Category Archives: Opinião

Fernando Capelo - Terras do Jarmelo - © Capeia Arraiana

Não vale comprimir realidades

No desnovelar da vida há muito mais quem a tome por enigmática do que quem a julgue entendível. Porém, o seu todo é realmente complexo e tenta-nos a ideia de que o problema poderá estar em simplificá-la. Eis, assim, a razão pela qual se abreviam conceitos para facilitar a sua interpretação.

A infância é a etapa mais feliz da vida

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

O Lobo Branco

A frágil luz da madrugada encontrou-te caminhando por entre a invernada que toda a noite fustigou a Montanha Sagrada, vais só, indiferente a outras vidas e outras gentes, sentes que a solidão te pertence neste agonizar da noite.

Lobo Branco - António Emídio - Capeia Arraiana

Lobo Branco

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

O meu dia onomástico

Não me recordo, na minha aldeia, de existirem tradições na festividade de Santo António. Nas aldeias vizinhas, aí sim, havia capelas, imagens, festejos, procissões em honra daquele santo alfacinha, ficando a conhecer bem a sua história em tempos posteriores.

Santo António

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Casteleiro – Encantadores Dizeres do Povo

Não há dia em que cá em casa não se recordem dois ou três modos de falar da terra. E de cada vez que me ponho a explicar de onde vêm os termos e os modos de usar a palavra, fico sempre encantado.

Lar do Casteleiro - Capeia Arraiana

Festa no Lar do Casteleiro

Adérito Tavares - Na Raia da Memória - © Capeia Arraiana (orelha)

Colóquio de Homenagem a Pinharanda Gomes

Na sequência da atribuição do Doutoramento Honoris Causa a Pinharanda Gomes pela UBI (Universidade da Beira Interior) realizou-se, nos dias 8 e 9 de Junho, um Colóquio de Homenagem a este nosso prezado e ilustre sabugalense, promovido pela UBI e pela Câmara Municipal do Sabugal. Participaram várias e notáveis personalidades conforme podemos verificar no flyer aqui reproduzido.

Uma das sessões, no dia 8, na Covilhã, num dos anfiteatros da Faculdade de Letras da UBI - Adérito Tavares - Capeia Arraiana

Uma das sessões, no dia 8, na Covilhã, num dos anfiteatros da Faculdade de Letras da UBI

Os cedros do Líbano

Não é por acaso que o cedro é o símbolo nacional do Líbano, de resto presente na própria bandeira do país – foi com a madeira daquelas árvores majestosas que o rei Salomão mandou edificar o magnífico templo de Jerusalém.

Um formoso cedro do Líbano

António José Alçada - Orelha - Capeia Arraiana

O sonho português

Quem nunca ouviu falar do «sonho americano»? Tendo estado recentemente com um jovem acabado de concluir o seu mestrado integrado, na Universidade da Beira Interior (UBI), tive oportunidade de entender quais as motivações destes novos profissionais que ainda não perderam a esperança de um futuro mais promissor. O sonho português não é mais do que a imagem de marca da nossa cultura lusitana, onde apesar de não parecer, a família continua a ser a base da matriz social.

Fernando Pessoa - António José Alçada - Capeia Arraiana

Fernando Pessoa e o sonho português

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (228)

Numa semana dominada pelo Sporting Clube de Portugal (pelas piores razões) e pelo Santo António de Lisboa, permitam que me dedique apenas a este último…

Marchas Populares na Avenida da Liberdade em Lisboa - José Carlos Mendes - Capeia Arraiana

Marchas Populares na Avenida da Liberdade em Lisboa

Ramiro Matos - Sabugal Melhor - © Capeia Arraiana (orelha)

No rescaldo da Capeia em Vila Franca de Xira

Foi uma jornada sabugalense vibrante a que se viveu em Vila Franca de Xira no sábado passado!

Ti Domingos ajudou a montar o forcão - Capeia Arraiana

Ti Domingos ajudou a montar o forcão

Maria Rosa Afonso - Orelha - Capeia Arraiana

Dignidade humana

A palavra «Dignidade» está em todos os discursos, da ética ao direito, da sociologia à política, da religião à cultura, do pessoal ao social… Com frequência ouvimos dizer ou dizemos: «Isso não é digno do ser humano. Isso ofende a minha dignidade» – colocando, de algum modo, o sentido do que é dito tanto no plano da humanidade como no plano do indivíduo situado em contextos.

