Tag Archives: rtp

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (207)

Boa tarde. A esta hora pouca gente deverá estar a ver televisão. A menos que esteja a chover! Descobriu-se isso agora? Leia e perceba do que falo…

SIC Mulher - Capeia Arraiana

SIC Mulher

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (188)

Soube-se esta semana que a RTP desceu abaixo dos 10 por cento. Dez por cento, meus amigos! Melhor: menos de 10 por cento! Eu acho que nunca tinha visto tal coisa…

Administração da RTP - José Carlos Mendes - Capeia Arraiana

Administração da RTP-Rádio e Televisão de Portugal

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (179)

Já repararam que as regras (melhor: a falta delas) das redes sociais se estão a espalhar perigosamente pelas televisões fora? Fico estarrecido e preocupado. Mas, sem medidas, de nada me vale… Há-de ser cada vez pior. Se não, leia.

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (177)

Quando foi a última vez que o Sabugal esteve na televisão?

Sabugal, 1317 (Série da RTP «Ministério do Tempo»)

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (165)

A batalha das audiências sempre favoreceu a SIC e a TVI (sobretudo esta última). Mas agora, de repente, a SIC mostra as garras em matéria de ficção – novelas. Veja como.

image (74) copy

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (124)

A RTP não se endireita. A SIC não passa da mediania. A TVI usa os truques todos mas a média fica cá muito por baixo. Essa é a realidade. O resto é propaganda. Os números não enganam…

RTP (1)

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (86 )

Um dia, os canais arrependem-se: as redes sociais estão a dominar o mundo. Um dia os canais arrependem-se: a internet mostra-nos tudo…

RTP

RTP

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (14)

Sabe que a televisão em Portugal nasceu em 1956? E que a cor chegou cá com 30 anos de atraso? Aqui pode saber também quais os canais que mais lucram com publicidade este ano. E registo mais um grande pontapé na gramática. Este, sem perdão, vindo de quem vem.

Antena RTP Monsanto - Capeia Arraiana

Antena retransmissora da RTP em Monsanto

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (13)

O meu destaque e o meu elogio, hoje, vão para a Localvisão TV. Uma produtora que, sem grandes alardes nem grandes apoios que se conheçam, coloca no ar as nossas terras e procura trazer à luz das ondas hertzianas de tv as realidades dos interiores do País. Parabéns.

Se a asneira pagasse imposto...

Se a asneira pagasse imposto…

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (12)

Abril, o de 74, entra na televisão por causa dos seus «curenta» anos – como diz agora todos os dias uma senhora chamada Judite de Sousa, professora de Jornalismo (ao que dizem). A SIC foi estrela pois teve uma semana de ouro: ultrapassou a TVI, por uma vez sem repetição. E esta semana ficámos também a saber que da parte das famosas agências de «rating» «começam a haver» sinais mais positivos para o País. Mesmo que no nosso bolso tudo continue na mesma – o que ninguém explica com clareza em tantas horas de comentário televisivo…

Dia memorável para a SIC

Dia memorável para a SIC

Soito - Sabugal - © Capeia Arraiana (orelha)

Hipermercado no Centro de Negócios do Soito

Tem o conceito de feira com venda directa do produtor ao consumidor final e está a funcionar como hipermercado no Centro de Negócios Transfronteiriço do Soito. É um novo espaço comercial do agricultor da Raia sabugalense e pretende «chamar», também, produtores e clientes espanhóis.

Hipermercado da Raia - Reportagem da RTP no início do Portugal em Directo

Hipermercado da Raia – Reportagem da RTP no início do Portugal em Directo (clique para ver o vídeo da RTP)

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (10)

Analisei dois programas da RTP: na 1, canal aberto, uma coisa (mesmo coisa) chamada «Desafio Total» e na RTP Informação um belíssimo programa didáctico sobre a Língua de Camões – mesmo a que se fala no Brasil ou em Cabo Verde. Vi os números das audiências, como é habitual. A nossa televisão – qualquer que seja o canal – anda pelas ruas da amargura. E a programação, de tanto querer estar na crista da onda, desceu abaixo de cão, meus senhores…

A qualidade dos programas pimba tende para zero

A qualidade dos programas pimba tende para zero

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Canal TV (8)

