Category Archives: Passeio pelo Côa

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Extremismos, Fakes e Facebook

Actualmente, mais de metade da população mundial vive em Democracia. Na velha Europa, onde todos os seus habitantes sabem que Hitler morreu, mas infelizmente não sabem que a mãe dele está grávida!! Os extremismos de direita e as suas ideias fascistas proliferam.

Notícias secretas, notícias falsas e... algumas notícias verdadeiras - Capeia Arraiana

Notícias secretas, notícias falsas e… algumas notícias verdadeiras

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

O Poder vai-se debilitando…

Vamos começar com palavras de um especialista em politica chinesa: «Os membros do politburo falam agora abertamente sobre os bons velhos tempos em que os seus antecessores no topo do partido comunista não tinham de se preocupar com bloggers, piratas informáticos, criminosos internacionais, líderes provinciais trapaceiros ou activistas que organizam 180.000 protestos públicos todos os anos. Quando apareciam rivais, os antigos líderes tinham mais poder para os enfrentar. Os líderes actuais continuam a ser muito poderosos, mas não tanto como os líderes de algumas décadas, e os seus poderes estão a diminuir constantemente.» Isto, querido leitor, num regime autoritário!

A debilidade do poder - Capeia Arraiana

A debilidade do poder

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Evolução da Civilização

Surgiu uma polémica entre Manuel Alegre e o líder do Partido Socialista sobre a manutenção do IVA a 13% para os espectáculos de tauromaquia. Presumo, mas posso estar enganado, que devido a esta polémica a senhora Ministra da Cultura afirmou: «Todas as políticas têm na sua base valores civilizacionais e as civilizações evoluem.» Este meu artigo, independentemente da polémica, tem por base os valores civilizacionais e a evolução da civilização.

Evolução da Espécie - Capeia Arraiana

Evolução da Espécie

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

O Poder em crise

Quem no nosso País, há pouco mais de quatro décadas atrás sabia o que era a Acção Nacional Popular? Quem era o seu Presidente? Quem sabia o nome de ministros do Governo? Um número reduzido de pessoas. Nos dias de hoje a maior parte dos portugueses desde os mais jovens aos mais velhos sabe o nome e conhece o símbolo dos principais partidos políticos, conhece ministros e deputados.

Karl Marx - Capeia Arraiana

Karl Marx

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Folhas mortas

Não há eterno Outono com as suas folhas caídas, nem eterno Inverno cobrindo os campos com um manto de neve. A natureza renova-se, voltarão as flores e as verdes folhas, sentiremos novamente a aragem perfumada dos pinhais.

Outono - Capeia Arraiana

Outono

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

D. Miguel – O Travesso

Não irei escrever da sua orientação e actuação políticas, mas sim da sua conduta pessoal. Filho de de D.João VI e da espanhola Carlota Joaquina de Bourbon, teve uma educação nada condizente com a sua posição. Um inglês que nessa altura vivia no Paço e era secretário particular de Dona Carlota, disse o seguinte: «Se dessem a este menino a educação que precisava viria a ser um herói… assim será um tigre, o flagelo dos que tiverem de aturá-lo.»

D. Miguel, O Travesso - Capeia Arraiana

D. Miguel, O Travesso

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Informar

É informação credível um jornalista pago por uma grande empresa ou multinacional escrever artigos onde só elogia essa empresa? É informação credível um jornalista escrever elogiando a actuação de um qualquer governo em funções, cujo jornal onde escreve pertence a um grupo mediático com a mesma ideologia desse governo?

A Verdade da Mentira - Capeia Arraiana

A Verdade da Mentira

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

A fonte

Escrever é uma maneira fácil e agradável de alguém se afastar desta vida, mas para isso tem de ver com a alma a luz da madrugada, o crepúsculo, e ouvir também com essa mesma alma os cânticos da Terra.

Fonte no Sabugal - Capeia Arraiana

Fonte no Sabugal

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Turismo cemiterial

Conheço vários tipos de turismo, mas o cemiterial só há pouco tempo ouvi falar nele. Sei que algumas vezes se vai a cemitérios ver certos jazigos, ou campas, com uma curiosidade às vezes museológica. Até que alguém me falou no cemitério Père-Lachaise em Paris.

Turismo cemiterial - Capeia Arraiana

Túmulo de Victoir Noir no cemitério Père-Lachaise em Paris (Foto: D.R.)

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Ética pessoal igual a ética colectiva

Li nos jornais, vi e ouvi na televisão que o director da Policia Judiciária Militar foi detido. Não se detém um director de uma polícia por engano ou capricho. Diz-se muita coisa, como é natural, mas a mim pouco me importa. O que me preocupa é que é mais um caso a juntar a outros que desvirtuam a Democracia portuguesa.

