Tag Archives: marcelo rebelo de sousa

Hoje destacamos... - © Capeia Arraiana (orelha)

Presidente da República homenageou Pinharanda Gomes

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, presidiu no Palácio da Independência em Lisboa à sessão de Homenagem ao filósofo, historiador e escritor Jesué Pinharanda Gomes, tendo-o condecorado, a título póstumo, com o grau de Comendador da Ordem de Sant’Iago da Espada. A condecoração foi recebida pela viúva, Judite da Conceição Santos, na cerimónia que teve lugar esta segunda-feira, 7 de Outubro de 2019, dia em que o filósofo natural de Quadrazais, no concelho do Sabugal, completaria 80 anos de idade. A ocasião serviu, também, para apresentar o livro «Álvaro Ribeiro, Mestre da Arte de Filosofar» da autoria de Pinharanda Gomes.

Dona Judite recebe as insígnias de Comendador da Ordem de Sant’Iago da Espada

Dona Judite recebe as insígnias de Comendador da Ordem de Sant’Iago da Espada (Foto: Presidência da República)

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (255)

Lamento o que se está a passar com o Sporting, ainda na herança e legado de BdC… A minha solidariedade para com quem ama o seu clube e se entristece, também, com tudo isto…

Bombeiros Voluntários de Portugal - Capeia Arraiana

Bombeiros Voluntários de Portugal

Confraria Bucho Raiano - Capeia Arraiana (orelha)

O Sabugal em Oliveira do Hospital

A Confraria do Bucho Raiano representou o Sabugal no XXVII Capítulo da Confraria do Queijo Serra da Estrela, em Oliveira do Hospital, que teve o momento alto na entronização do presidente eleito, Marcelo Rebelo de Sousa, como confrade de honra.

Marcelo Rebelo de Sousa entronizado em Oliveira do Hospital

Marcelo Rebelo de Sousa entronizado em Oliveira do Hospital

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (69)

Postalinho semanal, este de hoje. «Inho» porque vai em muito poucas linhas, não por ser fraquinho de temas. Quantidade nem sempre é qualidade – nem vice-versa: isto pode ser pequeno e bem feito; ou pode ser pequeno e péssimo. Espero que não seja o caso, em seu entender. Em todo o caso, leia antes de concluir seja lá o que for. Obrigado…

Marcelo Rebelo de Sousa

Marcelo Rebelo de Sousa

Rotary Club homenageou David Pina

O advogado sabugalense David Pina, falecido em Dezembro, foi esta terça-feira, 6 de Julho, homenageado pelo Rotary Club de Lisboa, do qual foi membro, através de um jantar em que a prelecção evocativa foi proferida pelo professor Marcelo Rebelo de Sousa.

Clique nas imagens para ampliar

A iniciativa aconteceu no Hotel Tivoli, em Lisboa, onde se juntaram dezenas de companheiros «rotarios», colegas advogados, magistrados, familiares e amigos de David Pina.
A sessão evocativa iniciou-se com o ritual próprio do clube, com a saudação às bandeiras. Depois actuou o coro do Tribunal da Relação de Lisboa (CORELIS), que interpretou um conjunto de canções que eram do gosto especial do advogado de Pousafoles do Bispo.
Após o jantar falou o professor Marcelo Rebelo de Sousa, que fez uma muito apreciada prelecção dedicada às muitas paixões de David Pina. E o professor de Direito, amigo e colega «rotario» do homenageado, evocou algumas dessas grandes paixões.
Desde logo a paixão pela família, pela mulher e pelos dois filhos. Também a paixão por aprender e por ensinar, o que o levou a percorrer muitas terras e muitas escolas, sempre em busca do saber. Foi um distinto pedagogo, que ensinou em Lisboa, Paris, Bruxelas, Toulouse, Grenoble, Lille, Bordéus, Genéve.
Viveu também a paixão pela sua profissão, a advocacia, e as muitas actividades a que se dedicou. Viveu como cidadão português e europeu, dedicado a inúmeras causas e inserido em diversos movimentos.
Teve um papel determinante em múltiplas associações nacionais e internacionais, em áreas como as da integração europeia, do Direito Europeu, do Direito Comparado, do Direito da Concorrência ou do Direito da Propriedade Industrial.
Convicto europeísta, foi autor de obras individuais e colectivas sobre o Acto Único, o Tratado de Roma ou a política regional como instrumento da integração europeia.
Marcelo Rebelo de Sousa, deixou sobretudo bem vincada a «paixão de viver» de David Pina:
«A paixão com que colocou o seu vasto saber e a sua capacidade de ensinar, de comunicar e educar ao serviço das causas sociais mais nobres, mais exigentes e mais dignas, como as da luta pelos direitos das pessoas, do combate à fome, à miséria, à pobreza, às injustiças sociais. Na resistência às ditaduras, às intolerâncias, às xenofobias, aos racismos. A paixão com que conduziu essas lutas, em todos os movimentos a que pertencia, sem desfalecimentos ou condescendências. A paixão com que fez da sua vida muitas vidas: marido, pai, amigo, companheiro, estudioso, professor, advogado, dirigente associativo, comunicador, autor, militante português e europeu, defensor de valores e batalhador pelos injustiçados e espezinhados.
Muitas vidas sabia tocar, com aquelas qualidades que distinguem as novas fileiras, qualidades que pude testemunhar, já lá vão quase 40 anos quando nos conhecemos na mesma escola de Direito e em mim nasceu uma irreprimível admiração pelo David Pina.
Era, como seria sempre, forte no carácter e vincado na postura. Era, como seria sempre, visceralmente bom no coração e visionário no temperamento. Era, como seria sempre, esclarecidamente líder na formação, mas extraordinariamente generoso.
Excessivo na dedicação aos outros – dava sempre mais do que recebia –, não conhecia limites de disponibilidade, de esforço, de entrega, sempre com a palavra amiga, com o humor rápido, com o humor bem português.»
Depois das efusivamente aplaudidas palavras de Marcelo Rebelo de Sousa, seguiram-se algumas intervenções de colegas e amigos de David Pina, dentre elas a de Joaquim Esteves Saloio, natural da Torre, concelho do Sabugal, amigo de sempre do homenageado, que o conheceu quando estudaram no Seminário do Fundão, onde primeiramente se prepararam para a vida. «Tenho a certeza que muito do que foi David Pina e que aqui nos foi magistralmente transmitido pelo professor Marcelo Rebelo de Sousa, também se deveu ao que aprendeu no seminário», disse Esteves Saloio.
David Pina nasceu em 1943 em Pousafoles do Bispo. Licenciado em Direito, dedicou-se à docência e à advocacia, empenhando-se também em inúmeras causas sociais. O seu escritório de advogados, na Avenida 5 de Outubro, em Lisboa, recebeu em estágio inúmeros jovens sabugalenses, que ali tiraram o seu estágio de advocacia. Foi fundador e dirigente da Casa do Concelho do Sabugal e era um homem que amava muito a sua terra e os seus conterrâneos.
plb