Dignidade Humana - Capeia Arraiana

Dignidade Humana

José Fernandes - Do Côa ao Noémi - © Capeia Arraiana

Crónicas do Gervásio – a dívida e o rating

Para o Gervásio, que nada entendia de economia, há muito que conhecia a dificuldade em obter dinheiro quando dele precisava e o não tinha. Há muito que conhecia os efeito de estar em boa/má conta perante quem podia emprestar. Afinal já naquela altura havia rating.

A dívida e o rating

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Gorgulho, Carrajola e Formigão

Três personagens da História de Portugal do século XX, não muito conhecidas mas foram protagonistas de episódios bem tristes, principalmente o Gorgulho e o Carrajola. O Formigão levou o nome de Portugal através do Mundo…

Mapa de Portugal... que não era um país pequeno - Capeia Arraiana

Mapa de Portugal… que não era um país pequeno

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

As barragens

Em pouco tempo de nascença, a gatinhar pelos campos da minha aldeia – Bismula (Sabugal) -, acompanhado pelos meus Pais, iniciei os primeiros contactos com barragens (armazenamento de águas), sem no entanto as saber localizar ou nomear.

Açude do rio Côa, na Rapoula

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Casteleiro – As ruas e os largos da terra

Em qualquer terra, as ruas e praças contam as estórias das gentes que as habitam e habitaram. As grandes ruas do Casteleiro são a Estrada e a Rua Direita. as há muitas mais e largos e até a Praça.

Aldeia do Casteleiro - Capeia Arraiana

Aldeia do Casteleiro

A boa e a má sina dos patos

Para além dos patos, poucas aves haverá que tenham experimentado de tão perto os acostumados vaivéns da fortuna, passando de animais míticos e sagrados a bons pitéus na panela e no forno.

Tudo mudou para os antes tão respeitados patos

António José Alçada - Orelha - Capeia Arraiana

Um mundo de ambiente

No passado dia 5 de junho celebrou-se o Dia Mundial do Ambiente. Atualmente é, felizmente, uma data marcante, pese embora alguma vulgarização do tema uma vez que, muitos de nós, ainda associa o «ambiente» às ruas limpas e aos jardins cuidados com passarinhos a chilrear.

O ciclo natural da água - António José Alçada - Capeia Arraiana

O ciclo natural da água

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (227)

Finalmente! A RTP já merecia. O programa «Diga, Doutor», da RTP1 faz um brilharete em matéria de audiências. Depois de muitos tiros ao ar… acertaram. Oxalá continuem.

Diga Doutor na SIC - Capeia Arraiana

«Diga Doutor» na RTP-1

Ramiro Matos - Sabugal Melhor - © Capeia Arraiana (orelha)

A capeia em Vila Franca de Xira!

A realização da Capeia Arraiana em Vila Franca de Xira vai ser um momento de afirmação do Concelho do Sabugal!

Capeia Arraiana em Vila Franca de Xira - Capeia Arraiana

Capeia Arraiana em Vila Franca de Xira

Maria Rosa Afonso - Orelha - Capeia Arraiana

Os direitos das crianças

As crianças, como qualquer ser humano, são titulares de direitos, desde logo, os consagrados na Declaração Universal dos Direitos Humanos (1948). Contudo, a sua vulnerabilidade e a sua necessidade de cuidados especiais fizeram com que a Organização das Nações Unidas aprovasse uma Convenção Internacional dos Direitos da Criança (1989).

Direitos das Crianças - Maria Rosa Afonso - Capeia Arraiana

Direitos das Crianças

Fernando Capelo - Terras do Jarmelo - © Capeia Arraiana

Sucesso oco

Nunca, como hoje, o sucesso foi tão intencionado apesar dos caminhos que o sugerem se terem tornado, cada vez mais, faltos de competência. A capacidade e a inteligência têm sido progressivamente desvirtuadas pela “finura” de tramas desleais e gananciosas.

A leitura entrou em absoluto desuso

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

A antítese

Salazar governou baseando-se na Constituição de 1933, que marcava os limites da autoridade do Estado, principalmente no que dizia respeito à ordem interna, à moral e ao direito, mas tudo isto resultou num texto que fez do Presidente do Governo (Salazar) o líder do Estado Novo, neste caso ditador, já que o governo desempenhava funções legislativas e executivas, a partir daqui, só se fazia o que ele queria.

António de Oliveira Salazar - Capeia Arraiana

António de Oliveira Salazar

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

As crianças

Conheci há tempos a Matilde, poderia chamar-lhe fada, tal é o condão mágico desta criança que nasceu no seio de uma Família de solidariedades, de fraternidades, de hospitalidades, de valores cristãos, sociais e humanos. Uma Família ligada ao Escutismo: pais, tios, filhos, primos e até os avós. Uma Família culta.