Mudo a agulha para despertar o seu interesse, sem perder de vista a finalidade destas crónicas: avisar que há mais televisão para lá das novelas…, para alertar sobre o uso da Língua que devíamos falar mas que alguns espezinham…, para pôr um ou outro ponto nalgum «i» perdido neste deserto de qualidade que vai grassando por esse éter ocupado pelos vários canais…

Canais não faltam

Canais não faltam

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (7)

Como são distribuídas pelas empresas as suas verbas investidas em publicidade? Foi publicado um estudo relativo a 2013. Veja a síntese nesta crónica. Como vai a programação nos nossos canais abertos? A que novos tratos-de-polé foi sujeita a Língua Portuguesa? E a técnica de comunicação em televisão? Leia sobre mais alguns casos.

As redacções dão pouca atenção aos directos

As redacções dão pouca atenção aos directos

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (6)

Não faltam horas de informação nas televisões portuguesas. Pode faltar e falta qualidade e investigação aos noticiários, mas horas de emissão, isso não falta! Qual o jornal mais visto? E o que dizer quando a PJM é esperada pelas câmaras numa investigação supostamente ainda secreta? E o habitual registo de facadas na Língua, aconselhando-se a um dos «pivots»: «Homem, devias ler um pouco mais».

A informação ocupa muitas horas de emissão nas principais televisões

A informação ocupa muitas horas de emissão nas principais televisões

Avioneta suspeita perseguida sobre o Sabugal

Dois caças F-16 da Força Aérea Portuguesa perseguiram esta madrugada, sobre o Sabugal, uma aeronave que entrou em espaço aéreo português. Uma missão da Força aérea justificada pela suspeita de tráfico de droga. O aeródromo da Ruvina foi vigiado durante todo o dia por patrulhas da GNR.

RTP transmite em directo do Sabugal

No dia 23 de Agosto, por ocasião da 7ª etapa da Volta a Portugal em Bicicleta, a RTP transmitirá o programa «Há Volta» a partir da cidade do Sabugal, onde nessa tarde os ciclistas cruzarão a meta.

volta«Sempre na cabeça do pelotão a RTP vai andar “Há Volta”», é a frase chave da televisão pública para o acompanhamento da 74.ª edição da Volta a Portugal em Bicicleta, que estará na estrada entre 15 e 26 de Agosto de 2012.
João Baião, Diamantina Rodrigues e Catarina Camacho vão acompanhar a Volta pelas cidades e vilas do país por onde passa o maior evento do ciclismo nacional.
No dia 23, a partir das 14h45, o Sabugal será o palco do país através desse programa de animação e entretenimento, à mistura com informação sobre o Sabugal, o seu concelho e a região em que se insere.
A programação da RTP ligada ao evento desportivo começará nesse dia em Gouveia, de onde os ciclistas partirão para a 7ª etapa, rumo ao Sabugal. Será a partir dessa cidade serrana que será transmitido o programa Verão Total, às 10 horas, prolongando-se até às 13 horas.
Às 14h45, enquanto os ciclistas rodam, a emissão da RTP passará para o Sabugal, prolongando-se por toda a tarde.
A 7ª etapa será este ano uma autêntica volta ao Sabugal em bicicleta, com os ciclistas a passarem por três vezes na cidade raiana, a última das quais para atravessarem a meta.
plb

O Rio Côa ficou mais rico

Há cerca de meia dúzia de meses abordei o Sr. Eng.º António Borges, Director de Serviços da Autoridade Florestal Nacional do distrito da Guarda, no sentido de se poder repovoar o rio Côa com espécies de trutas autóctones (fário).

