Tag Archives: cds

Justiça - Capeia Arraiana

CDS da Guarda critica mapa judiciário

A Comissão Política Distrital do CDS-PP da Guarda criticou a reforma judiciária implementada pelo governo no que concerne ao distrito da Guarda e apresentou propostas de redefinição do mapa judiciário, defendendo que a comarca da Guarda seja dotada de secção de competência especializada de Família e Menores, assim como de Tribunal Administrativo e Fiscal.

CDS da Guarda reclama alterações ao mapa judiciário

CDS da Guarda reclama alterações ao mapa judiciário

Fernando Lopes - A Quinta Quina - © Capeia Arraiana

Sobre as cinzas das eleições…

As eleições para o parlamento europeu terminaram… e já começaram as legislativas de 2015! Era inevitável que assim fosse.

O PSD/CDS respirou de alívio face ao ter perdido por pouco

O PSD/CDS respirou de alívio face ao ter perdido por pouco

PSD e CDS avançam com agregação de freguesias

Os grupos parlamentares do PSD e do CDS apresentaram um projecto de lei com a reorganização administrativa do território cuja discussão em plenário está agendada para a próxima quinta-feira, dia 6 de Dezembro. A iniciativa reproduz a proposta da Unidade Técnica para a Reorganização Administrativa Territorial.

Concelho do Sabugal - Reforma das Freguesias - 2012 - Mapa Blogue Capeia Arraiana

(clique na imagem para ampliar.)

A proposta dos partidos que suportam o governo aponta para que as freguesias a agregar mantenham a sua existência até às eleições gerais para os órgãos das autarquias locais de 2013, momento em que será eficaz a sua cessação jurídica.
A aprovação do projecto de lei e a sua entrada em vigor implicará que a preparação das listas às eleições autárquicas tenha já em conta as agregações decididas.
Segundo a proposta conjunta PSD/CDS, o concelho do Sabugal ficará com 30 freguesias, menos 10 do que aquelas que actualmente possui, o que resultará da criação de sete novas freguesias por agregação:
– União das Freguesias de Sabugal e Aldeia de Santo António;
– União das freguesias de Santo Estêvão e Moita;
– União das Freguesias de Pousafoles do Bispo, Penalobo e Lomba;
– União das Freguesias de Ruvina, Ruivós e Vale das Éguas.
– União das Freguesias de Seixo de Côa e Valongo;
– União das Freguesias de Aldeia da Ribeira, Vilar Maior e Badamalos;
– União das Freguesias de Lageosa e Forcalhos.
No prazo de 90 dias após a instalação dos órgãos que resultem das eleições, a assembleia de freguesia delibera a localização da sede. Porém, na ausência de deliberação, a localização das sedes das freguesias a agregar no concelho do Sabugal será: Aldeia de Santo António, Santo Estêvão, Pousafoles, Ruvina, Seixo do Côa, Vilar Maior e Lageosa.
Os dois partidos que suportam o governo afirmam que a reforma é um antigo e histórico anseio e que no concreto resulta do memorando de entendimento assinado com a Troika, que determina a redução significativa das autarquias locais. Aumentar a eficiência e reduzir custos são outro dos motivos avançados pelos dois partidos para a reforma.
plb

CDS pode candidatar Victor Cavaleiro no Sabugal

O vice-reitor da Universidade da Beira Interior, Victor Cavaleiro, pode vir a ser o candidato do CDS ao Município do Sabugal.

Victor Cavaleiro parece estar disponível para liderar uma candidatura do CDS à Câmara Municipal do Sabugal nas eleições autárquicas de Outubro de 2013.
Capeia Arraiana apurou que o professor universitário, já terá conversado com o presidente da Câmara, António Robalo, sondando-o acerca de uma eventual coligação PSD/CDS. Não há ainda resposta para essa eventualidade, mas se não houver acordo Victor Cavaleiro parece estar disposto a avançar pelo CDS.
Doutor em Engenharia Civil e mestre em Geologia Aplicada, Victor Manuel Pissarra Cavaleiro, de 58 anos, é natural de Pousafoles do Bispo, concelho do Sabugal. É o actual Vice-Reitor da UBI e director do Centro de Formação e Interacção daquela Universidade, sendo ainda docente do Departamento de Engenharia Civil e Arquitectura.
Nas eleições de 2009 o CDS apresentou a sufrágio Ana Isabel Charters, de Sortelha, obtendo apenas 212 votos, que corresponderam a 2,18% do total.
plb

CDS realiza plenário de militantes do Sabugal

João Almeida, Secretário-Geral do CDS-PP, convocou para o dia 29 de Maio, entre as 17 e as 19 horas, nas Lameiras de Cima, freguesia de Pousafoles do Bispo, o Plenário Concelhio dos militantes do Sabugal.

