Castelo de Cinco Quinas - Sabugal

A imponente torre de menagem pentagonal tem 38 metros de altura. ler mais »

Encerro na Capeia Arraiana

Entre a poeira ao longe despontam as varas dos cavaleiros e, logo no meio do turbilhão, o sobe e desce dos vultos em corrida encrespada. ler mais »

Capeia Arraiana

Ao grito de «Ó Forcão, Rapazes!», cerca de três dezenas de rapazes irão segurá-lo e resistir às investidas do touro. O baile de pés e a bravura serão recompensados pelos aplausos da assistência. ler mais »

Ponte de Sequeiros

Agora há outras pontes, mas esta, do Sabugal, é mítica: abriu as portas de Portugal a Ribacôa e as portas de Ribacôa a Portugal. ler mais »

Nascente do Rio Côa - Fóios

O rio Côa nasce na Serra das Mesas, no limite dos Fóios (Sabugal-Guarda), percorre 130 quilómetros até desaguar, na margem esquerda do rio Douro em Vila Nova de Foz Côa. ler mais »

Documentário sobre El Rei D. Dinis

O Capeia Arraiana juntou, em Odivelas, junto ao túmulo de El Rei D. Dinis dois dos mais ilustres historiadores do concelho do Sabugal: Maria Máxima Vaz e Adérito Tavares. LocalVisãoTV na Zon (posições 14 e 199), Meo (198 e 199), Cabovisão (16), Vodafone TV (198 e 199) e Optimus Clix (19). ler mais »

Natália Bispo

A guardiã da Casa do Castelo. ler mais »

Personalidade do Ano

Adérito Tavares - Personalidade do Ano 2018 ler mais »

 
Freguesia do Casteleiro - Sabugal - © Capeia Arraiana

Lar do Casteleiro – Órgãos Sociais tomam posse

No pretérito dia 21 de dezembro, pelas 15 horas, o Presidente da Assembleia Geral cessante, Dr. Joaquim José Felizardo Paiva, deu posse aos novos Órgãos Sociais do Lar e Centro de Dia de São Salvador do Casteleiro.

Jaime Rodrigues toma posse como presidente da Direção

David Carreira - Judo - Sabugal

Emanuel Martins convocado para a selecção de judo

No fim-de-semana de 2 e 3 de fevereiro de 2019, irá realizar-se em Odivelas o «European Judo Open» masculino, prova que conte para a classificação Olímpica e que reúne sempre as grandes delegações europeias e mundiais da modalidade, tendo em conta a qualidade e condições que Portugal tem vindo a dar para os grandes eventos desportivos.

O judo sempre em destaque - Capeia Arraiana

O judo sempre em destaque

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (257)

Bruno de Carvalho é dos mais noticiados. Publicidade é com a NOS. Costa fica abaixo de si mesmo… Bom Ano! De hoje a oito, na próxima crónica, já será 2019.

Os mais noticiados em Portugal (Imagem: Cision) - Capeia Arraiana

Os mais noticiados em Portugal (Imagem: Cision)

Acontecimento do Ano - 2018 - Capeia Arraiana

Honoris causa para Pinharanda Gomes

:: :: ACONTECIMENTO DO ANO – HONORIS CAUSA PARA PINHARANDA GOMES :: :: O Capeia Arraiana escolheu como Acontecimento do Ano 2018 a atribuição do grau de Doutor Honoris Causa ao pensador quadrazenho Jesué Pinharanda Gomes, pela Universidade da Beira Interior (UBI). A cerimónia de imposição das insígnias académicas aconteceu no dia 20 de Março, na Covilhã, perante uma imensa plateia de professores, estudantes, autoridades civis e religiosas e imensos conterrâneos do ilustre ensaísta e escritor.

No dia 20 de Março a UBI distinguiu Pinharanda Gomes

Ramiro Matos - Sabugal Melhor - © Capeia Arraiana (orelha)

Da amizade… Dos amigos…

O Natal e o novo ano são momentos em que vale a pena falar do que é realmente importante.

Sagrada família da Vista Alegre - Capeia Arraiana

Sagrada família da Vista Alegre

Maria Rosa Afonso - Orelha - Capeia Arraiana

Natal

Ontem, foi dia de Natal; para a maioria das pessoas o dia terá sido feliz, no regresso à família e ao espírito de união e de partilha. Mas, muitos têm razões para estar tristes e o dia não foi de felicidade: perderam alguém de família, descobriram que sofrem de uma doença grave, encontram-se desempregados, estão sozinhos ou por outro qualquer motivo que só cada um sabe.

