Category Archives: Belmonte

Bombeiros - © Capeia Arraiana (orelha)

Crédito Agrícola apoia bombeiros da região

A Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Região do Fundão e Sabugal, C.R.L. entregou 14.000 garrafas de água às Corporações de Bombeiros da Região.

Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Fundão e Sabugal - Capeia Arraiana

Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Fundão e Sabugal – Capeia Arraiana

Obituário - © Capeia Arraiana

Faleceu o Padre António Souta

Faleceu hoje o Padre António Teixeira Almeida Souta, de 96 anos, antigo pároco do Sabugal, Aldeia de Santo António e Rapoula do Côa. Retirado das obrigações paroquiais desde 2007, residiu nos últimos anos na Cerdeira do Côa. O funeral realiza-se amanhã, dia 7, pelas 10 horas, em Belmonte, sua terra natal.

Padre António Souta

AMCB - Associação Municípios Cova Beira - Capeia Arraiana

Municípios da Cova da Beira recebem 3 milhões

A Associação de Municípios da Cova da Beira (AMCB) anunciou que vai desenvolver em cooperação com a província de Salamanca (Espanha) dois novos projectos transfronteiriços que implicam um investimento global superior a três milhões de euros. Os projectos foram aprovados no âmbito da iniciativa comunitária INTERREG e a sua execução pretende contribuir para o desenvolvimento dos territórios abrangidos nos dois países ibéricos.

AMCB - Associação Municípios Cova Beira - Capeia Arraiana

Página principal da AMCB que serve 14 munícipios

Hoje destacamos... - © Capeia Arraiana (orelha)

Rotas e Raízes promove Aldeias Históricas

A Rotas e Raízes, propõem-se promover em 2017 actividades nas Grandes Rotas, das Aldeias Históricas, Vale do Côa e do Zêzere. A Rotas e Raízes é uma Empresa de Animação Turística de jovens empreendedores sedeada na Quinta da Carrola, Casteleiro, concelho do Sabugal.

Grupo dinamizado pela Rotas e Raízes posa defronte ao Castelo do Sabugal

Grupo dinamizado pela Rotas e Raízes posa defronte ao Castelo do Sabugal

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

O capador de porcos

«Quando se capa, não se assobia», Adágio Popular.

A licença de um capador

A licença de um capador

Vila Belmonte - Capeia Arraiana

Fábrica de calçado em Belmonte

Vai abrir em Belmonte uma fábrica de calçado que garantirá 40 postos de trabalho, sendo o investimento de um milhão e 200 mil euros. Para já a unidade vai funcionar em instalações provisórias, na Quinta da Chandeirinha.

Serão criados 40 postos de trabalho

Serão criados 40 postos de trabalho

Hoje destacamos... - © Capeia Arraiana (orelha)

Ultramaratona passa no concelho do Sabugal

Realiza-se entre os dias 18 e 21 de Agosto a Ultramaratona PT281+, com 281 quilómetros de distância, tendo por palco a Beira Interior – no dia 18 de Agosto, a partir das 21 horas, os atletas cruzam o concelho do Sabugal.

Ultramaratona portuguesa PT281+,

Ultramaratona portuguesa PT281+,

Ciclismo - Capeia Arraiana

Jóni foi o herói… mas Veloso ganhou

Foi a mais dura etapa dos últimos anos da Volta a Portugal. “Ao nível do World Tour”, garantiu sem pestanejar Gustavo Veloso, o vencedor da 6ª etapa da 78ª Volta a Portugal em Bicicleta que ligou esta quarta-feira a vila de Belmonte à Guarda na distância de 173,7 quilómetros.

Gustavo Veloso chegou primeiro à Guarda

Gustavo Veloso chegou primeiro à Guarda

78 Volta Portugal Bicicleta 2016 - Capeia Arraiana

Etapa rainha da Volta 2016 entre Belmonte e Guarda

Está definida uma das mais importantes e decisivas etapas da 78.ª Volta a Portugal Santander Totta, que vai estar na estrada entre 27 de Julho e 7 de Agosto. Território de emocionantes discussões pelo título de «Rei da Volta» e «Rei dos Trepadores» a Serra da Estrela será o cenário privilegiado da 6.ª etapa que, partindo de Belmonte, a 3 de Agosto, vai levar o pelotão a passar duas vezes pelo topo do território continental antes de chegar à Guarda, após 175 quilómetros.

António Rocha ( Presidente da Câmara Municipal de Belmonte), Joaquim Gomes (Diretor 78ª Volta Portugal Santander Totta) e Álvaro Amaro (Presidente da Câmara Municipal de Guarda)

António Rocha ( Presidente da Câmara Municipal de Belmonte), Joaquim Gomes (Diretor 78ª Volta Portugal Santander Totta) e Álvaro Amaro (Presidente da Câmara Municipal de Guarda)

Adegas e Vinhos - Capeia Arraiana

Mais prémios e distinções para o Vinho 2.5

A sociedade «2.5-Vinhos de Belmonte» soma e segue no reconhecimento da qualidade e excelência dos vinhos produzidos nas suas vinhas com sucessivos prémios e galardões. A mais recente medalha de ouro foi atribuída ao Tinto de 2011 – »Rufete Vinhas Velhas» – no XI Concurso Internacional de Vinhos Prémios Arribe 2015 realizado em Trabanca, Espanha.

Vinhas Velhas - Vinho 2.5 - Capeia Arraiana

Medalha de Ouro «Rufete Vinhas Velhas – Vinho 2.5-Adega de Belmonte

IPG - Instituto Politécnico da Guarda - Capeia Arraiana

Geoparque Estrela candidata-se à UNESCO

A região da serra da Estrela quer ser classificada como Geopark, estando a candidatura à Unesco a ser preparada pelos nove municípios abrangidos pela Serra, contando com o apoio do Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e da Universidade da Beira Interior (UBI).

Autarcas reuniram no IPG

Autarcas reuniram no IPG

Vila Belmonte - Capeia Arraiana

Feira Medieval em Belmonte

Belmonte abre-lhe portas a mais uma edição da Feira Medieval nos dias 14, 15 e 16 de agosto. O centro histórico da Vila enche-se com muita animação, assegurada por vários grupos de música e dança, assista também aos desfiles de nobres, guerreiros e camponeses.