As nossas crianças são um tesouro sagrado

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Casteleiro – Unidades de medida antigas

Medir e pesar – questões hoje muito simples: ou é em litros ou é em quilos – e pronto… Mas nem sempre foi assim.

Medidas para líquidos - Capeia Arraiana

Medidas para líquidos

O mítico Geraldo Sem Pavor

No século XII, em pleno reinado de Afonso Henriques, primeiro rei de Portugal, tomou vulto uma personagem lendária chamada Geraldo Geraldes, que ficaria conhecida para a história como Geraldo Sem Pavor.

Geraldo Geraldes – um sanguinário às ordens de Afonso Henriques

António José Alçada - Orelha - Capeia Arraiana

Uma viagem no Tempo

No passado mês de dezembro estive no México, tendo assistido ao solstício de inverno, em pleno verão, com quase 40.ºC. Um dia que nunca esquecerei acima de tudo porque me encontrava no coração da Civilização Maya, mais concretamente no recinto das pirâmides do património da UNESCO, em «Chichén Itzá». Imaginei então que estaria no tempo em que os europeus aportaram aquelas terras mágicas. Mas, como tudo na vida, as rosas também têm espinhos.

Pirâmides de Chichén Itzá - Uma viagem no tempo - António José Alçada - Capeia Arraiana

Pirâmides de Chichén Itzá – Uma viagem no tempo

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (226)

Na paródia, costumo citar a brincadeira de há uns anos: «O futebol é que induca, e o fado é que instrói». Gosto muito de fado. Adoraria futebol – mas não me é possível no meio de tudo o que se está a passar… Fico-me então pelos outros programas. Veja aí em baixo do que falo…

Em Pombal, um directo da CMTV foi interrompido a pontapé - Capeia Arraiana

Em Pombal, um directo da CMTV foi interrompido a pontapé

Ramiro Matos - Sabugal Melhor - © Capeia Arraiana (orelha)

Ainda as propostas para o Interior

Nesta semana continuou-se a falar do Interior, um pouco por todo o lado… E, tenho de o confessar, no geral reforçou-se a minha desilusão quanto às propostas apresentadas e aos argumentos aduzidos.

Movimento pelo Interior - Capeia Arraiana

Movimento pelo Interior

Maria Rosa Afonso - Orelha - Capeia Arraiana

Resgatar a infância

No dia 1 de junho – Dia Mundial da Criança – haverá, por muitos lados, festas e comemorações. Mas, há milhões de crianças, longe de qualquer celebração, vivendo situações desumanas, em campos de refugiados ou em países devastados, com a economia e as instituições em rutura.

1 de Junho - Dia Mundial da Criança - Capeia Arraiana

1 de Junho – Dia Mundial da Criança

José Fernandes - Do Côa ao Noémi - © Capeia Arraiana

A dívida e o ratting

A imagem abaixo, publicada no expresso de 23 de Setembro do ano findo, pretende reproduzir a nova classificação que foi atribuída à dívida portuguesa por uma agência de ratting.

Dívida portuguesa sai do lixo

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

28 de Maio de 1926

Como o(a) leitor(a) já se apercebeu, esta foi a data do derrube da 1.ª República através de um Golpe de Estado militar. Esse Golpe de Estado tinha dentro dele várias tendências, uma era de feição liberal e democrática, a outra, a vencedora queria um regime ditatorial, antiliberal, antidemocrático e fascista – foi desta que surgiu Salazar. No campo oposto a estas duas tendências estavam antigos governantes do Partido Republicano Português – Partido Democrático- membros da Esquerda Republicana, o Movimento Operário e Sindical, Comunistas, Socialistas e Anarco-sindicalistas.

Oliveira Salazar com o General Carmona - Capeia Arraiana

Oliveira Salazar com o General Óscar Carmona

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

Histórias de médicos… invulgares

Tarde de fins de maio, com um ambiente natural calorento, nuvens como castelos a ameaçar pequenas trovoadas, o para-raios atento, vento ainda suave a invadir os nossos espaços físicos e psicológicos. Sentado a uma comprida mesa, cercado de livros de diversas temáticas, afastado das teclas do computador, olho a cúpula de uma capela, o campanário arquitectado e indicador de Serviço em Missão.

Um médico ouve uma história e acrescenta outra

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Casteleiro – Muita terra, pouca gente

Há cinco anos fiz um levantamento sobre área e população em terras do Concelho. Concluí que o Casteleiro é grande em área, mas que a população é pouca. E que está – ou melhor, estava – a diminuir mais do que na média do Concelho.

