Tag Archives: joão duarte

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

O caminho errático dos eventos concelhios

A Intervenção do deputado municipal João Aristides Duarte, na última Assembleia Municipal, tocou num ponto-chave da fraca atratividade dos eventos organizados pela Câmara do Sabugal: não têm continuidade, mudam de nome e seguem uma programação errática, ao sabor das marés.

Sabugal Surpreenda os Sentidos – um evento que perdeu continuidade

Câmara Municipal Sabugal - © Capeia Arraiana

Assembleia vota destituição do presidente

A próxima Assembleia Municipal do Sabugal, convocada para sábado, dia 14 de Março, às 11:00 horas, terá como ponto único a votação da proposta de destituição do seu presidente, apresentada por vinte e cinco deputados municipais.

Edital - Assembleia Municipal do Sabugal - Capeia Arraiana

Edital da Assembleia Municipal do Sabugal

Autárquicas 2013 - Sabugal - © Capeia Arraiana

Hoje destacamos… Debate na Rádio Altitude

A Rádio Altitude, que emite para o distrito da Guarda e concelho do Sabugal em FM (90.9) e para todo o mundo através da Internet (altitude.fm), convidou para um debate na quarta-feira, 18 de Setembro, os cinco candidatos à presidência da Câmara Municipal do Sabugal. No programa moderado pelo director da Altitude, Rui Isidro, marcaram presença os candidatos António José Vaz (Partido Socialista), João Duarte (CDU) e Filipe Pina Monteiro (CDS-PP). Faltaram à discussão de ideias o candidato Carlos Alberto Rito (PTP) «que não deu qualquer explicação» e António Robalo (PSD) que «por um plano rigoroso de acções nas aldeias (…) e pelo respeito que devo aos munícipes não poderei estar presente», esclareceu no lançamento do debate o moderador Rui Isidro.

Autárquicas 2013 - Rádio Altitude - Capeia Arraiana

Autárquicas 2013 – Rádio Altitude

:: ::

:: ::

Autárquicas 2013 - Sabugal - © Capeia Arraiana

CDU do Sabugal divulga programa eleitoral

Sob o lema «O futuro começa agora!», a candidatura da CDU à Câmara Municipal do Sabugal, encabeçada pelo soitense João Duarte, fez-nos chegar o programa de acção, no qual se afirma que o concelho precisa de mudar, sendo para isso preciso votar diferente nas eleições de 29 de Setembro.

Autárquicas 2013 - Sabugal - © Capeia Arraiana

CDU divulga apoiantes à sua candidatura

João Duarte, candidato da CDU à Câmara Municipal do Sabugal, tem vindo a receber o apoio expresso de diversas pessoas, algumas delas figuras nacionais, sobretudo ligadas à música. A CDU fez-nos chegar uma lista com 25 apoiantes declarados da sua candidatura.

Autárquicas 2013 - Sabugal - © Capeia Arraiana

CDU denuncia candidatos à Assembleia

Recebemos da candidatura autárquica da CDU ao Município do Sabugal uma nota criticando o facto de, à excepção do seu candidato, todos os demais cabeças de lista à Assembleia Municipal vivem fora do concelho, o que significará um acréscimo de custos para o Município. Publicamos na íntegra a «nota» da CDU.

João Manata (à esquerda) é o único cabeça de lista à AM que reside no concelho

João Manata (à esquerda) é o único cabeça de lista à AM que reside no concelho

Autárquicas 2013 - Sabugal - © Capeia Arraiana

CDU apresenta lista e contesta fecho do Tribunal

A CDU foi a primeira força partidária a entregar Listas concorrentes às Eleições Autárquicas, momento que foi aproveitado para um acto simbólico de protesto perante o encerramento da comarca do Sabugal decretada pelo governo.

CDU contesta fecho do Tribunal do Sabugal

CDU contesta fecho do Tribunal do Sabugal

Autárquicas 2013 - Sabugal - © Capeia Arraiana

À fala com… João Duarte

Estivemos à conversa com João Duarte, o candidato da Coligação Democrática Unitária (CDU) à Câmara Municipal do Sabugal. O professor, de 53 anos, natural do Soito e deputado na Assembleia Municipal, aposta numa «gestão participada», chamando as pessoas a tomar parte na gestão do Município. Critica o estado do concelho, deitando culpas aos partidos que governaram o País e a Câmara, não esquecendo o PS, um partido que «é aliado do PSD e do CDS em todas as medidas gravosas tomadas contra o povo». Quanto ao significado destas Autárquicas João Duarte não tem dúvidas: elas são a oportunidade para dar o «cartão vermelho» ao Governo, antevendo que «PSD e CDS sofrerão uma derrota monumental».