Ética na Política e Política com Ética - Capeia Arraiana

Ética na Política e Política com Ética

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Uma Europa extremista?

Em Democracia não se pode governar sempre, esta é a sua essência,quem governa hoje terá de ser governado amanhã, só assim se evitarão as Oligarquias e os seus tiranos. Nas actuais Democracias Ocidentais as Oligarquias governam através do voto que é dado aos seus representantes, isto que acabo de escrever não é nenhum extremismo! Para alguns poderá ser uma provocação, mas também não é, é uma pura realidade. Essa Oligarquia está a atirar com a Europa para a Extrema Direita. Começo a desconfiar que é propositadamente…

Democracias extremistas na Europa - Capeia Arraiana

Democracias extremistas na Europa

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Família desavinda

Trump e Merkel são dois «familiares» desavindos, ambos se identificam com o Capitalismo Selvagem, só que Trump e os seus seguidores como JaroslaW Kaczynki e o húngaro Orban são nacionalistas autoritários e querem regressar aos valores mais profundos dos seus povos, Merkel e Macron procuram os valores modernos do cosmopolitismo. O problema é cultural, talvez nem económico nem político, porque a todos eles interessa simplesmente enriquecer ainda mais os mais ricos.

Liberalismo - Capeia Arraiana

Neoliberalismo derrotou a Democracia

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

A amizade

Querido(a) leitor(a), tudo está em crise, acredite ou não, está em crise a política, a economia, as relações entre Nações, a moral, o amor, e como não podia deixar de ser, a amizade.

Percorrer o caminho da amizade - Capeia Arraiana

Percorrer o caminho da amizade

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Vale tudo…

Em 30 de Outubro de 1938, um programa de rádio da CBS simulando a invasão de extraterrestres, desencadeou o pânico na costa Leste dos Estados Unidos, é considerada a primeira Fake na história da comunicação social. Com esta Fake, a CBS bateu a sua concorrente NBC, o que significa que tudo o que é falso em qualquer órgão da comunicação social, tem por fim bater a concorrência.

Mentira - Capeia Arraiana

Mentira

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

A rentrée…

Resolvi entrar em Setembro, fim de férias, com uma série de noticias retiradas da comunicação social online. Mas para quê começarmos com coisas sérias logo a seguir a umas boas férias? Portanto aí vão uns faits divers. Não me responsabilizo se tudo o que lerem sejam Fake News!

As Fake News na Internet - Capeia Arraiana

As Fake News na Internet

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

O instinto do poder

Alguém me disse que o que faz movimentar a História é a luta pelo poder, porque essa luta pelo poder faz parte do instinto natural do Homem. Eu fiquei a pensar nisto e notei, começando por mim, que há muita gente que não tem nenhuma propensão pelo poder.

O instinto do poder - António Emídio - Capeia Arraiana

O instinto do poder

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Franco e a ocupação de Portugal (1940)

Franco e os seus generais, estimulados pela vitória na Guerra Civil, entraram numa espécie de «erecção psíquica», levando essa «erecção» a quererem participar militarmente na II Guerra Mundial ao lado da Alemanha e da Itália,com uma condição, Hitler e Mussolini garantir-lhes-iam o tão sonhado e desejado Império do Norte de África, que consistia no actual território de Marrocos e ainda um bom bocado da Argélia, mas tanto um como o outro nada lhes garantiram. Então, surpreendentemente engendraram um plano ofensivo para invadir portugal! Isto em 1940.

Hitler e Franco - Capeia Arraiana

Hitler e Franco

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Olá Senhor(a) «Doutor(a)»!

Acabei de ler que numa cidade capital de um país da América Latina, há toda uma série de habilidosos que vendem entre 30 e 40 euros, numa banca onde trabalham, e em praça pública, cópias perfeitas – falsificações – de títulos de licenciamentos, doutoramentos (o que o freguês quiser) com a a chancela das melhores universidades do Mundo!

Currículos pessoais com habilitações literárias falsificadas estão a generalizar-se - Capeia Arraiana

Currículos pessoais com habilitações literárias falsificadas estão a generalizar-se

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

É propositadamente!

Na sua recente visita a Portugal, Angela Merkel referiu a necessidade dos políticos «falarem de forma mais compreensiva» evitando a «linguagem muito técnica (…) muitas pessoas já não sabem o que os políticos estão a falar».

Fake News são moda nos tempos que vivemos - António Emídio - Capeia Arraiana

Fake News (notícias falsas) são moda nos tempos que vivemos

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Simples sombra

Fui obrigado a afastar-me do espírito da época em que vivo, refugiei-me numa espiritualidade humana e ética que tem por base o respeito pela Vida, pela dignidade do Homem e pala Natureza.