José Manuel Campos - Presidente Junta Freguesia Fóios - Capeia ArraianaO Sr. Eng.º Eng.º Borges pediu-me para lhe dirigir o pedido por escrito o que de facto aconteceu.
Disse-me que o pedido ficava registado e logo que houvesse oportunidade a acção seria desencadeada. Aconteceu hoje, dia 28 de Agosto de 2011.
Por volta das 10,30 horas chegou a carrinha, proveniente do viveiro de Manteigas, com o recipiente e respectivo oxigénio, que continha mil e duzentas trutas.
O Sr. Eng.º Borges, que havia chegado um pouco mais cedo, comandou as operações e lá fomos cerca de uma dúzia de amigos fazer o desejado repovoamento.
No dia anterior tive o cuidado de ligar ao meu amigo Presidente da Junta de Vale de Espinho a dar-lhe conhecimento do que ia acontecer e pedi-lhe para contactar com o Presidente da Associação de Caça e Pesca dessa mesma freguesia.
Convidei-os a participar na acção e disse-lhes que a Junta de Freguesia e a Associação de Caça de Foios ofereceriam o almoço na sede da ACPF. O convite foi aceite e foi com muito amor e carinho que recebemos e tratámos esses nossos amigos e conterrâneos.
As primeiras cem trutas foram lançadas junto da ponte romana de Vale de Espinho e depois subimos em direcção aos Foios tendo depositado mais, cerca de cem trutas, em onze locais diferentes.
Para que tudo corresse bem e com toda a transparência convidámos alguns pescadores que nos iam indicando os locais que lhes pareciam mais indicados para o efeito.
Confesso que todos ficámos imensamente satisfeitos com esta acção que reconhecemos altamente interessante e muito pedagógica.
Este trabalho teve honras de televisão nas pessoas dos amigos Jorge Esteves e Ismael Marcos da RTP1.
Logo que lhes demos conhecimento do evento manifestaram, de imediato, disposição e vontade para fazerem a respectiva cobertura. Filmaram e entrevistaram técnicos, autarcas e cidadãos das duas localidades.
Quem pretender ver a reportagem que sintonize o canal 1 da RTP, amanhã, quinta-feira, a partir das 18 horas.
Interpretando fielmente o sentimento dos associados das duas colectividades (Foios e Vale de Espinho) e cidadãos em geral, pretendemos agradecer ao Sr. Eng.º Borges e aos dois trabalhadores dos serviços a forma como conduziram todo o processo sem que nenhuma trutinha (tamanho de um dedo) tivesse morrido.
Fazemos então um apela à consciência das pessoas, de Foios e Vale de Espinho, para que compreendam e respeitem estas acções, não envenenando nem bombardeando estas espécies indefesas.
A Lei existe e todos a deveremos cumprir e respeitar. Quem tenha a ousadia de praticar tais actos de vandalismo que pense duas vezes antes de o fazer. Se a vontade ou necessidade de trutas for assim tão grande que pense que com o dinheiro das bombas ou do veneno poderá ir ao viveiro Trutalcôa e comprar uns quilitos para matar os desejos.
Tanto os dois Presidentes de Junta como os Presidentes das duas Associações – José Leal e Tó Coixo – solicitaram ao Sr. Eng.º Borges uma maior vigilância e fiscalização, sobretudo nos meses de Verão, visto ser nessa altura que se praticam as acções de crime e vandalismo.
Vamos procurar ser todos vigilantes e se tivermos conhecimentos de actos de vandalismo deveremos denunciá-los, de imediato, às autoridades para que a justiça possa ser aplicada.
Temos conhecimento de que vai havendo um acréscimo de lontras – espécie predadora – mas o homem continua a ser o predador mais perigoso.
Sensibilize-se e eduque-se o homem já que a Mãe Natureza lá se vai encarregando de fazer o resto, ou seja o equilíbrio ecológico.
«Nascente do Côa», opinião de José Manuel Campos

(Presidente da Junta de Freguesia de Foios)
jmncampos@gmail.com

A maior promoção mediática do Sabugal

Valeu a pena ter acolhido a etapa decisiva da Volta a Portugal em Bicicleta no Sabugal, atendendo à promoção mediática que o concelho obteve e à vinda de milhares de pessoas à cidade.