O cartaz da Feira Medieval

O cartaz da Feira Medieval

Vila Belmonte - Capeia Arraiana

Oficina de Cerveja Artesanal em Belmonte

No âmbito do «Festival do Caneco» vai ter lugar no sábado, 13 de Junho, em Belmonte, uma «Oficina de Cerveja Artesanal» pelo Mestre cervejeiro Gildo Fortes, produtor da cerveja Templária de Idanha-a-Nova.

Festa do Caneco - Belmonte - Capeia Arraiana

Uma Festa do Caneco – Belmonte

Abril - Efemérides 2015 - Capeia Arraiana

Efemérides 2015 – 17 de Abril

:: :: EFEMÉRIDES 2015 :: 17 DE ABRIL :: :: O Capeia Arraiana publica diariamente as efemérides mais relevantes de cada data… No dia 17 de Abril destacamos a inauguração do Museu Judaico de Belmonte, em 2005.

O Museu Judaico foi inaugurado há 10 anos

O Museu Judaico foi inaugurado há 10 anos

Hoje destacamos... - © Capeia Arraiana (orelha)

Prata para Branco 2012 da Adega 2.5

O vinho branco DOC Beira Interior 2012 da Adega 2.5 (Vinhos de Belmonte) foi distinguido com a Medalha de Prata no 7.º Concurso de Vinhos da Beira Interior organizado pelo NERGA-Núcleo Empresarial da Região da Guarda. Os vinhos premiados do ano 2014 foram conhecidos no passado dia 28 de Junho num jantar de gala no Picadeiro d’El Rey em Almeida. Aqui fica o destaque para a qualidade dos vinhos oficiais da Confraria do Bucho Raiano produzidos pelo empresário Manuel Gouveia de Sortelha.

Vinho Branco 2014 da Adega 2.5 - Capeia Arraiana

Vinho Branco 2014 da Adega 2.5

Hoje destacamos... - © Capeia Arraiana (orelha)

Quatro concelhos não aceitam perder escolas

Penamacor, Fundão, Covilhã e Belmonte não aceitam perder algumas das escolas e esperam autorização do ministério para continuar a funcionar – a notícia é do jornal «Correio da Manhã» e da revista «Sábado», que deram eco ao inconformismo dos autarcas e da população destes quatro concelhos do distrito de Castelo Branco.

O fecho de escolas gera protestos

O fecho de escolas gera protestos

Bombeiros - © Capeia Arraiana (orelha)

Incêndio destroi uma casa nas Caldeirinhas

Uma casa nas Caldeirinhas, pequena aldeia da freguesia de Sortelha, no concelho do Sabugal foi em parte destruída por um incêndio que terá sido originado por um curto-circuito.

PhotoDestaque - © Capeia Arraiana

PhotoDestaque – Tuk Tuk turísticos em Belmonte

:: TUK TUK TURÍSTICOS EM BELMONTE :: :: Há imagens históricas e há momentos que valem por mil palavras. Contudo todas as imagens merecem uma legenda. Envie-nos as suas fotografias que seleccionar para possível publicação para a caixa de correio electrónico: capeiaarraiana@gmail.com

PhotoDestaque - Tuk Tuk turísticos em Belmonte - Capeia Arraiana
Clique na imagem para ampliar
Vila Belmonte - Capeia Arraiana

Vinhos caseiros de Caria vencem em Belmonte

Três produtores vinícolas da freguesia de Caria foram os vencedores da 1.ª Prova de Vinhos Caseiros do Concelho de Belmonte. A iniciativa decorreu no domingo, 23 de Março, contou com 28 participantes e foi organizada pela empresa municipal e pela Câmara Municipal de Belmonte.

Prova de Vinhos Caseiros do Concelho de Belmonte - Capeia Arraiana

Prova de Vinhos Caseiros do Concelho de Belmonte

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

A inutilidade da CIM Beiras Serra da Estrela

A Comunidade Intermunicipal Beiras e Serra da Estrela, que agrega 15 Municípios, é, à semelhança das demais entidades do género, uma estrutura que serve para sorver dinheiros públicos e que nada traz de verdadeiramente positivo ao desenvolvimento do território.

A CIM pouco contribui para o desenvolvimento

A CIM pouco contribui para o desenvolvimento

Vila Belmonte - Capeia Arraiana

Belmonte em destaque na BTL 2014

As terras de Pedro Álvares Cabral estiveram em destaque na Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL), que decorreu entre os dias 12 e 16 de Março, com um espaço concebido e promovido pela Empresa Municipal e pela Câmara Municipal de Belmonte.

BTL 2014 - Stand da Câmara Municipal de Belmonte - Capeia Arraiana

BTL 2014 – Stand da Câmara Municipal de Belmonte

Imagem da Semana - © Capeia Arraiana

Imagem da Semana – 2.5 é vinho oficial no V Capítulo

«Imagem da Semana» do Capeia Arraiana. Há imagens históricas e há imagens que valem por mil palavras. Contudo todas as imagens merecem uma legenda. Envie-nos as suas fotografias que seleccionar para possível publicação para a caixa de correio electrónico: capeiaarraiana@gmail.com

Imagem da Semana - Vinho DoisPontoCinco - Adega de Belmonte - V Capítulo da Confraria do Bucho Raiano - Aldeia do Bispo - Sabugal
Clique na imagem para ampliar
Religião - © Capeia Arraiana (orelha)

Escola da Fé no Colégio Cristo Rei na Ruvina

O Centro de Espiritualidade Cristo Rei da Ruvina, no Sabugal, iniciou em 2014 a actividade «Escola da Fé» que decorre às quartas-feiras à noite sob a coordenação do padre Hélder Lopes. O primeiro encontro de 2014 contou com a presença do rabino Elisha Salas.

Colégio Cristo-Rei, Ruvina, Sabugal - Foto: Raul Sanches

Colégio Cristo-Rei, Ruvina, Sabugal (foto: Raul Sanches)

Casa do Castelo - Sabugal ©‎ Capeia Arraiana (orelha)

Embaixadora de Israel visita Casa do Castelo

A embaixadora de Israel, Tzipora Rimon, vai visitar a identidade do povo judeu em seis municípios da região da Serra da Estrela – Sabugal, Guarda, Belmonte, Manteigas, Trancoso e Covilhã – num programa organizado pela Rede de Judiarias de Portugal. No concelho do Sabugal irá conhecer o Aron Há Kodesh da Casa do Castelo e a Sinagoga de Vilar Maior.