João Duarte - candidato da CDU à CM Sabugal

João Duarte – candidato da CDU à CM Sabugal

Autárquicas 2013 - Sabugal - © Capeia Arraiana

CDU apresenta candidatos no Sabugal

No dia 2 de Julho (terça-feira), pelas 11h30, os candidatos da Coligação Democrática Unitária (CDU) à Câmara e à Assembleia Municipal do Sabugal vão apresentar-se em sessão pública, que acontecerá no Auditório Municipal.
capa-blog

Autárquicas 2013 - Sabugal - © Capeia Arraiana

João Duarte é candidato CDU à Câmara do Sabugal

O candidato da Coligação Democrática Unitária (CDU) à Câmara Municipal do Sabugal nas eleições autárquicas de 29 de Setembro deste ano é João Duarte, de 53 anos e natural do Soito.

João Manuel Aristides Duarte

João Manuel Aristides Duarte

Cortejo de Oferendas em 1947 – Assistência

A fotografia que hoje se anexa à crónica sobre o Cortejo de Oferendas a favor do Hospital do Sabugal, realizado em 1947, é referente ao público junto à Casa dos Britos.

Cortejo de Oferendas - 1947 - Fotografia tirada da tribuna aos espectadores da Casa dos Britos

Joao Aristides DuarteA fotografia foi tirada da tribuna, onde estava o júri que iria classificar as várias freguesias e anexas participantes.
Podem ver-se, em primeiro plano, as cadeiras, onde esse júri se sentava.
De certeza que esta fotografia foi tirada antes do início do Cortejo.
Podem ver-se dois soldados da GNR com a sua arma (uma Mauser?) a tiracolo, controlando a verdadeira multidão que se concentrava na escadaria da Casa dos Britos e, mesmo, no seu telheiro. Também em ambos os passeios da rua se encontra bastante público.
Do lado direito pode ver-se a igreja do Sabugal, também ela com muita gente junto à sua entrada, para assistir ao Cortejo.
Os Cortejos de Oferendas a favor do Hospital não aconteceram só no Sabugal.
Ainda esta semana, ao ler uma monografia do concelho de Aguiar da Beira (onde estou a trabalhar como professor), pude aperceber-me que também nesse concelho se realizaram Cortejos de Oferendas a favor do Hospital concelhio.
Realmente, era uma época em que se não se realizassem estes Cortejos de Oferendas, a população não tinha direito a cuidados de saúde. E mesmo assim…
Não posso deixar vir ao de cima a minha costela de político que sou (e de que faço gala) e referir que, ainda, recentemente, alguém mais velho do que eu colocou um comentário neste blogue referindo que antigamente (no tempo do Estado Novo) havia assistência para todos. Realmente, essa pessoa e eu devemos ter vivido em países diferentes, já que tendo eu nascido em 1960 (portanto já depois da pessoa que escreveu esse comentário) nunca dei conta que houvesse essa assistência para todos, a não ser aquando da implementação do Serviço Nacional de Saúde, já depois do 25 de Abril de 1974.
«Memória, Memórias…», opinião de João Aristides Duarte

akapunkrural@gmail.com

João Duarte - © Capeia Arraiana (orelha)

STRADIVARIUS – Um conjunto do Sabugal

Os STRADIVARIUS surgiram no panorama musical sabugalense, no final dos anos 70. Antes de se chamarem STRADIVARIUS chamam-se CLAVE (havia quem pronunciasse «Claive», pensando que era um nome inglês), mas tinham outros elementos na formação.

(Clique na imagem para ampliar.)

Concertos míticos – Despe e Siga no Soito

Os Despe e Siga formaram-se no início dos anos 90, do século XX. Eram uma banda que surgiu como um alter-ego dos Peste & Sida, um grupo que fez furor no final dos anos 80 e regressou há pouco tempo, após um interregno de mais de 10 anos. Os Despe e Siga tocavam versões de músicas estrangeiras, cantadas em português, enquanto os Peste & Sida só quase tocavam originais.