O dia 12 de Agosto de 2011 foi uma data memorável para o Sabugal e o seu concelho. Muitos não imaginariam o que o simples início de uma etapa da Volta a Portugal em Bicicleta poderia significar em termos de promoção. Mas nós já o antevíamos e deixámo-lo patente aqui.
Logo nos dias que antecederam a prova foram abundantes as referências ao Sabugal nos meios de comunicação social, prognosticando um contra-relógio decisivo para a classificação na prova. Mas o dia em que a etapa sucedeu, o Sabugal esteve, de manhã à noite, na «boca do mundo». E o mesmo ocorreu nos dias seguintes, até à data final da prova, pois o vencedor da Volta construiu a sua vitória quando arrebatou o melhor tempo no contra-relógio Sabugal-Guarda, não mais largando a camisola amarela aí conquistada.
A propósito de uma simples prova desportiva o Sabugal foi também estrela televisiva, através da transmissão em directo do programa da RTP «Verão Total» para o país e para as comunidades portuguesas no estrangeiro. Das 10 às 13 horas, do dia 12 de Agosto, o Largo da Fonte foi o centro das atenções, falando-se na tradicional capeia arraiana, no bucho, trutas do Côa, Termas do Cró, património histórico, artesanato e na capacidade empresarial das nossas gentes.
Arriscamos afirmar que esta foi a maior operação de promoção do concelho alguma vez conseguida. O mundo ouviu falar do Sabugal e a cidade encheu-se de gente à custa da prova desportiva e da transmissão televisiva. Os estabelecimentos hoteleiros encheram, os restaurantes não tiveram mãos a medir, muitos cafés e esplanadas estiveram à pinha e o geral dos estabelecimentos comerciais também beneficiaram.
Um dia grande que bem justificou o patrocínio da Câmara à realização da 73ª Volta a Portugal em Bicicleta.
O que não se compreende é o «segredo» quanto à quantidade de dinheiro público despendido com esse patrocínio. Outras autarquias, pugnando pela transparência, assumem-no publicamente.
Fernando Ruas, presidente da Câmara de Viseu, avoca que pagou 650 mil euros (mais IVA) por quatro anos de prova na cidade. Nesta edição Viseu foi palco de um final de etapa e acolheu os ciclistas no dia de descanso.
Mário João Oliveira, presidente da Câmara de Oliveira do Bairro, assume também que protocolou o patrocínio da Volta, até 2013, pelo valor de 180 mil euros, contemplando uma chegada e duas partidas.
António Robalo afina por outro diapasão, e nem aos seus colegas do executivo camarário revela quanto pagou, antes lhes atirando areia para os olhos, dizendo ter feito uma candidatura a fundos comunitários, através da ProRaia, deixando no ar a ideia de que será a União Europeia a pagar para que o Sabugal estivesse na Volta. Se assim for, António Robalo descobriu ouro, e mostrou-se mais lesto e perspicaz do que qualquer dos restantes autarcas do país, que pagaram do seu próprio orçamento camarário para receberem os ciclistas.
«Contraponto», opinião de Paulo Leitão Batista

leitaobatista@gmail.com

O Sabugal na RTP 1 na manhã de 12 de Agosto

A realização do contra-relógio que ligará o Sabugal à Guarda, no âmbito da Volta a Portugal em Bicicleta, levou o Canal 1 da RTP a decidir fazer uma transmissão do programa Verão Total a partir do Sabugal.