Casa do Castelo - Aron há Kodesh - Sabugal - Capeia Arraiana

Aron Há Kodesh – Casa do Castelo – Sabugal

Aldeia Histórica Sortelha - Sabugal - Capeia Arraiana (orelha)

Sortelha em percurso turístico

Entre os dias 20 e 24 de Junho, Sortelha vai estar na rota turística de um grupo de 25 prescritores, provenientes de 11 países, que vai visitar as regiões do Douro e da Beira Interior. O objectivo é estimular a cooperação empresarial e investir na internacionalização com vista à afirmação turística destas regiões de Portugal.

Sortelha em rota turistica da Beira Interior

Sortelha em rota turistica da Beira Interior

Passeio típico a Belmonte e Sortelha

Belmonte e Sortelha vão receber a visita do Mototurismo do Centro, no próximo dia 2 de Junho, domingo.

Presença ilegal de Vítor Proença na Comurbeiras?

O chefe de gabinete da presidência da Câmara Municipal do Sabugal, Vítor Proença, representou por delegação de poderes o presidente do município, António Robalo, numa reunião do Conselho Executivo da Comunidade Intermunicipal das Beiras (Comurbeiras). O presidente da Comissão Política Concelhia do Sabugal, Nuno Teixeira, assinou uma declaração política onde considerou que a situação foi ilegal e causou embaraços aos restantes membros da Comurbeiras.

Reproduzimos, de seguida, a tomada de posição do presidente da Comissão Política Concelhia do Sabugal:

Partido Socialista - Sabugal«Declaração política da Concelhia do Partido Socialista do Sabugal

Votação ilegal do Chefe de Gabinete da Câmara Municipal do Sabugal obriga anulação de Votação.

Realizou-se ontem, dia 29 de Novembro, uma sessão ordinária da Assembleia Intermunicipal da Comurbeiras, Comunidade Intermunicipal (CIM) das Beiras.
Após ter sido entregue aos Deputados Intermunicipais, a minuta da ata número 06/2012, da reunião do Conselho Executivo desta mesma Comunidade, realizada no dia 20 do corrente mês, constatou-se que o Presidente da Câmara Municipal do Sabugal, não esteve presente, tendo delegado competências no seu Chefe de Gabinete que representou o nosso Município.
O excerto da ata que comprova esse fato: “Município de Sabugal, representado pelo Chefe de Gabinete do Presidente da Câmara, Victor Manuel Dias Proença, que apresentou declaração, que se anexa, subscrita pelo Senhor Presidente do Município do Sabugal, António dos Santos Robalo, pela qual lhe confere plenos poderes de voto.”
Uma vez mais, o Senhor Presidente da Câmara demonstrou falta de rigor e de alguns conhecimentos para desempenhar o cargo para o qual foi eleito, assim como o seu Chefe de Gabinete provou não estar à altura do cargo para o qual foi nomeado. Ocupando o Chefe de Gabinete um cargo de nomeação e não um cargo de eleição, esta votação é ilegal, mesmo que o Senhor Presidente da Câmara lhe tenha delegado por escrito poderes para tal.
A responsabilidade e a obrigação de responder legalmente e estatutariamente (conhecimento da lei e dos estatutos e regulamentos destes Organismos) seria o mínimo a esperar da prestação do Senhor Presidente da Câmara e restante equipa da Presidência.
Este episódio, levou à anulação de todas as votações no âmbito da “Reforma Administrativa do Território” realizadas nessa reunião e ao embaraço de todos os presentes. O Sabugal foi desta feita falado pelas piores razões e questionamo-nos se esta situação não terá já acontecido outras vezes.
Esta situação lamentável, colocou em causa a “nossa” credibilidade e seria expectável da parte do Senhor Presidente da Câmara Municipal do Sabugal, tomar as devidas medidas para minimizar/remediar/corrigir a situação perante os Deputados Intermunicipais, o Conselho Executivo da Comurbeiras CIM e todos os Sabugalenses.
O Presidente da Comissão Política Concelhia do Sabugal
Nuno Alexandre Sanches Teixeira»

:: ::
O Capeia Arraiana aproveita:
…para publicar os nomes dos membros da Assembleia Intermunicipal.
Aqui.

…e para reproduzir o n.º 1, do artigo 19.º (natureza e composição) dos estatutos da Comurbeiras: «1 — O Conselho Executivo é o órgão de direcção da Comunidade Intermunicipal e é constituído pelos Presidentes das Câmaras Municipais de cada um dos municípios integrantes, os quais elegem, de entre si, um Presidente e dois Vice-Presidentes.»
jcl

Concelhos da região vão perder freguesias

A reforma administrativa do território poderá conduzir a uma substancial perda de freguesias nos distritos da Guarda e de Castelo Branco por força das agregações propostas pela Unidade Técnica para a Reorganização Administrativa do Território (UTRAT). Apenas Manteigas mantém intacta a sua estrutura administrativa do território.

Penamacor pode perder três freguesias
A proposta formulada pela UTRAT aponta para agregações de freguesias no concelho de Penamacor, passando o mesmo para nove freguesias, menos três do que as que possui actualmente.
Pedrogão de São Pedro junta-se à Bemposta, passando a formar uma única freguesia.
A outra união prevista é a que reúne as freguesias de Aldeia do Bispo, Águas e Aldeia de João Pires, que passam a ser uma só.
A proposta mexe na única freguesias com menos de 150 habitantes, a Bemposta, que a UTRAT agrega a outra freguesia. Mas a proposta vai mais longe e, cumprindo os critérios legalmente definidos, aponta-se para a redução de três freguesias.
A Assembleia Municipal de Penamacor pronunciou-se contra a reorganização administrativa do território do concelho, não propondo a agregação de qualquer freguesia.