Da ordem de trabalhos consta a eleição da Mesa da Assembleia Concelhia, da Comissão Política Concelhia e de um delegado à Assembleia Distrital do partido.
A reunião partidária surge após longos anos em que o CDS não teve comissão política concelhia no Sabugal e em que a militância tem sido pouco activa. É o resultado da definição de objectivos no último congresso do partido que apontou a implantação territorial como uma prioridade. Tendo-se conseguido chegar a uma representação num terço dos concelhos do país, revelou-se então necessário consolidar a estrutura organizativa, continuando esse trabalho de implantação suprindo as falhas existentes.
No distrito da Guarda o CDS já teve uma forte representatividade e chegou mesmo a ter a presidência de câmaras municipais, incluindo a do Sabugal, porém perdeu sucessivamente vigor, reduzindo substancialmente o número de militantes. Actualmente faltam-lhe estruturas organizadas em vários concelhos do distrito. Para além do Sabugal o CDS também não tem comissão concelhia eleita em Trancoso, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres e Manteigas.
Nas eleições autárquicas de Outubro de 2009, o fracasso de uma tentativa de coligação com o PSD levou o CDS a apresentar uma candidatura própria. Ana Charters foi a candidata à Câmara Municipal, que contudo obteve apenas 212 votos, o que representa 2,18% da votação, conseguindo, ainda assim, eleger um deputado para a Assembleia Municipal e sete representantes nas assembleias de freguesias.
plb

Comunicado à Imprensa do CDS do Sabugal

O CDS do Sabugal emitiu um comunicado à Imprensa assinado pela candidata Ana Charters que reproduzimos na íntegra.

CDS-PP«A candidatura do CDS à Câmara do Sabugal lamenta a falta de meios para combater os incêndios que têm vindo a consumir grande parte da floresta da nossa região.
Como foi possível ver nas reportagens das televisões são as populações sozinha e com os seus próprios meios que combatem o fogo que se aproxima dos seus haveres.
Assim se vê a desertificação e abandono a que foram votadas estas regiões e as suas populações.
O CDS lutará com o Governo que venha a sair das proximas eleições legislativas para inverter esta situação e colocar meios de luta e socorro junto das populações das Nossas terras.
Ana Charters
Candidata à Câmara Municipal do Sabugal»

Candidaturas autárquicas levam listas ao Tribunal

Foram apresentadas esta segunda-feira, 17 de Agosto, no Tribunal da Comarca do Sabugal as listas de candidatos à Câmara Municipal, às Assembleias e às Juntas de Freguesia do concelho sabugalense. Aos quatro candidatos conhecidos à cadeira da presidência do município – António Dionísio (PS), António Robalo (PSD), Joaquim Ricardo (MPT) e José Manuel Monteiro (CDU) – juntou-se em cima da hora a candidatura de Ana Isabel Charters pelo CDS-PP.