Nem sempre o dia de Natal é partilhar alegrias - Capeia Arraiana

Nem sempre o dia de Natal é um momento para partilhar alegrias

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Dia de Natal

Uma década, em cada época natalícia escrevi sobre o seu significado religioso e também profano. Este ano quis escrever sobre a Igreja Católica, cujo papel é gerir o Catolicismo, e nessa gestão há um ponto que está a levar ao esvaziamento de seminários e ao descrédito a nível global devido a tanto escândalo sexual, o celibato dos sacerdotes.

25 de Dezembro - Dia de Natal - Capeia Arraiana

25 de Dezembro – Dia de Natal

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

Fundão – Espaço Biblos

Através das redes sociais tive conhecimento de que iria ser inaugurado o Espaço Biblos, na Rua do Serrão nº5, na Zona Histórica, não muito longe do Museu Arqueológico da cidade.

Manuel da Silva Ramos e Mário Fernandes no Espaço Biblos

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Casteleiro – A Serra d’Opa

Já contei nestas crónicas a lenda das três mouras encantadas que à noite estendem seus alvos lençóis no alto da Serra d’Opa. Mas são tantas as histórias que se contam que vale a pena rememorar algumas delas…

Serra D'Opa - Casteleiro - Capeia Arraiana

Serra D’Opa no Casteleiro

Personalidade do Ano - 2018 - Capeia Arraiana

Adérito Tavares é a Personalidade do Ano 2018

:: :: PERSONALIDADE DO ANO – ADÉRITO TAVARES :: :: O Capeia Arraiana escolheu como Personalidade do Ano 2018, Adérito Tavares. O homenageado nasceu na Raia sabugalense em Aldeia do Bispo e é casado com Maria da Conceição Tavares. O filho João é licenciado em Direito pela Católica e a filha Ana Teresa é doutorada (nos Estados Unidos) em ciências biomédicas e investigadora no Centro de Estudos de Doenças Crónicas da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Nova de Lisboa.

José Carlos Lages, Adérito Tavares e Paulo Leitão Batista (Foto: São Tavares) - Capeia Arraiana

José Carlos Lages, Adérito Tavares e Paulo Leitão Batista (Foto: São Tavares)

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

1971-74 – Os dias da Tropa (17)

O meu plano é trazer aqui um resumo dos 38 meses e 11 dias da minha tropa: desde 21 de Julho de 1971 (entrada no Curso de Oficiais Milicianos da Escola Prática de Infantaria de Mafra) até 2 de Outubro de 1974 (aterragem no aeroporto militar de Lisboa, vindos de Luanda). Trarei apenas episódios marcantes, nunca esquecidos, que dormem acordados nos recantos da minha memória.

Época das chuvas em Buco Zau - Capeia Arraiana

Época das chuvas em Buco Zau

O calendário jacobino

Com o objetivo de alterar profundamente a organização social, foi criado o calendário da Revolução Francesa, um símbolo de uma nova era que se iniciava. O novo calendário, baseado no ciclo da natureza, tinha características marcadamente anticlericais, daí ser também designado por calendário jacobino.

O Calendário Revolucionário

António José Alçada - Orelha - Capeia Arraiana

Quando comprávamos as prendas na loja do Ti Manel!

O tempo vai caminhando com o chamado progresso. Coisas melhores, vida diferente, mas também há um sabor de saudade de hábitos que tendem a desaparecer definitivamente. Já não são só as livrarias, todo o comércio de rua, ou tradicional, caminha para um calvário que, nos dias de hoje, nem o Natal lhes salva!

Comércio Tradicional em tempo natalício - Capeia Arraiana

Comércio Tradicional em tempo natalício

Franklim Costa Braga - Capeia Arraiana

Novela na Raia – Episódio 23

A minha intenção é sempre a mesma. Avivar a memória da cultura de Quadrazais para que não se perca, sobretudo entre os jovens que não nasceram ou não cresceram em Quadrazais, tendo ouvido apenas dos pais e avós algumas histórias e cenas da vida quotidiana da terra onde haviam nascido, tão longe do local onde agora se encontram. Na «Novela na Raia» vou utilizar personagens reais da aldeia, tentarei descrever quadros da aldeia e narrar os factos do dia-a-dia, embora não obrigatoriamente protagonizados por estas personagens. (Episódio 23).