Manteigas não vai perder freguesias
O concelho mais pequeno do distrito da Guarda, mantém as quatro freguesias que o compõem, ainda que duas delas se situem na própria malha urbana da sede do Município.
Nenhuma das freguesias do concelho de Manteigas tem menos de 150 habitantes, além de que a lei da reorganização administrativa não obriga à redução de freguesias em municípios que têm quatro ou menos freguesias.
Face a estes factos a UTRAT entendeu não promover qualquer agregação, tanto mais que o próprio Município não expressou essa vontade.
A Assembleia Municipal de Manteigas pronunciou-se através da aprovação de uma moção em que lamentou a lei de reforma administrativa pelo facto da mesma não promover a transferência de freguesias entre municípios.
Assim sendo, em Manteigas vão manter-se inalteradas as freguesias de Santa Maria, São Pedro, Sameiro e Vale da Amoreira.

Almeida pode perder 13 freguesias
A proposta formulada pela UTRAT aponta para agregações de freguesias no concelho de Almeida que implicarão que passe a ter apenas 16 freguesias, menos 13 do que as que possui actualmente.
Azinhal junta-se a Peva e a Valverde.
Junça e Naves passam a formar uma só freguesia.
Leomil, Mido, Senouras e Aldeia Nova também se agregam numa só.
Castelo Mendo, Ade, Monte Perobolso e Mesquitela serão igualmente agregadas.
Amoreira, Parada e Cabreira é outra das agregações em Almeida.
Miuzela e Porto de Ovelha também passam a uma só freguesia.
Malpartida e Vale de Coelha também se unem.
A proposta da UTRAT mexe em todas as 16 freguesias do concelho de Almeida com menos de 150 habitantes, provocando uma redução de 13 freguesias, número muito maior do que aquele que a lei obrigaria, pois aplicando os critérios legais este município apenas teria de perder, no máximo, sete freguesias.
Porém o facto de a mesma lei impor que em nenhum município poderão restar freguesias com menos de 150 habitantes determinou a proposta que a UTRAD aponte para um maior número de agregações.

Concelho da Guarda pode perder 12 freguesias
A proposta formulada pela UTRAT vai de encontro ao parecer emitido pela Assembleia Municipal da Guarda, o que implicará que o concelho passe a ter apenas 43 freguesias, menos 12 do que as que possui actualmente.
As três freguesias localizadas no perímetro urbano da cidade da Guarda (Sé, São Vicente e São Miguel) ficam a constituir uma só freguesia.
Adão e Carvalhal Meão também se unem.
Gonçalo e Seixo Amarelo seguem o mesmo caminho.
São Miguel do Jarmelo e Ribeira dos Carinhos passam a uma só freguesia.
São Pedro do Jarmelo e Gagos irmanam-se igualmente.
Avelãs de Ambom e Rocamondo também ficarão agregadas.
Corujeira e Trinta passam a uma só freguesia.
Misarela, Pero Soares e Vila Soeiro também se juntam.
Pousade e Albardo reúnem o seu território.
Rochoso e Monte Margarido agregam-se também.
O caso da Guarda é um dos poucos na região em que a proposta da UTRAD vai inteiramente de encontro à pronúncia que a Assembleia Municipal fizera acerca do processo.

Belmonte pode perder uma freguesia
O concelho de Belmonte perde uma só freguesia, de acordo com a proposta formulada pela UTRAT, o que fará com que o concelho passe a ter quatro freguesias.
A própria cabeça do Município junta-se ao Colmeal da Torre, passando a formar uma só freguesia, o que melhora a dimensão demográfica de Belmonte enquanto sede.
As freguesias de Maçainhas, Inguias e Caria permanecem inalteradas.
A Assembleia Municipal de Belmonte não se pronunciou, limitando-se a fazer chegar à Assembleia da Republica as posições tomadas pelo Município e pelas assembleias de freguesia, que se mostraram contrárias a qualquer redução do número de freguesias no concelho.
plb

Acidente na A23 vitimou dois militares da GNR

Dois militares do Destacamento de Trânsito da Guarda, de 32 e 33 anos, faleceram ontem, dia 9 de Outubro, depois de atropelados por uma viatura, pelas 21h30, na A23 ao quilómetro 194, no sentido norte/sul – zona de Belmonte.

Segundo um comunicado divulgado pelo comando da GNR da Guarda, os militares sinistrados encontravam-se na berma da estrada, com uma viatura de serviço devidamente sinalizada, a regularizar o trânsito e a suprimir uma das vias, em virtude de um incêndio florestal que deflagrava junto àquele eixo rodoviário.
A viatura que os vitimou embateu na traseira da viatura da GNR, provocando a morte de dois militares e ferimentos graves num terceiro, de 30 anos, que foi evacuado para o Hospital Distrital da Covilhã e depois transferido para os Hospitais da Universidade de Coimbra.
O condutor da viatura que provocou o acidente, de 34 anos, também sofreu ferimentos graves, encontrando-se igualmente no Hospital de Coimbra.
As famílias dos militares falecidos estão a receber apoio psicológico promovido pela GNR.
Na missiva à comunicação social, assinada pelo Tenente Coronel Cunha Rasteiro, a GNR refere lamentar «de forma sentida» a perda dos dois militares.
plb

GNR da Guarda fez 17 detenções em operação

O Comando Territorial da Guarda da GNR efectuou uma vasta operação de prevenção criminal em todo o distrito, de onde resultaram 17 detenções, na sua maior parte por condução sob o efeito do álcool, mas também houve detenções por furto e por posse ilegal de armas.

