde e nos Bombeiros do Sabugal. O nosso concelho tem duas corporações de bombeiros e apenas esteve presente uma. Porquê? Em 2007 fizemos um investimento de cerca de 100 mil euros em duas ambulâncias equipadas com todos os equipamentos necessários. Os nossos bombeiros frequentam cursos de Tripulantes de Ambulância de Socorro (TAS) e dez deles estão habilitados com formação de 210 horas em Desfibrilhadores Automáticos Externos (DAE) idêntico ao Tripulante de Ambulância de Emergência (TAE). A nossa associação tem, ainda, um formador acreditado em DAE. Mas… ficámos de fora da reunião. Porquê?», disse-nos, inconformada a dirigente.
E a concluir: «Falei com o senhor presidente da Câmara Municipal do Sabugal que me garantiu que o município não teve conhecimento oficial, nem esteve representado nas referidas reuniões. Os Bombeiros Voluntários do Soito são um posto de reserva do INEM preparado para responder em caso de emergência pré-hospitalar e prometeram-nos que durante o presente ano seriamos integrados no INEM. Afinal o que se passa?»
O Capeia Arraiana está em condições de adiantar que a proposta que está a ser negociada prevê o estacionamento da ambulância SIV, com tripulação externa ao concelho, no Centro de Saúde do Sabugal, entre as 20 e as 8 horas da manhã do dia seguinte.
jcl

Imagem da semana – 30-6-2008

Segunda-feira é dia de publicar a «Imagem da Semana». Ficamos à espera que nos envie a sua escolha para a caixa de correio electrónico:
capeiaarraiana@gmail.com

Data: Junho de 2008.

Local: Soito (Sabugal).

Legenda: Cerimónia de comemoração do 27.º Aniversário dos Bombeiros Voluntários do Soito.

Autoria: Josué Rito Dias.
Clique na imagem para ampliar

Bombeiros do Soito contestam Junta de Freguesia

O Capeia Arraiana publica um documento assinado por Maria Benedita Rito Dias, Presidente da Direcção dos Bombeiros Voluntários do Soito contestando a atitude da Junta de Freguesia local em relação à associação de que é dirigente.