Novela na Raia - Episódio 23 - Franklim Costa Braga - Capeia Arraiana

Novela na Raia – Episódio 23 – Franklim Costa Braga – Capeia Arraiana

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (256)

Os números das audiências são tão cruéis que provocam grandes guerras e até alguma má educação entre alguns dos protagonistas mais bregas. Leia e ria-se, que mais não merecem…

Telenovela Gabriela adaptada do livro com o mesmo nome de Jorge Amado - Capeia Arraiana

Telenovela Gabriela adaptada do livro com o mesmo nome de Jorge Amado

Ramiro Matos - Sabugal Melhor - © Capeia Arraiana (orelha)

PC2II – mais uma falsa oportunidade?

Pelo Decreto-Lei nº 111/2018 de 11 de Dezembro foi criado e regulamentado o Programa de Captação de Investimento para o Interior (PC2II), que não augura nada de novo para o nosso Concelho.

Mapa dos PC2II - Capeia Arraiana

Mapa PC2II

Maria Rosa Afonso - Orelha - Capeia Arraiana

Acolher sem esperar nada em troca

Bateram à porta. Não é engano meu. Alguém, está ali. Veio, certamente, porque tem algo para me dizer, algo para me solicitar, senão não teria vindo. E eu o que faço? A partir deste momento, fico responsável pelo que decidir fazer: acolher ou passar ao lado.

Na quadra natalícia multiplicam-se os gestos de solidariedade com os mais pobres

Na quadra natalícia multiplicam-se os gestos de solidariedade com os mais pobres

Fernando Capelo - Terras do Jarmelo - © Capeia Arraiana

Privilegiada contemplação

A Estrela já foi Serra de muitas e frondosas árvores. Porém, as suas encostas são, agora, atapetadas de ervas. Nas ladeiras fincam-se gestas que medram espontâneas entre arbustos rasteiros e há colinas onde prosperam jovens árvores, animadas pela justa aspiração de se tornarem adultas. Assim os incêndios ou outras perversidades humanas o consintam.

Serra da Estrela

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Debilidade Moral

O Homem é um ser imperfeito, a sua debilidade moral faz parte da sua imperfeição. O extremo dessa debilidade é usar os outros para atingir os seus próprios fins.

Debilidade moral de alguns seres humanos - Capeia Arraiana

Debilidade moral de alguns seres humanos

Freguesia do Casteleiro - Sabugal - © Capeia Arraiana

Lar do Casteleiro – escolheu Jaime Rodrigues

Jaime Rodrigues, personalizando a Lista A, viu a vitória garantida, à frente da Associação do Lar e Centro de Dia de São Salvador do Casteleiro, para o próximo quadriénio, numas eleições muito concorridas realizadas no passado dia 8 de dezembro.

Jaime Rodrigues

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

O regresso…

Um dos valores da cidadania é sermos gratos para quem profissionalmente ou voluntariamente se lembra das nossas fragilidades, das nossas necessidades físicas e psicológicas ou até morais.

Museu Romano POROS, em Sicó

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Casteleiro – Brasão do Morgado de Santo Amaro

Como prometi na semana passada, hoje dedico esta crónica ao outro brasão da aldeia: o de Santo Amaro. Era um morgadio e dele e do seu titular, o Doutor Tavares de Mello, trago aqui várias opiniões que corroboram o que sempre ouvi dizer do grande proprietário: ele foi sem dúvida um «bon vivant».

Brasão em Santo Amaro - Casteleiro - Capeia Arraiana

Brasão em Santo Amaro no Casteleiro

Adérito Tavares - Na Raia da Memória - © Capeia Arraiana (orelha)

A vaca e a vacina

A vaca foi um dos animais predominantes da agropecuária beirã, quer como produtora de leite e respectivos derivados, quer como animal de tracção. Há, no entanto, algo que lhe devemos, na Beira e em todo o mundo, e nem toda a gente conhece.

Gravura do início do séc. XIX que representa Jenner a vacinar o seu próprio filho contra a varíola (ao colo da sua esposa). O autor da gravura, ao deixar entrever uma vaca através da janela, faz uma referência explícita à origem do método profiláctico descoberto por Edward Jenner - Adérito Tavares - Capeia Arraiana

Gravura do início do séc. XIX que representa Jenner a vacinar o seu próprio filho contra a varíola (ao colo da sua esposa).
O autor da gravura, ao deixar entrever uma vaca através da janela,
faz uma referência explícita à origem do método profiláctico descoberto por Edward Jenner

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

1971-74 – Os dias da Tropa (16)

O meu plano é trazer aqui um resumo dos 38 meses e 11 dias da minha tropa: desde 21 de Julho de 1971 (entrada no Curso de Oficiais Milicianos da Escola Prática de Infantaria de Mafra) até 2 de Outubro de 1974 (aterragem no aeroporto militar de Lisboa, vindos de Luanda). Trarei apenas episódios marcantes, nunca esquecidos, que dormem acordados nos recantos da minha memória.