Uma equipa de reportagem da RTP esteve já no Sabugal na semana passada, a fim de recolher imagens sobre os principais monumentos, as termas do Cró, a Casa do Castelo e outros locais de interesse no concelho, que agora estará a editar para passar no dia do programa.
Em princípio da emissão decorrerá em directo a partir do Largo da Fonte, local que concentrará os meios que permitirão a emissão entre as 10 e as 13 horas. O programa Verão Total tem como pivots Tânia Ribas de Oliveira, João Baião, Sónia Araújo e Jorge Gabriel, Serenella Andrade, Diamantina, Carlos Alberto Moniz, Cristina Alves, Hélder Reis, Francisco Mendes, sendo que em cada edição actua uma dupla saída destes apresentadores.
O programa Verão Total da RTP começou a ir para o ar em 27 de Junho, e assim acontecerá até ao dia 2 de Setembro, de segunda a sexta-feira. Mostrar a diversidade do nosso país, ao longo de várias horas diárias de emissão, em directo, é o grande objectivo do programa. A importância história do Sabugal, o seu património, tradições, artesanato, festividades, economia e potencialidades turísticas estarão em destaque no dia 12 de Agosto.
Verão Total vai acompanhar se forma muito especial a Volta a Portugal em Bicicleta, de 3 a 15 de Agosto, fazendo o retrato dos locais de partida e de chegada das diferentes etapas.
A RTP acompanhará também a parte final do contra-relógio individual Sabugal-Guarda, para o qual mobilizará diferentes meios que se espalharão entre a partida e a chegada. Para a edição deste ano, a RTP contará com um autêntico batalhão de técnicos e uma grande panóplia de meios matérias tendo em vista fazer um trabalho que garanta o melhor acompanhamento das etapas por parte dos telespectadores.
A RTP mobilizará para a transmissão da Volta a Portugal em Bicicleta cerca de 50 técnicos de televisão, sete jornalistas, três repórteres de imagem e três editores de imagem. No que se refere a meios materiais haverá, entre outros, um carro de exteriores com oito câmaras, várias viaturas ligeiras, um avião, um helicóptero, três motos para transmissão de imagem móvel e em directo e uma moto de som
A RTPN assegurará em horário variável (entre as 11h30 e as 13h30), o directo do local de partida da etapa do dia, a antevisão da tirada, o rescaldo da véspera, o comentário e as entrevistas aos protagonistas, momentos antes da partida.
Pelas 15 horas haverá a transmissão directa da tirada do dia, comentada por João Pedro Mendonça, Marco Chagas e Alexandre Santos.
plb

Gastronomia do Sabugal no Portugal em Directo

Portugal em Directo – Primeira Parte

Roteiros Gastronómicos no Portugal em Directo na RTP1 em Sortelha - Sabugal
Clique na imagem para ver a primeira parte da reportagem

Portugal em Directo – Segunda Parte

Roteiros Gastronómicos no Portugal em Directo na RTP1 em Sortelha - Sabugal
Clique na imagem para ver a segunda parte da reportagem

Rescaldo dos incêndios no Sabugal – RTP

[vodpod id=Groupvideo.3333152&w=425&h=350&fv=image%3Dhttp%3A%2F%2Fimg.rtp.pt%2Ficm%2Fnoticias%2Fimages%2Fa4%2Fa4ffa7016d3370895e5e87605e7d9b6f_N.jpg%26streamer%3Drtmp%3A%2F%2Fvideo2.rtp.pt%2Fflv%2FRTPFiles%26file%3D%2Finformacao%2Fincendiosabugal_39949.flv]

Incêndio no concelho do Sabugal – RTP

[vodpod id=ExternalVideo.867010&w=425&h=350&fv=image%3Dhttp%3A%2F%2Fimg.rtp.pt%2Ficm%2Fnoticias%2Fimages%2F17%2F1752f1b80e85706034456baa7de9a44f_N.jpg%26streamer%3Drtmp%3A%2F%2Fvideo2.rtp.pt%2Fflv%2FRTPFiles%26file%3D%2Finformacao%2Fincendiosabugal_39872.flv]

[vodpod id=ExternalVideo.867022&w=425&h=350&fv=image%3Dhttp%3A%2F%2Fimg.rtp.pt%2Ficm%2Fnoticias%2Fimages%2Fe1%2Fe1775961cd54e7c12b33a4bbf8776fc6_N.jpg%26streamer%3Drtmp%3A%2F%2Fvideo2.rtp.pt%2Fflv%2FRTPFiles%26file%3D%2Finformacao%2Fsabugal_39844.flv]

Incêndio no Sabugal – RTP

O incêndio que começou na madrugada de domingo na Ribeira da Nave entre a Moita e o Casteleiro evoluiu pelas freguesias de Sortelha, Santo Estêvão e Urgueira e já chegou à freguesia de Aldeia de Santo António. O incêndio foi circunscrito às 12:12 horas.