Torre sineira da Igreja Matriz do Casteleiro - Capeia Arraiana

Torre sineira da Igreja Matriz do Casteleiro

Viúva Monteiro & Irmão - Sabugal - © Capeia Arraiana

Heróis PME – Viúva Monteiro & Irmão, Lda.

A empresa sabugalense Viúva Monteiro & Irmão, Lda. esteve em destaque no programa da SIC, Heróis PME. A apresentação foi da responsabilidade da gestora e administradora Ana Luísa Monteiro. A empresa «Viúva» (como é carinhosamente conhecida) recebeu cinco estrelas nas categorias «Nível de Heroísmo», «Impacto Social» e «Capacidade Inspiradora». Parabéns para todos os que contribuem para o sucesso desta empresa (centenária) que faz parte da história do concelho do Sabugal desde 1920.

As variedades da pera portuguesa

O velho «Almanach do Lavrador», editado no ano 1866 e organizado pelo lente João Inácio Ferreira Lapa, regista uma lista de nada menos que 46 diferentes variedades de pera, então cultivadas nos campos de Portugal.

A pera portuguesa tem imensas variedades

António José Alçada - Orelha - Capeia Arraiana

Janela «Indiscreta»

Não se trata do famoso filme de Alfred Hitchcock imortalizado pela fotografia notável de Robert Burks e da personagem principal, também ele fotógrafo, mas com uma perna partida obrigando-o a ver a estória passar. Trata-se de sim de uma paisagem outrora mais verdejante e povoada. A crónica de hoje também «nasce» de uma fotografia. De terras onde se sentia a respiração de quem trabalhava no campo, da comida e bebida pura como a natureza as fez e do verde vivo desses campos cultivados.

Janela Indiscreta de Alfred Hitchcook - Capeia Arraiana

Filme «Janela Indiscreta» do realizador Alfred Hitchcook

Franklim Costa Braga - Capeia Arraiana

Novela na Raia – Prefácio

No Verão passado o Augusto Simão, que tem acompanhado os meus artigos aqui no Capeia Arraiana, apreciando-os, lançou-me um repto em Quadrazais: «Por que não escreves um romance sobre Quadrazais. Tu é que és a pessoa indicada para o fazer.» Não estando á espera dum repto desses, fiquei sem saber o que responder, senão um «Talvez!» sem convicção. A ideia ficou cá no fundo da memória, sem grande probabilidade de a trazer ao de cima.

Novela na Raia - Franklim Costa Braga - Capeia Arraiana

Novela na Raia, por Franklim Costa Braga

José Carlos Mendes - A Minha Aldeia - © Capeia Arraiana

Postal TV (225)

Soubemos que o futebol ganhou ao casamento real – mas pelas piores razões. Saiba isso e algo mais: leia…

Casamento Real de Meghan e do príncipe Harry - Capeia Arraiana

Casamento Real de Meghan e do príncipe Harry (Foto: D.R.)

Ramiro Matos - Sabugal Melhor - © Capeia Arraiana (orelha)

As propostas do Movimento pelo Interior

No fim-de-semana passado o Movimento Pelo Interior entregou ao Presidente da República e ao Primeiro Ministro as suas propostas.

Movimento pelo Interior foi recebido pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa - Capeia Arraiana

Movimento pelo Interior foi recebido pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa (Foto: D.R.)

Maria Rosa Afonso - Orelha - Capeia Arraiana

A não-violência

O ataque organizado do grupo de indivíduos, encapuzados, que entrou na academia do Sporting em Alcochete e agrediu jogadores, equipa técnica e pessoal do centro de treinos, quase, parece impossível de acontecer. Quem não segue os meandros do futebol e das claques, não esperaria uma coisa assim.

Ultras da Juventude Leonina atacaram jogadores e equipa técnica na Academia do Sporting em Alcochete - Capeia Arraiana

Ultras da Juventude Leonina atacaram jogadores e equipa técnica na Academia do Sporting em Alcochete

Fernando Capelo - Terras do Jarmelo - © Capeia Arraiana

Evidente “cocozada”

Começo por referir que não sou um fiel seguidor do Festival da Eurovisão. Em todo o caso, colhi, de forma meramente ocasional, da cruzada festivaleira recentemente finalizada, algumas canções. Elegi duas delas para poder comparar: a vencedora e a que ficou em último lugar.

Um có-có-có-có-có e palavras desgarradas, sem nexo e quase a puxar a gargalhada