Esta é a Curva da Morte de que falo no texto

A festa do Ó

Antigamente designava-se por Ó o beberete, merenda ou convite, que se dava nas catedrais, colegiadas e mosteiros, em cada um dos sete dias antes do Natal, principiando nas primeiras vésperas da festa da Expectação que também foi chamada festa do Ó. Daqui nasceria a festa da Senhora do Ó.

O «convite» do Ó deu lugar ao culto de Nossa Senhora do Ó

António José Alçada - Orelha - Capeia Arraiana

Fui ver a Banda passar!

Música mítica de Chico Buarque nada destoa com a qualidade do concerto dos 148 anos da Banda da Covilhã. Um espaço com uma acústica fantástica, a Igreja da Santíssima Trindade, só confirmou a qualidade dos músicos e maestros que, nos ouvidos mais apurados, não sentiram qualquer desafinação. Acredito mesmo que von Karajan se estivesse vivo mas ouvisse o concerto nos rádios de transistores, daria os parabéns por telegrama à Banda da Covilhã, por mais este sucesso.

Concerto dos 148 anos da Banda da Covilhã - Capeia Arraiana

Concerto dos 148 anos da Banda da Covilhã

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (255)

Lamento o que se está a passar com o Sporting, ainda na herança e legado de BdC… A minha solidariedade para com quem ama o seu clube e se entristece, também, com tudo isto…

Bombeiros Voluntários de Portugal - Capeia Arraiana

Bombeiros Voluntários de Portugal

Ramiro Matos - Sabugal Melhor - © Capeia Arraiana (orelha)

Sabugal Presépio – uma vaca púrpura?…

O presépio que anualmente vem ocupando o Largo da Fonte, na cidade do Sabugal, é uma boa ideia que deve manter-se.

Maria Rosa Afonso - Orelha - Capeia Arraiana

Dia Internacional dos Direitos Humanos

Celebrou-se, no passado dia 10 de dezembro, o Dia Internacional dos Direitos Humanos. A data assinala o dia em que a Declaração Universal foi assinada, em Paris, fez agora 70 anos. Pensava escrever sobre notícias felizes, mas o que primeiro me ocorreu foram casos de pessoas a quem, em Portugal, nas últimas semanas, não foram assegurados os direitos devidos.

Dia Internacional dos Direitos Humanos - Capeia Arraiana

Dia Internacional dos Direitos Humanos

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Extremismos, Fakes e Facebook

Actualmente, mais de metade da população mundial vive em Democracia. Na velha Europa, onde todos os seus habitantes sabem que Hitler morreu, mas infelizmente não sabem que a mãe dele está grávida!! Os extremismos de direita e as suas ideias fascistas proliferam.

Notícias secretas, notícias falsas e... algumas notícias verdadeiras - Capeia Arraiana

Notícias secretas, notícias falsas e… algumas notícias verdadeiras

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

Santa Bebiana

O nosso Povo sempre teve propensão para misturar as festividades religiosas com as profanas. Nos tempos actuais, em muitas localidades, as festas religiosas são em grande parte feiras e mercados.

Santa Bebiana em Caria (imagem de Local visão TV)

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Casteleiro – Uma aldeia, dois brasões

Uma aldeia com dois solares brasonados… é qualquer coisa a não deixar passar em claro, certo? É mesmo desse tema que hoje me ocupo de novo. Gosto de chamar à colação este tipo de assuntos para recapitular a nossa História Local dos últimos 300 a 400 anos…

Brasão em Santo Amaro - Capeia Arraiana

Brasão em Santo Amaro

A simbologia da mão

Uma mão branca era, nos tempos antigos, símbolo de inocência; uma mão vermelha simbolizava a força do guerreiro; uma mão calosa indicava vulgaridade.

As mãos podem ter uma forte simbologia

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

1971-74 – Os dias da Tropa (15)

O meu plano é trazer aqui um resumo dos 38 meses e 11 dias da minha tropa: desde 21 de Julho de 1971 (entrada no Curso de Oficiais Milicianos da Escola Prática de Infantaria de Mafra) até 2 de Outubro de 1974 (aterragem no aeroporto militar de Lisboa, vindos de Luanda). Trarei apenas episódios marcantes, nunca esquecidos, que dormem acordados nos recantos da minha memória.

Coluna militar portuguesa na picada africana - Capeia Arraiana

Coluna militar portuguesa na picada africana (Foto: D.R.)