Maria Benedita Rito Dias«O desenvolvimento do Concelho e especialmente da nossa Freguesia, Soito, é uma tarefa colectiva para a qual todos temos o dever de contribuir. Para tal é necessário que quem assume cargos de decisão, cumpra.
Ora bem, tal não se verificou na Junta de Freguesia do Soito, que não deu resposta a um pedido dos Bombeiros Voluntários local e não cumpriu os prazos de resposta perdendo-se assim um concurso de milhares de euros para os Bombeiros, do Quadro de Referência Estratégica Nacional (QREN).
A própria Senhora Governadora Civil da Guarda apelou a todas as Instituições para concorrerem e para dinamizar projectos. Foios, Vale das Éguas, a Câmara, etc., concorreram, mas como a Junta de Freguesia do Soito deve ser muito rica e não necessita de novos projectos deixou ultrapassar os prazos e perdeu-se mais um beneficio. É só mais um.
Para entrar com um projecto e concorrer ao QREN, no dia 12 de Novembro de 2007, a Direcção dos Bombeiros Voluntário do Soito fez um pedido por correio com aviso de recepção, à Junta de Freguesia cessante, para cedência de um pedaço de terreno nas Eiras para alargamento e construção de garagens e até agora não houve resposta, (o prazo do QREN terminou).
No dia 24 de Março de 2008 foi renovado o pedido à nova Junta de Freguesia, entregue em mão própria pela Presidente e Comandante e seus respectivos Adjuntos, na Junta, na presença de todos os Elementos da Junta de Freguesia, com o carácter de urgência, o prazo estava a terminar e estaria em risco a perca de milhares de euros para os Bombeiros Voluntários e Freguesia. Até agora a resposta não chegou e o projecto foi por água abaixo.
Acredito que, se o assunto fosse levado à Assembleia, ninguém teria a coragem de votar contra, mas o Senhor Presidente da Assembleia, Sr. Henrique entendeu não marcar nem levar esta proposta às reuniões atempadamente, pois para ele de certo não seria importante. Porquê?
É evidente que a Junta só executa assuntos levados pelo Presidente da Assembleia e por sua vez entregues ao Sr. Presidente da Junta, (no entanto, o Sr. Presidente da Junta, Sr. Matias, disse à Sra. Presidente dos Bombeiros Voluntários do Soito que faria uma reunião extraordinária dia 7 ou 8 de Abril, onde está ela? Este também não cumpriu).
Também no dia 27 de Dezembro de 2007 a Presidente da Direcção dos Bombeiros do Soito pediu, presencialmente na sede da Junta, uma fotocópia da acta de 26 de Março de 2004 sendo na altura presidente o senhor João Calva. Logo ali foi informada pelos elementos da mesma que apesar de terem ido à procura do livro não o encontraram.
Ora se o Sr. Presidente da Assembleia, Sr. Henrique, não ligou nenhuma a um pedido com carácter de urgência, social e não político, o que é que este Senhor ali faz? Será que não quer o desenvolvimento da freguesia? Será que o poder lhe subiu à cabeça? Relembro que não foi eleito, mas escolhido, demonstrando incompetência no cumprimento de suas responsabilidades.
A questão aqui está em querer ou não o desenvolvimento, o progresso, o enriquecimento da freguesia.
O ex-autarca da Junta, senhor Rui Monteiro, era Presidente dos Bombeiros Voluntários e o actual Presidente da Assembleia é empregado dos Bombeiros Voluntários do Soito e a pergunta fica no ar: Porquê o poder político à frente dos assuntos sociais da Freguesia? Tomem como exemplo os vizinhos dos Foios. Um dia hão-de querer e nessa altura será tarde, tarde de mais…
Ninguém dá nada a ninguém e, sentado, aguardando a vinda do “Messias” que nos virá salvar da miséria, não resulta, importa trabalhar, cumprir prazos, ser responsável nos cargos que desempenham, caso contrario não os aceitem.
Devemos aproveitar as oportunidades, transformando-nos em pró activos e não em reactivos, como é o estado actual do Sr. Presidente da Assembleia da Junta Sr. Henrique.
O Soito perdeu milhares de euros e a responsabilidade neste momento só cabe a ele que prometeu dar uma resposta e não cumpriu.
No dia 24 de Março realizou-se uma reunião (dita de carácter urgente), com um ponto único, a entrada do Soito numa Associação da Raia em Espanha. Seria mais importante para a Freguesia? Porque não se juntou o ponto dos Bombeiros Voluntários do Soito na ordem de trabalhos? Porquê fazer reuniões só com pontos únicos? Não terá o Sr. Presidente da Assembleia capacidade para mais?
Esta, era a última oportunidade do ano 2007, que não aproveitámos. Deixámos de aplicar o dinheiro em acções que perdurarão para muito tempo.
No dia 2 de Abril realizou-se mais uma Assembleia Municipal novamente apenas com um ponto único (apresentação das contas de 2007) e mais uma vez não foi incluido o assunto há muito solicitado pelos Bombeiros Voluntários do Soito.
Quando não queremos o que nos oferecem é porque somos abastados ou ignorantes.
De uma vez por todas, metam isto na cabeça: ”Isto é um assunto social e não político”.
Soito, 17 de Abril de 2008
A Presidente dos Bombeiros Voluntários do Soito
Prof. Maria Benedita Rito Dias»

Caminhada nocturna em Penamacor

Os Bombeiros Voluntários de Penamacor organizam no sábado, 26 de Abril, noite de lua cheia, a 1.ª Marcha Nocturna «As Fontes» com passagem pelos mais belos chafarizes da região.

Fonte do Poço Carvalho VelhoImagens da Caminhada

 

 

 

 

 

 

Com o lema «Caminhe pelo seu bem-estar» está agendada mais uma caminhada organizada pelos Bombeiros Voluntários de Penamacor.
Após 11 passeios pedestres com grande adesão a novidade da proposta de mais um evento está no horário.
A organização desafia todos os interessados para uma caminhada nocturna em noite de lua cheia com uma distância de 11,5 quilómetros por algumas das mais belas fontes de Penamacor.
A concentração para a «1.ª Marcha Nocturna As Fontes» está marcada para as 21 horas na sede da Associação.
As inscrições são gratuitas mas limitadas e podem ser feitas através da Central de Rádio dos Bombeiros de Penamacor ou do telefone 277 394 122.
jcl

Bombeiros - © Capeia Arraiana (orelha)

Bombeiros do Soito pedem esclarecimentos

A presidente da Direcção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Soito, prof.ª Maria Benedita Rito Dias, entendeu dar conhecimento público das dúvidas levantadas sobre a legalidade da utilização pelos Bombeiros do Sabugal de uma carrinha de nove lugares com a indicação de pertencer à «ARS Guarda».