[vodpod id=ExternalVideo.866735&w=425&h=350&fv=image%3Dhttp%3A%2F%2Fimg.rtp.pt%2Ficm%2Fnoticias%2Fimages%2F00%2F001ce71cd98a45771943402bd2f3c0ba_N.jpg%26streamer%3Drtmp%3A%2F%2Fvideo2.rtp.pt%2Fflv%2FRTPFiles%26file%3D%2Finformacao%2Fincendiosabugal_39819.flv]

MAPA DO INCÊNDIO – 31-8-2009
12:12 Incêndio circunscrito
9:30 2 aviões bombardeiros pesados Canadair espanhóis
a operar no local
9:06 Incêndio com uma frente activa em zona de acessos difíceis.
Combate a ser efectuado com material sapador
8:07 Accionado 1 helicóptero bombardeiro pesado Kamov
7:15 Accionados 2 aviões bombardeiros pesados Canadair
7:03 Governadora Civil saiu do local
6:50 Incêndio com 3 frentes
3:35 Incêndio com 3 frentes
Comandante das Operações de Socorro (COS)
Comandante Operacional Distrital
0:12 Posto de Comando Operacional
no Marco Geodésico do Mosteiro Alto de Santo Estêvão

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

jcl

Ruivós na Comunicação Social

A iniciativa da Junta de Freguesia de Ruivós, com o apoio da Associação dos Amigos de Ruivós, de colocar Internet por wireless na aldeia tem sido notícia na Comunicação Social. Ultrapassou os limites regionais e tornou-se assunto nacional… Em Ruivós há já quem diga que a chegada da Internet é comparada ao aparecimento da televisão. (Actualização.)

Ruivós no Público

Capeia Arraiana (15-3): «Internet por wireless chegou a Ruivós» Aqui.

O Interior (26-3): «Ruivós mais perto do Mundo» Aqui.
Diário Digital (4-4): «Internet Wireless chegou primeiro que esgotos» Aqui.
IOL Diário (4-4): «Internet sim. Esgotos não» Aqui.
Sol (4-4): «Aldeia não tem saneamento mas tem wireless gratuito» Aqui.
Correio da Manhã (5-4): «Banda larga chegou antes dos esgotos» Aqui.
Público (6-4): «Internet em Ruivós» Vídeo Aqui.
Nova Guarda (8-4): «Internet sem fios em Ruivós» Aqui.
A Guarda (8-4): «Internet sem fios gratuita» Aqui.

SIC (31-3): Reportagem no «Primeiro Jornal». Vídeo Aqui.
TVI (31-3): Reportagem no «Jornal da Uma». Vídeo Aqui.
RTP 1 (9-4): Reportagem no «Telejornal da Uma». Vídeo Aqui.
jcl

RTP suspende José Rodrigues dos Santos

A entrevista do «pivot» do Telejornal, José Rodrigues dos Santos, à revista de domingo do jornal «Público» está envolta em polémica. Em comunicado a administração da RTP atribui «a maior gravidade e repudia veementemente» as declarações do jornalista da casa.

José Rodrigues dos SantosO Conselho de Administração da RTP comunicou terça-feira, 9 de Outubro, que «iniciou os procedimentos legais que as circunstâncias requerem para o esclarecimento rigoroso das afirmações que foram proferidas pelo dr. José Rodrigues dos Santos que põem em causa a imagem da RTP, designadamente no que toca à informação prestada aos portugueses».
Em causa estão as declarações do jornalista publicadas na revista de domingo do jornal «Público» onde são feitas acusações de interferências em matérias editoriais e à nomeação da jornalista Rosa Veloso para a delegação de Madrid. Recorde-se, aliás, que essa decisão motivou a demissão da direcção de informação em 2004, liderada na altura por José Rodrigues dos Santos.
Em declarações ao «Diário Económico» José Rodrigues dos Santos diz «não ter medo de nada e que mantém tudo o que disse até à última vírgula. Se for punido por defender o que está certo e é verdade está tudo dito sobre este país».
A edição online do «Expresso» noticia que a estação pública já suspendeu todas as funções do jornalista e prepara o processo de despedimento.
Ao que parece um dos pivots televisivos mais conhecidos dos portugueses resolveu dar um murro na mesa.
jcl

RTP - Rádio Televisão Portuguesa - Capeia Arraiana

RTP comemora 50 anos de emissão

A RTP-RádioTelevisão Portuguesa iniciou a 7 de Março de 1957 as suas emissões. 50 anos depois é hora de balanços e comemorações.

MIra Técnica - RTP - Capeia Arraiana

Mira Técnica – RTP