A Sombra - Capeia Arraiana

A Sombra

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Passeio matinal

Passeei numa destas belas manhãs de Julho através do tardio Verão, esta já estava presente em cada folha de árvore em cada canto de passarinho e nos tapetes de flores que enfeitavam os caminhos. Não ia só, levava comigo um passado já distante.

Passeio matinal pelos campos do Sabugal - Capeia Arraiana

Passeio matinal pelos campos do Sabugal

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

O caminho da Eternidade

Que significou o nosso último olhar, Mãe? Aquele olhar feito de silêncios que nem as lágrimas humedeceram? Não! Aquele olhar não significou um eterno adeus, uma infinita Saudade, um grito de angústia ou o quebrantar das nossas almas. Eu compreendi tudo, Mãe.

Caminho para a Eternidade - Capeia Arraiana

Caminho para a Eternidade

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

O maior cego é…

«As minhas preocupações e expectativas é que nas próximas semanas mostrem que os mercados, as taxas das obrigações e a economia italiana podem ser tão drasticamente atingidas que isso vai servir para indicar aos eleitores para não votarem nos populistas de direita e de esquerda(…) A formação do governo pode ser responsável por isso. Só posso esperar que isto vá desempenhar um papel na campanha eleitoral, no sentido de enviar um sinal aos eleitores para não entregarem o poder aos populistas à direita ou à esquerda.»

O maior cego é aquele que... - António Emídio - Capeia Arraiana

O maior cego é aquele que…

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Através da Janela

Só os espíritos movidos pela inquietação são capazes de criar algo espiritual e metafísico, porque a sua vida está mais dentro deles do que fora. Esses espíritos são eles próprios não são aquilo a que o meio em que estão inseridos os quer obrigar a ser, são livres.

A Janela - António Emídio - Capeia Arraiana

A Janela

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

O Narcotráfico

Os massacres dos narcotraficantes são muito mais violentos e matam muita mais gente do que qualquer grupo terrorista, refiro-me principalmente à América Latina. Se virmos imagens desses massacres, notamos que o terrorismo ainda tem muito que aprender.

Vítimas dos narcotraficantes - Capeia Arraiana

Vítimas dos narcotraficantes

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

O Lobo Branco

A frágil luz da madrugada encontrou-te caminhando por entre a invernada que toda a noite fustigou a Montanha Sagrada, vais só, indiferente a outras vidas e outras gentes, sentes que a solidão te pertence neste agonizar da noite.

Lobo Branco - António Emídio - Capeia Arraiana

Lobo Branco

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Gorgulho, Carrajola e Formigão

Três personagens da História de Portugal do século XX, não muito conhecidas mas foram protagonistas de episódios bem tristes, principalmente o Gorgulho e o Carrajola. O Formigão levou o nome de Portugal através do Mundo…

Mapa de Portugal... que não era um país pequeno - Capeia Arraiana

Mapa de Portugal… que não era um país pequeno

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

A antítese

Salazar governou baseando-se na Constituição de 1933, que marcava os limites da autoridade do Estado, principalmente no que dizia respeito à ordem interna, à moral e ao direito, mas tudo isto resultou num texto que fez do Presidente do Governo (Salazar) o líder do Estado Novo, neste caso ditador, já que o governo desempenhava funções legislativas e executivas, a partir daqui, só se fazia o que ele queria.

António de Oliveira Salazar - Capeia Arraiana

António de Oliveira Salazar

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

28 de Maio de 1926

Como o(a) leitor(a) já se apercebeu, esta foi a data do derrube da 1.ª República através de um Golpe de Estado militar. Esse Golpe de Estado tinha dentro dele várias tendências, uma era de feição liberal e democrática, a outra, a vencedora queria um regime ditatorial, antiliberal, antidemocrático e fascista – foi desta que surgiu Salazar. No campo oposto a estas duas tendências estavam antigos governantes do Partido Republicano Português – Partido Democrático- membros da Esquerda Republicana, o Movimento Operário e Sindical, Comunistas, Socialistas e Anarco-sindicalistas.

Oliveira Salazar com o General Carmona - Capeia Arraiana

Oliveira Salazar com o General Óscar Carmona

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Simples peões de brega

Sócrates, Vara e outros como eles, são uns simples peões de brega dos grandes consórcios nacionais e internacionais, ou seja, da máquina que dirige o sistema e se sobrepõe aos eleitos por inércia mental. Estamos convencidos que o poder se encontra nos ministérios e se desloca naqueles «BêéMes» e Mercedes pretos com vidros escuros, mas quem ali vai limita-se a cumprir «sugestões» do verdadeiro Poder. Essas «sugestões» é que são as decisões que dizem como temos de viver, as classes médias e populares, não as classes altas e as elites.