António José Alçada - Orelha - Capeia Arraiana

A cegueira do Saramago

Este ano, fez vinte anos que José Saramago venceu o Prémio Nobel da Literatura, pela publicação da obra «Ensaio sobre a Cegueira». Como pessoa sem dúvida que Saramago não deixou saudades a muita gente, mas o facto é que ficou na história da literatura mundial. Obviamente que teve ajudas, como por exemplo Mozart, em que a sua viúva foi fundamental para que a sua obra ultrapassasse a barreira da fronteira portuguesa, e entrasse num mercado de 600 milhões de pessoas, onde ainda muita gente felizmente lê. Embora não tivesse lido a obra, vi o filme, e, mesmo sendo uma produção de Hollywood, deixa-nos a pensar.

José Saramago - Prémio Nobel da Literatura (Foto: D.R.) - Capeia Arraiana

José Saramago – Prémio Nobel da Literatura (Foto: D.R.)

Franklim Costa Braga - Capeia Arraiana

Novela na Raia – Episódio 22

A minha intenção é sempre a mesma. Avivar a memória da cultura de Quadrazais para que não se perca, sobretudo entre os jovens que não nasceram ou não cresceram em Quadrazais, tendo ouvido apenas dos pais e avós algumas histórias e cenas da vida quotidiana da terra onde haviam nascido, tão longe do local onde agora se encontram. Na «Novela na Raia» vou utilizar personagens reais da aldeia, tentarei descrever quadros da aldeia e narrar os factos do dia-a-dia, embora não obrigatoriamente protagonizados por estas personagens. (Episódio 22).

Novela na Raia - Episódio 22 - Franklim Costa Braga - Capeia Arraiana

Novela na Raia – Episódio 22 – Franklim Costa Braga – Capeia Arraiana

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal Tv (254)

Destaco para o leitor as últimas linhas: são recorrentes algumas fórmulas erradas nas nossas TVs. Sofre a Língua e sofremos nós. Quando é que alguém põe mão nisto??? Para já não falar destas bem visíveis no écrã – um escândalo…

Agressões à Língua Portuguesa - Capeia Arraiana

Agressões à Língua Portuguesa

Hoje destacamos... - © Capeia Arraiana (orelha)

Desde 6 de Dezembro de 2006…

Dia 6 de Dezembro de 2006. Nascia na Internet o primeiro espaço de livre opinião do Sabugal. Na nossa «Ficha Técnica» recordamos como nos demos a conhecer: «O Capeia Arraiana (capeiaarraiana.pt) é um new media on-line regional com periodicidade diária privilegiando o concelho do Sabugal e o distrito da Guarda. Move-nos a paixão pela Raia, pelas terras do forcão, pelas serras da Estrela, da Malcata e das Mesas, pelo rio Côa e pelo povo valoroso que luta pelo futuro de uma região que alguns querem condenar ao fracasso. Defendemos as nossas tradições e trabalhamos para que a informação, a opinião e o debate de ideias estejam presentes no quotidiano dos que, como nós, amam as terras beirãs.» E por aqui nos mantemos há 12 anos, há 4383 dias, com 12.342 artigos publicados com a assinatura de cronistas e opinadores de excelência. Enquanto os homens e Deus quiserem. Bem-hajam todos os Sabugalenses e todos os Amigos das terras do Sabugal. Um agradecimento especial ao nosso parceiro PTServidor. Segue-se o rol de cronistas e opinadores…

Estatísticas Capeia Arraiana - Capeia Arraiana

Estatísticas do Capeia Arraiana – Média diária superior a 1000 visitantes

Ramiro Matos - Sabugal Melhor - © Capeia Arraiana (orelha)

É melhor pôr as barbas de molho…

É melhor pôr as barbas de molho porque… pensar que só acontece aos outros e descansar à sombra da bananeira começa a ser imprudente.

Os extremismos alastram um pouco por todo o mundo - Capeia Arraiana

Os extremismos alastram um pouco por todo o mundo (Foto: D.R.)

Câmara Municipal Sabugal - © Capeia Arraiana

Maior Presépio Natural no Sabugal

A cidade do Sabugal, no distrito da Guarda, volta a ter este ano na época natalícia um presépio gigante. O recinto decorado com mais de 500 toneladas de troncos de castanheiros ocupa uma área de cerca de 1.100 metros quadrados. A inauguração do «Maior Presépio Natural» está marcada para sexta-feira, 7 de Dezembro, às 17:00 horas.

Em 2017 foi assim... (Foto: C.M.Sabugal) - Capeia Arraiana

Em 2017 foi assim… (Foto: C.M.Sabugal)