O artigo 20.º da Lei Eleitoral para as Autarquias determina que «as listas de candidatos são apresentadas perante o juiz do tribunal da comarca competente em matéria cível com jurisdição na sede do município respectivo até ao 55.º dia anterior à data do acto eleitoral», ou seja, o dia 17 de Agosto de 2009. Todas as candidaturas deixaram para o dia limite a entrega das pastas com dezenas de burocráticas páginas A4 num processo muito pouco ambientalista que ainda não contempla os formatos digitais em suporte CD ou memória portátil, vulgarmente conhecida por «pen».
Antecipando-se à concorrência a CDU-Coligação Democrática Unitária representada por João Manata entregou no Tribunal da Comarca do Sabugal o processo de candidatura às eleições autárquicas durante a manhã desta segunda-feira, 17 de Agosto.
Na parte da tarde surgiu a grande surpresa. Às duas horas da tarde subiu as escadas que levam à secretaria do Tribunal uma delegação de três elementos do CDS-PP, liderada por Cristina Metello de Seixas (na foto), presidente da distrital da Guarda para apresentar a candidatura à presidência do município de Ana Isabel Charters (Sortelha), filha de D. Luísa Lasso de La Veja Y Pedroso Charters, viscondessa de S. Sebastião. Os populares têm como mandatário Francisco Pires Costa Paula, de Pousafoles do Bispo, como candidato à Assembleia Municipal, Filipe Paulo Mendes Cunha, de Pousafoles do Bispo, e apresentam listas às Juntas de Freguesia de Aldeia de Santo António e Pousafoles do Bispo.
O Capeia Arraiana aproveitou para trocar algumas palavras com Cristina Metelllo de Seixas que considera a candidatura popular «como a única capaz de fazer a diferença no actual panorama do concelho» porque «é um projecto sólido que não promete o que não pode cumprir e que deseja ir ao encontro dos anseios dos sabugalenses». «Somos uma candidatura sustentada por uma freguesia com pessoas muito fortes e dinâmicas: Pousafoles do Bispo», disse ainda a dirigente centrista do distrito da Guarda.
Alguns minutos depois surgiu a delegação do PSD liderada pelo candidato António Robalo que se fazia acompanhar do mandatário Luís Eduardo Canaveira Manso (Aldeia do Bispo) e dos elementos da lista Delfina Leal, Ernesto Cunha, Vítor Proença e José Henriques. Os sociais-democratas apresentam como candidato à Assembleia Municipal, Manuel Rito Alves, e listas em 24 freguesias sabugalenses. Recorde-se que o concelho do Sabugal é constituído por 40 freguesias das quais, pela última actualização do recenseamento eleitoral, sete são plenários.
Após um compasso de espera foi a vez dos socialistas darem entrada ao processo de candidatura de António Dionísio que, acompanhado de elementos da lista, testemunhou a entrega pelo mandatário José Fernando de Jesus Pinto das pastas eleitorais. Ramiro Matos, natural da vila do Sabugal, é o candidato à presidência da Assembleia Municipal. Aproveitamos para informar que por esse motivo e respeitando um critério editorial há muito definido o nosso estimado cronista Ramiro Matos suspende até às eleições os seus artigos de opinião no Capeia Arraiana. O Partido Socialista constituiu listas em 20 freguesia.
Por último compareceu o candidato independente nas listas do MPT-Partido da Terra, Joaquim Ricardo, acompanhado pelo mandário Vítor Coelho, pelo candidato à Assembleia Municipal, António Gata e por Alberto Monteiro, actual presidente de Valongo do Côa. A candidatura de Joaquim Ricardo constituiu listas para 15 Juntas de Freguesia.
Estão assim lançados os dados depois de semanas de grande pressão na constituição das listas nas Juntas de Freguesia. É tempo dar início a uma nova etapa da campanha eleitoral agora que todos os nome, cumprindo as quotas de paridade, estão expostos no Tribunal do Sabugal.
jcl

CDS apresentou candidatura à Câmara do Sabugal

Ana Isabel Charters, de Sortelha, filha da viscondessa Luísa Charters, é a candidata do CDS-PP à Câmara Municipal do Sabugal. A candidatura foi hoje entregue no Tribunal do Sabugal, bem como a candidatura à Assembleia Municipal e a duas freguesias do concelho.

Cristina Isabel Gamboa Metello de SeixasNo último dia do prazo para a apresentação das candidaturas autárquicas, a grande surpresa foi o aparecimento de uma lista do CDS-PP, protagonizada pela sortelhense Ana Charters. A lista dos populares foi entregue na tarde de hoje, dia 17 de Agosto, por Cristina Isabel Gamboa Metello de Seixas, dirigente do partido no distrito da Guarda.
A candidata é filha da viscondessa de Sortelha, Luísa Charters, que precisamente há oito anos encabeçou a candidatura do CDS à Câmara do Sabugal.
Filipe Paulo Mendes Cunha, de Pousafoles do Bispo, será o cabeça de lista à Assembleia Municipal.
Capeia Arraiana apurou que o CDS apresenta ainda candidatos a duas juntas de freguesia: Pousafoles do Bispo e Aldeia de Santo António.
plb