Guarda Nacional RepublicanaUma das detenções teve lugar no Sabugal, sendo efectuada por elementos do Núcleo de Investigação Criminal da Guarda, que detiveram um indivíduo de 45 anos de idade, residente na cidade raiana, pelo crime de posse ilegal de armas, pois tinha na sua posse um aerossol de defesa, com gás pimenta, arma proibida por lei. Presente ao Tribunal Judicial do Sabugal foi-lhe aplicada a medida de coação de Termo de Identidade e Residência, ficando a aguardar o resultado do Inquérito.
A operação especial de prevenção criminal aconteceu no passado fim-de-semana, nos dias 31 de Março e 1 de Abril, e incidiu especialmente na fiscalização rodoviária e no patrulhamento de pontos sensíveis, bem como na abordagem de suspeitos da prática de crimes.
No que respeita à fiscalização rodoviária, foram detidos 11 condutores. Destes, oito foram detidos por apresentarem taxas de álcool no sangue superior a 1,20 gramas por litro, dois por falta de habilitação legal para o exercício da condução e ainda um por ameaças e injúrias a militar da GNR.
No tocante ao patrulhamento e abordagem de suspeitos, foram detidos na localidade de Pínzio, em flagrante delito, dois indivíduos, com 24 e 46 anos de idade, residentes em Belmonte, quando furtavam metais não preciosos num armazém.
Também em Pínzio, foram detidos outros dois indivíduos, com 20 e 47 anos de idade, residentes em Sátão e Viseu, respectivamente, pelo crime de furto de arte sacra. Os mesmos já tinham furtado uma imagem de uma «santa» de um nicho na localidade de Freixo, concelho de Almeida.
Em Vila Chã, concelho de Seia, a GNR deteve um jovem, de 22 anos, desempregado, por crime de furto. O suspeito, foi surpreendido pelos militares quando furtava peças de um veículo que se encontrava parqueado junto de uma residência.
Durante a Operação foram ainda apreendidas substâncias estupefacientes: 54,46 gramas de haxixe e 12,07 gramas de cannabis sativa.
plb

Ruta de los Castillos – Belmonte

Teresa Duarte Reis - O Cheiro das Palavras - Capeia ArraianaBelmonte, castelo que conheço desde jovem, Senti sempre, aquele respeito devido, pela paz que me inspirava, pela altivez que mostrava, mesmo quando o visitava com os alunos. Também o vi melhorar e revalorizar com um anfiteatro que o tornou palco de atuações e festas. Sinto sempre ali o espírito dos «Cabral», a força das memórias Sefarditas – agora com Museu Judaico e Sinagoga – a magnitude das muralhas, atualmente enriquecidas e vivas com as Feiras que nos transportam aos tempos medievais, onde ele se impunha alerta, como guarda das gentes e dos povos beirões.Centum Cellas parece continuar essa vigia, quer tenha sido ela prisão, albergaria ou residência. A sua imponência gera também o respeito que devemos a estes guardiões de pedra que distinguem fortemente épocas longínquas, mas de qualquer forma marcantes na vida dos povos.

Belmonte

BELMONTE

Ó Belmonte, agora és tu
Que eu canto em simples voz
O teu coração é serrano
Tua raiz medieval
Viveste com as descobertas
Dos navegadores de Portugal.

Existias com a estrada Romana
Entre Bracara e Emerita Augustas
Fala-se de Afonso Henriques
E em Centum Cellas sua história
Em 1199 o rei D. Sancho
Deixou no foral sua memória.

Pertenceste à Sé da Guarda
Pela doação dum Papa Alexandre
Com os devidos direitos episcopais
Castelo e torre com Dinis construídos
Como em XII ou XII se confirma
O castelo e torre de menagem erguidos.

Alcanizes também viveste
Como tantos teus congéneres
Alargando fronteiras oeste
Mas perdeste com o tratado
O povo extramuros, segundo lemos
Ter-se-ia então alargado.

Na crise da independência
Perdeste parte das muralhas
E por D. João primeiro
Foste depois confiscado
Aberta a Porta da Traição
Quando a Luís A. Cabral doado.

Doado depois por Afonso V
A um Cabral de nome Fernão,
Pai do conhecido Pedro Álvares
Foste Residência Senhorial
E nunca mais deixaste de ser
Da família dos Cabral.

Com baluartes modernizado
Um incêndio te danificou
E ainda em XVIII arruinado
E em XX eras prisão
Mais tarde Monumento Nacional
O IPPAR abriu-te aos espetáculos
Mas não esqueceram os Cabral.

Teu traçado ovalado
De forte pedra granítica
Com vários estilos marcado
E com as armas de Cabral
Não desmereces, ó Belmonte,
Por tudo (o que viveste), castelo de Portugal.

O meu abraço a Belmonte

«O Cheiro das Palavras», poesia de Teresa Duarte Reis
netitas19@gmail.com

Belmonte é destino turístico de excelência

A Câmara Municipal de Belmonte emitiu um comunicado afirmando que aquela vila da Beira Baixa ambiciona tornar-se num destino turístico de excelência, sendo que os dados referentes ao número de pessoas que visitaram Belmonte em 2011 reforça a ideia de que esse objectivo se está a cumprir.

«Além dos prémios e das distinções na imprensa nacional e internacional, Belmonte reforçou em 2011 a sua ambição de se tornar um destino turístico de excelência», diz-se no comunicado de imprensa agora divulgado.
O Município informa que os Museus de Belmonte registaram 78.649 visitantes, um aumento de dois por cento em relação ao ano de 2010.
O Museu Judaico e o Ecomuseu, foram os que registaram o aumento mais significativo nas entradas, com 9 e 7 por cento, respectivamente. O Museu à Descoberta do Novo Mundo foi o mais visitado com 18.224 visitantes, sendo que é o turista nacional que mais o procura (14.966 entradas), seguido do brasileiro (com 803 entradas).
O turista brasileiro tem também predilecção pelos Caminhos de Santiago e o pelo Apóstolo, pelo que constituem o público principal do Centro de Interpretação da Igreja de S. Tiago (701 entradas).
O turista espanhol aparece um segundo lugar das nacionalidades que visitam a Vila (1.895 pessoas), sendo o Centro de Interpretação da Igreja de S. Tiago (533 entradas) e o Museu Judaico (501 entradas) os locais que mais visitam.
Em relação ao Museu Judaico, posteriormente ao turista nacional, foram os israelitas (1.579 entradas) e os americanos (537 entradas) o público principal em 2011.
Em relação às vendas de merchandising, o saldo foi também positivo, verificando-se um aumento em relação a 2010.
O aumento do número de turistas que visitaram Belmonte e os seus museus dão ânimo aos autarcas da vila onde nasceu Pedro Álvares Cabral, a prosseguirem a aposta no turismo. «São dados que nos orgulham e nos motivam a trabalhar mais e melhor. Apesar de todas as condicionantes previstas para 2012, esperamos que Belmonte e os seus Museus continuem a contribuir para que neste novo ano, Belmonte, se assuma como destino de referência no turismo nacional e internacional.»
plb

Aldeias históricas valorizam património judaico

A associação que reúne as aldeias históricas de Portugal quer valorizar o património judaico que essas aldeias possuem, como estratégia de promoção e afirmação.