Joao Aristides DuarteOs Peste & Sida tocaram na Rapoula do Côa, juntamente com os Rádio Macau, num concerto que teve lugar em 1990.
Enquanto os Peste & Sida eram uma banda com um som mais duro, muito punk, os Despe e Siga tinham um som mais festivo, com muito Ska e muito apropriado para o Verão.
Em 1994 os Despe e Siga surgiram em força com um álbum homónimo, de que se destacava o tema «Festa», um original dos The Pogues, cantado em português.
Na noite de 6 de Agosto de 1995 apresentaram o seu espectáculo ao vivo, no palco das Festas de S. Cristóvão, no Soito.
À tarde, aquando da montagem do sistema de som e luzes, houve um problema com a corrente que era fraca para as necessidades da banda. Teve que se arranjar um cabo eléctrico e ligar a um poste, onde a corrente já era suficiente, para que o concerto pudesse realizar-se.
No ensaio de som tocaram o tema «Giroflé».
Os Despe e Siga, no seu concerto no Soito apresentaram uma formação composta por Luís Varatojo (guitarra e voz), João San Payo (baixo e voz), Nuno Rafael (guitarra e voz), João Cardoso (teclas) e Sérgio Nascimento (bateria). Para além destes músicos ainda fazia parte da banda Gui (sax), que tinha deixado os Xutos & Pontapés por uns tempos.
O concerto iniciou-se com «Peter Punk», um tema que era inédito, seguindo-se «Giroflé» e «Bué da Baldas».
Despe e Siga e Primos no SoitoA seguir tocaram «Odeio Salada» e o tema «Surf Em Portugal», numa versão à capella, sem instrumentos, que não as vozes dos membros do grupo.
«Adoro O Teu Body» foi o tema seguinte. «Isto Não Pode Ser», um novo inédito, seguiu-se no alinhamento.
«Hasta La Vista», também um tema que não estava no CD do grupo foi o próximo tema.
«Carraspana», um tema que fazia parte do primeiro LP dos Peste & Sida, tocado num estilo mais leve e alegre foi a continuação do espectáculo.
«Bule, Bule» seguiu-se no alinhamento.
Até aqui os Despe e Siga apresentaram-se em palco vestidos com fatos completos (embora sem gravata). A partir deste tema e após uma sessão de ginástica, acompanhada por som gravado, a banda regressou em roupa de treino branca, com calções e t-shirt.
Seguiu-se «Great Balls Of Fire», um tema cantado na língua de Shakespeare (uma excepção em todo o concerto e na carreira dos Despe e Siga).
Um «Rap», mais o tema «Rei Carlos» e, finalmente, «Festa», deram por concluído o concerto.
No encore surgiram «Estou Bem» e «Sol da Caparica».
Na imagem pode ver-se uma foto de João San Payo, no concerto do Soito, bem como a capa do álbum «Os Primos».
«Música, Músicas…», opinião de João Aristides Duarte

akapunkrural@gmail.com

João Duarte - © Capeia Arraiana (orelha)

Concertos Míticos – Fernando Pereira no Soito

Fernando Pereira, actor e imitador, iniciou a sua carreira em 1982. Conhecido pelas imitações de qualquer artista nacional ou internacional, as cordas vocais de Fernando Pereira foram examinadas por diversos cientistas de renome, num Simpósio que teve lugar na Faculdade de Medicina do Porto, no qual descobriram um instrumento deveras invulgar.

João Duarte - © Capeia Arraiana (orelha)

Concertos Míticos – Marenostrum no Sabugal

Os Marenostrum são um grupo de música portuguesa, com grandes influências tradicionais, fundado na zona de Tavira, Algarve, no ano de 1994.

João Duarte - © Capeia Arraiana (orelha)

Concertos Míticos – Ex-Votos no Sabugal

Os «Ex-Votos» formaram-se no final dos anos 80, do século XX, em Lisboa. O seu líder e mentor era Zé Leonel, um dos fundadores dos Xutos & Pontapés.

João Duarte - © Capeia Arraiana (orelha)

Concertos Míticos – Adiafa em Alfaiates

Os Adiafa são um grupo que pretende a divulgação do «cante» do Baixo Alentejo e do instrumento que lhe está associado – a viola campaniça.

João Duarte - © Capeia Arraiana (orelha)

O Centenário do Ti Zé Impedido

José Augusto Aristides, conhecido como o Ti Zé Impedido, completou no dia 3 de Março um século de vida.

Ti Zé ImpedidoNão são muitos os que chegam aos cem anos de vida. O Ti Zé Impedido, actualmente internado no Lar da Terceira Idade, no Soito, conseguiu essa proeza.
Na tarde do dia 3 de Março, na sua residência, na Av. São Cristóvão, no Soito, rodeado por alguns familiares e vizinhos, festejou um século de vida.
Homem muito aficcionado de touradas com forcão e de outras manifestações da cultura popular, nasceu ainda no tempo da Monarquia.
Nos seus tempos áureos não perdia uma tourada e ajudava, sempre, na construção do forcão.
Nos Festivais do forcão, realizados tanto em Aldeia da Ponte, como no Soito, levava um caderno de apontamentos onde escrevia o número de investidas no touro, no forcão. Há dois anos, em Agosto, foi ao Ti Zé Impedido que os mordomos da tourada pediram a praça, no mês de Agosto, no Soito.
Filho do Ti Impedido e de Benedita Dias, nasceu, por acaso em Vila Boa, mas veio ainda bebé para o Soito.
João Aristides Duarte

Música - © Capeia Arraiana

«Memórias do Rock Português» em terceira edição

João Aristides Duarte vai lançar a terceira edição da sua obra «Memórias do Rock Português» com novas imagens, capa renovada e prefácio de António Manuel Ribeiro dos UHF.

Memórias do Rock Português - João Duarte - Capeia Arraiana

Memórias do Rock Português da autoria de João Duarte