Poder está nos lobbyes internacionais - Capeia Arraiana

Poder está nos lobbyes internacionais

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Luta pela vida

Não nascemos subitamente homens (nem mulheres), aprendemos a sê-lo através da luta e do esforço. A primeira experiência é o amor dos nossos pais, depois vem o desamparo e a desorientação. Esta é a nossa frágil condição humana, por isso a aprendizagem da vida e a luta pela vida, sem excepção, faz parte da condição humana.

Luta pela vida - Capeia Arraiana

Luta pela vida

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Ética e Estética à mesa

A Ética e a Estética neste artigo corresponde à conduta de pessoas que não comem nem bebem para viver, vivem simplesmente para comer e beber.

Os javalis do Obélix - Capeia Arraiana

Os javalis do Obélix

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

«Ni Dieu ni Maître»

Este título – «Ni Dieu ni Maître» – é um dos muitos slogans que apareceram escritos numa qualquer parede de um qualquer prédio de Paris durante Maio de 1968. Estão passados 50 anos desde o movimento estudantil que tentou destruir os alicerces de uma sociedade capitalista, a francesa, mas ao mesmo tempo também não aceitava as teses do Marxismo oficial. Este movimento falha os seus intentos porque os trabalhadores franceses não acreditaram numa mudança radical da sociedade capitalista.

Ni Dieu ni maître - António Emídio - Capeia Arraiana

Ni Dieu ni maître…

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Ética, Humanismo e Cultura

Sem direito à educação, à habitação, ao trabalho, a um salário justo, à segurança social, à protecção contra o desemprego, à protecção da maternidade e a tantos outros direitos, não pode haver um Estado de Bem Estar, sem estes direitos também não havia Democracia. E a Democracia portuguesa começou assim, a entrega de direitos e deveres aos cidadãos portugueses, outorgados pelo Golpe de Estado de 25 de Abril de 1974.

Revolução dos Cravos de 25 de Abril de 1974 em Portugal - António Emídio - Capeia Arraiana

Revolução dos Cravos de 25 de Abril de 1974 em Portugal

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Os descrentes na Utopia

Os descrentes na Utopia são os defensores acérrimos do sistema as «pessoas de bem». O que dizem quando se lhes apresenta uma Utopia, qual é a tese central do seu pensamento? «É certo que não vivemos no melhor dos mundos, mas tudo isto é preferível a qualquer Revolução.»

Utopia - Capeia Arraiana

Utopia

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Políticos presos e exilados na União Europeia

Não é novidade nenhuma querido(a) leitor(a), há presos políticos, e exilados políticos em países da moderna e democrática União Europeia. Estou a referir-me a Espanha, onde é mais perigoso ser político do que ser um delinquente.

Marta Rovira exilada catalã - Capeia Arraiana

Marta Rovira exilada catalã (Foto: D.R.)

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Há sempre alternativa

Por enquanto, ainda existem as liberdades públicas, sendo assim, têm de ser aproveitadas para obrigar os governantes a uma mudança de política, e só os insubmissos poderão salvar o País… se puder sê-lo!

Assembleia da República - Capeia Arraiana

Assembleia da República

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Massificação

«Abandonai as cidades homens estúpidos!» Quem este grito lançou foi Maiakovski, poeta e dramaturgo Russo. Platão também disse que a convivência no meio da massificação se torna difícil. Isto são fenómenos que têm surgido ao longo da História da Humanidade, sendo pura realidade o que deles sempre se disse, que vai desde Platão a Maiakovski, ou seja, do ano 347 antes de Cristo até ao século XXI.

Massificação - Capeia Arraiana

Massificação

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

A União Europeia e o crime organizado

A sociedade Liberal que impera na União Europeia, é a sociedade dos negócios e da economia, aquela que nos leva à despolitização, porque a política nesta sociedade transformou-se numa luta de interesses entre poderosos grupos económicos e também interesses do crime organizado!!!

Toto Riina - Capo da Mafia italiana - Capeia Arraiana

Toto Riina – Capo da Mafia italiana

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

A economia mundial em «guerra»

Estamos a assistir a uma «guerra» no campo da economia, entre os Estados Unidos da América e a União Europeia. Esta «guerra« não começou agora, já vem desde os anos 50 do século passado.

União Europeia e Estados Unidos da América - Capeia Arraiana

União Europeia e Estados Unidos da América