A «Aldeias Históricas de Portugal – Associação de Desenvolvimento Turístico» afirma querer dar uma maior atractividade à Marca «Aldeias Históricas», razão pela qual decidiu apresentar uma candidatura aos programas Mais Centro e PROVERE (Programa de Valorização Económica de Recursos Endógenos). Trata-se de afirmar uma Estratégia de Valorização Económica de Base Territorial, aproveitando o potencial contido no importante Património Judaico que possuem as aldeias históricas.
A liderança da chamada «Estratégia de Eficiência Colectiva» pertencerá ao Município de Belmonte, tendo em conta a importância que ali assume o património judaico. A implementação do programa caberá aos Municípios que contêm na sua jurisdição aldeias históricas, a saber: Almeida, Arganil, Belmonte, Celorico da Beira, Fundão, Figueira de Castelo Rodrigo, Idanha-a-Nova, Manteigas, Mêda, Penamacor, Sabugal e Trancoso.
No caso do Sabugal trata-se de valorizar a aldeia histórica de Sortelha tendo em conta o eventual patrónimo judaico que a mesma possua.
Será implementado um Programa Acção que integra um conjunto de projectos voltados para a valorização do turismo, património, cultura e produtos tradicionais.
A Associação vai desenvolver três projectos fundamentais: «Estrutura de Gestão e Coordenação», «Animação Turística» e «Marketing e Comunicação».
A implementação dos três projectos representa um investimento superior a seis milhões de euros, que poderá ser comparticipado em 70% pelo FEDER, sendo os restantes 30% assumidos pelos Municípios envolvidos.
plb

Distrito da Guarda perde 212 freguesias

O Documento Verde da Reforma da Administração Local, apresentado pelo primeiro-ministro Pedro Passos Coelho, estabelece critérios para a redução de juntas de freguesias que, aplicadas ao distrito da Guarda fazem com que desapareçam 212 freguesias, num total de 336. No concelho do Sabugal desaparecerão 20 freguesias.

O documento, que tem por epígrafe «Uma Reforma de Gestão, uma Reforma de Território e uma Reforma Política», define uma metodologia baseada em critérios orientadores (demográficos e geográficos) que deverão presidir à nova organização autárquica.
Da aplicabilidade desses critérios orientadores elaborou-se um mapa que aponta para a agregação ou fusão de muitas freguesias, que, no caso do distrito da Guarda, se eleva a 212.
Vejamos as freguesias que vão desaparecer em cada concelho se a reforma autárquica avançar nos exactos termos em que está definida no Documento Verde.
Sabugal (desaparecem 20 freguesias, num total de 40): Águas Belas, Aldeia da Ribeira, Badamalos, Baraçal, Forcalhos, Lomba, Moita, Nave, Penalobo, Pousafoles do Bispo, Rapoula do Côa, Rendo, Ruivós, Ruvina, Seixo do Côa, Vale das Éguas, Valongo, Vila Boa, Vila do Touro. Vilar Maior.
Aguiar da Beira (sete freguesias, num total de 13): Eirado, Forninhos, Gradiz, Pinheiro, Sequeiros, Souto de Aguiar da Beira, Valverde.
Almeida (23 freguesias, num total de 29): Ade, Aldeia Nova, Azinhal, Cabreira, Castelo Bom, Castelo Mendo, Freixo, Junca, Leomil, Malpartida, Mesquitela, Mido, Monte Perobolço, Naves, Parada, Peva, Porto de Ovelha, São Pedro de Rio Seco, Senouras, Vale de Coelha, Vale da Mula, Vale Verde, Vilar Formoso.
Celorico da Beira (15 freguesias, num total de 22): Baraçal, Cadafaz, Carrapichana, Cortiçô da Serra, Lajeosa do Mondego, Linhares, Maçal do Chão, Mesquitela, Minhocal, Prados, Rapa, Salgueirais, Velosa, Vide Entre Vinhas, Vila Boa do Mondego.
Figueira de Castelo Rodrigo (12 freguesias, num total de 17): Algodres, Almofala, Cinco Vilas, Colmeal, Escarigo, Freixeda do Torrão, Penha de Águia, Quintã de Pêro Martins, Vale de Afonsinho, Vermiosa, Vilar de Amargo, Vilar Torpim.
Fornos de Algodres (11 freguesias, num total de 16): Cortiço, Fuinhas, Juncais, Maceira, Matança, Muxagata, Queiriz, Sobral Pichorro, Vila Chã, Vila Ruiva, Vila Soeiro do Chão.
Gouveia (cinco freguesias, num total de 22): Figueiró da Serra, Freixo da Serra, Mangualde da Serra, Vila Cortês da Serra, Vila Franca da Serra.
Guarda (39 freguesias, num total de 55): Adão, Albardo, Aldeia do Bispo, Aldeia Viçosa, Alvendre, Avelãs de Ambom, Avelãs da Ribeira, Benespera, Carvalhal Meão, Cavadoude, Codesseiro, Corujeira, Faia, Fernão Joanes, Gagos, Gonçalbocas, João Antão, Meios, Mizarela, Monte Margarida, Pêro Soares, Porto da Carne, Pousade, Ramela, Ribeira dos Carinhos, Rocamondo, Santana da Azinha, Jarmelo (São Miguel), Jarmelo (São Pedro), Seixo Amarelo, Sobral da Serra, Trinta, Vale de Estrela, Vela, Videmonte, Vila Cortês do Mondego, Vila Franca do Deão, Vila Garcia, Vila Soeiro.
Manteigas (uma freguesia, num total de quatro): Vale da Amoreira.
Mêda (13 freguesias, num total de 16): Aveloso, Barreira, Carvalhal, Casteição, Coriscada, Fonte Longa, Longroiva, Marialva, Pai Penela, Prova, Rabaçal, Ranhados, Vale Flor.
Pinhel (20 freguesias, num total de 27): Atalaia, Azevo, Bogalhal, Bouça Cova, Cerejo, Cidadelhe, Ervas Tenras, Ervedosa, Lamegal, Lameiras, Manigoto, Pereiro, Pomares, Póvoa D’ El-Rei, Safurdão, Santa Eufémia, Sorval, Valbom, Vale de Madeira, Vascoveiro.
Seia (10 freguesias, num total de 29): Cabeça, Carragozela, Folhadosa, Lajes, Santa Eulália, Santa Marinha, São Martinho, Sazes da Beira, Várzea de Meruge, Lapa dos Dinheiros.
Trancoso (26 freguesias, num total de 29): Aldeia Nova, Carnicães, Castanheira, Cogula, Cótimos, Feital, Fiães, Freches, Granja, Guilheiro, Moimentinha, Moreira de Rei, Palhais, Póvoa do Concelho, Reboleiro, Rio de Mel, Sebadelhe da Serra, Tamanhos, Terrenho, Torre do Terrenho, Torres, Valdujo, Vale do Seixo, Vila Franca das Naves, Vila Garcia, Vilares.
Vila Nova de Foz Côa (10 freguesias, num total de 17): Castelo Melhor, Chãs, Horta, Mós, Murça, Numão, Santa Comba, Santo Amaro, Sebadelhe, Touca.

A situação é muito diferente em Castelo Branco, onde a redução das freguesias levará apenas à agregação ou fusão de 39 em todo o distrito – as mesmas que desaparecem apenas no concelho da Guarda. Belmonte perde apenas uma freguesia – Colmeal da Torre – enquanto que Penamacor perde cinco – Águas, Aldeia de João Pires, Bemposta, Meimão e Vale da Senhora da Póvoa.
plb

Dez municípios vão aderir à rede de judiarias

Dez novos municípios, entre os quais o do Sabugal, estão interessados em aderir à Rede de Judiarias de Portugal, que foi criada em Março deste ano, com o objectivo de defender o património judaico urbanístico e arquitectónico.

A novidade veio de Jorge Patrão, presidente da Entidade de Turismo da Serra da Estrela e secretário-geral da Rede de Judiarias de Portugal, em declarações à Lusa no decurso do II Festival Internacional da Memória Sefardita, que está a decorrer.
«Estamos actualmente em negociações com dez novos municípios, entre os quais Angra do Heroísmo, Évora e Alenquer», disse Jorge Patrão. O Sabugal está também entre esses municípios, uma vez que a pretensão de aderir foi já aprovada em Assembleia Municipal.
A Rede de Judiarias de Portugal foi constituída em Março deste ano e integra os municípios de Guarda, Trancoso, Belmonte, Castelo de Vide, Freixo de Espada à Cinta, Lamego e Penamacor, assim como as entidades regionais de Turismo da Serra da Estrela, Douro, Lisboa e Vale do Tejo, Oeste, Alentejo e Algarve e ainda a Comunidade Judaica de Belmonte.
No decurso do Festival o presidente da Câmara da Guarda, Joaquim Valente, considerou que o legado da presença judaica é um recurso estratégico para o futuro. «A história, a cultura, o património e o conhecimento, constituem a matéria prima que temos que saber transformar em dinamismo e desenvolvimento», declarou.
O Festival da Memória Sefardita é organizado pela Entidade de Turismo Serra da Estrela e Câmaras Municipais de Trancoso e Belmonte.
plb

II Festival Internacional da Memória Sefardita

O Turismo da Serra da Estrela divulgou o programa actualizado do II Festival Internacional da Memória Sefardita, que se realiza de 18 a 21 de Setembro, na Guarda, Trancoso e Belmonte.

Jorge Martins no 1º. Festival Sefardita

Nesta edição de 2011 serão tratados dois temas de fundo, ligados ao judaísmo e a momentos decisivos da História da Humanidade: «Os Justos Portugueses da II Guerra Mundial» e «A Obra do Resgate do Capitão Barros Basto»
O programa completo actualizado é o seguinte:

Dia 18, domingo
BELMONTE
15h00 – Mercado de produtos Kosher em Belmonte, com a presença do secretário de Estado da Cultura, Francisco José Viegas
21h00 – Concerto de Mor Karbasi – Teatro Municipal Guarda (TMG)

Dia 19, segunda-feira
GUARDA
09h30 – Sessão de Abertura no TMG, pelo secretário de Estado da Cultura, Francisco José Viegas
10h00 – Apresentação da Rede Nacional de Judiarias:
Turismo Serra da Estrela, Câmara M. Trancoso, Câmara M. Castelo de Vide, Câmara M. Torres Vedras, Câmara M. Guarda
11h00 – Coffee Break
11h30 – Continuação dos trabalhos
13h00 – Almoço
15h00 – Os Justos Portugueses da II Guerra Mundial: A Ação de Carlos Sampayo Garrido e Alberto Branquinho na Hungria
Oradores:
Salvador S. Reis (neto Embaixador Sampayo Garrido), Marina Pignatelli (Profª. Universidade Técnica de Lisboa), Pedro Cordeiro (jornalista do Expresso), Sofia Leite (jornalista da RTP), Lumena Raposo (jornalista do DN).
16h00 – Coffee Break
16h30 – Continuação de trabalhos
21h30 – Exibição do filme «O Cônsul de Bordéus» no Teatro Municipal da Guarda

Dia 20, terça-feira
TRANCOSO
09h30 – Inauguração da exposição do espólio do Capitão Barros Basto no Convento dos Frades.
10h00 – «A Obra do Resgate do Capitão Barros Basto» – Convento dos Frades.
Oradores:
Isabel Lopes (neta do Capitão Barros Basto), Jorge Martins (historiador), Elvira Mea (Prof. Faculdade de Letras Porto e autora livro sobre obra do Capitão), Miriam Assor (jornalista), Ferrão Filipe (presidente da Comunidade Israelita do Porto), Francisco Almeida Garrett (advogado), Marinho Pinto (bastonário da ordem dos advogados), Elisah Salas (rabino da comunidade judaica Belmonte).
11h00 – Coffee Break
11h30 – A Obra do Resgate do Capitão Barros Basto – a questão jurídica.
Oradores:
Francisco Almeida Garret (advogado), Marinho Pinto (Bastonário da Ordem dos Advogados).
12h30 – Almoço
15h00 – Continuação dos trabalhos

Dia 21, quarta-feira
10h00 – Visitas temáticas
Encerramento do Festival
plb (com Turismo Serra da Estrela)

Mercado de produtos Kosher em Belmonte

No âmbito do Festival Internacional da Memória Sefardita, o município de Belmonte decidiu realizar um Mercado de Produtos Kosher no dia 18 de Setembro, a partir das 15 horas, na Rua Fonte da Rosa.

Na vila de Belmonte existe a última comunidade peninsular de origem Cripto-Judaica que sobreviveu até aos nossos dias.
O certame organizado pela Câmara Municipal de Belmonte pretende promover e dinamizar os produtos Kosher (que seguem os preceitos judaicos), com origem na região e dar a conhecer a gastronomia e o artesanato.
O mercado conta com o contributo da Comunidade Judaica de Belmonte e do seu Rabino.
Cada vez mais empresas da região, sobretudo na área alimentar, seguem a aposta de produzir de acordo com as regras judaicas. Para além do interesse do mercado internacional, os novos produtos motivam interesse e curiosidade a nível nacional.
O Festival Internacional da Memória Sefardita realiza-se de 18 a 21 de Setembro de 2011.
plb (com Turismo Serra da Estrela)

GNR apreende plantas de Cannabis em Gonçalo

O Núcleo de Investigação Criminal da Guarda apreendeu, no final da tarde de ontem, dia 25 de Julho, 30 plantas de Cannabis Sativa na localidade de Gonçalo, concelho da Guarda.

Segundo um comunicado do Comando Territorial da Guarda da GNR, as 30 plantas de Cannabis Sativa, com alturas compreendidas entre 0,40 e 2,10 metros, encontravam-se num terreno próximo da localidade de Gonçalo, concelho da Guarda, onde foram cultivadas.
A investigação, que já decorria há algum tempo, permitiu a detenção, em flagrante delito, de um indivíduo de 31 anos de idade, com a profissão de jardineiro, residente naquela localidade, como suspeito de ter cultivado as plantas.
O suspeito detido, já com antecedentes criminais, foi presente ao Tribunal Judicial da Guarda, cujo juiz lhe aplicou a medida de coação de Termo de Identidade e Residência, situação em que aguardará pelo decorrer do processo criminal, que se manterá a cargo da GNR.
O Comando Territorial da Guada da GNR tem dado nota de sucessivas apreensões de plantas de Cannabis Sativa que são cultivadas em quintais particulares de diversas localidades da região.
plb

Segundo Festival da Memória Sefardista

Guarda, Trancoso e Belmonte acolhem novamente este ano, de 18 a 21 de Setembro, o Festival Internacional da Memória Sefardita, será a segunda edição de um evento organizado pelo Turismo da Serra da Estrela (TSE).

Nesta edição de 2011 serão tratados três temas de fundo, ligados ao judaísmo e a momentos decisivos da História da Humanidade:
– Os Justos Portugueses da II Guerra Mundial
– A Acção de Carlos Sampayo Garrido e Alberto Branquinho na Hungria
– A Obra do Resgate do Capitão Barros Bastos
O programa completo já está definido:
Dia 18 de Setembro, Domingo
21:00 – Concerto de Mor Karbasi – Teatro Municipal da Guarda
Dia 19 de Setembro, Segunda-Feira
09:30 – Sessão de Abertura – Teatro Municipal da Guarda
10:00 – Apresentação da Rede Nacional de Judiarias
14:30 – Os Justos Portugueses da II Guerra Mundial: a Acção de Carlos Sampayo Garrido e Alberto Branquinho na Hungria
17:00 – Apresentação do novo filme de Aristides Sousa Mendes
Dia 20 de Setembro, Terça-Feira
9:30 – A Obra do Resgate do Capitão Barros Bastos – Trancoso
12:00 – Actuação Musical
14:00 – Feira Medieval Judaica
Dia 21 de Setembro, Quarta-Feira
Visita a Belmonte
Recepção da Comunidade Judaica de Belmonte na Sinagoga
Visita turística à Serra da Estrela/Vale Glaciar do Zêzere/Covão de Ametade/ Manteigas
plb (com TSE)

Rede de Judiarias com portal na Internet

A Rede de Judiarias de Portugal, lançou o seu website na Internet, pelo qual passa a ser possível conhecer o património judaico e as actividades que cada município oferece no âmbito do judaísmo.

Disponível em português e inglês, o site irá estar disponível no futuro também em hebraico.
O portal permite ao interessado ficar a conhecer o património histórico judaico que existe nas diferentes localidades que integram a rede de judiarias. Também lhe permite ler artigos sobre a temática que saiu na imprensa, conhecer os eventos que se realizaram ou que estão previstos, bem como tomar nota nas principais publicações sobre a cultura judaica.
O sítio tem ainda informações acerca da rede das judiarias, e uma secção especial dedicada á comunidade judaica de Belmonte, a mais activa do país, e a única comunidade peninsular herdeira legítima da antiga presença histórica dos judeus sefarditas.
A Rede de Judiarias de Portugal, composta pelos Municípios de Freixo de Espada à Cinta, Lamego, Trancoso, Guarda, Belmonte, Penamacor, Castelo de Vide, Tomar e Torres Vedras, foi criada em Abril de 2011 com o objectivo de não só motivar a reabilitação de centros históricos mas também de promover um grande recurso histórico de turismo cultural.
Pretendendo promover o património judaico português, a rede é ainda constituída pelas entidades de turismo do Algarve, Alentejo, Oeste, Lisboa e Vale do Tejo, Serra da Estrela, Douro e a Comunidade Judaica de Belmonte.
«A organização de uma associação que tem o fim de operar, acompanhar e concentrar acções de valorização e promoção em todo o país só pode ajudar a dignificar a história de Portugal e o seu património», pode ler-se nos conteúdos do portal.
ainda segundo a informação disponibilizada, existe muita investigação por fazer, sinalética por colocar, núcleos patrimoniais por realizar, promoção turística para efectivar, sendo essa uma das missões da rede.
Os associados podem ser municípios, entidades regionais de turismo e comunidades judaicas.
O novo portal pode ser consultado aqui.
plb