Category Archives: Casa Concelho Sabugal

Sabugal - © Capeia Arraiana (orelha)

Um congresso de sucesso

:: :: CONGRESSO DO FORAL DO SABUGAL :: :: A reunião magna evocativa da história do concelho do Sabugal, das suas tradições e da sua cultura, constituiu um evento solene que chamou atenções sobre o Sabugal e o exemplo de como comemorar uma data marcante.

Sessão do Congresso

Sessão do Congresso

Sabugal - © Capeia Arraiana (orelha)

Uma carta de Manuel António Pina

:: :: CONGRESSO DO FORAL DO SABUGAL :: :: Há 20 anos, aquando da organização do Congresso procurámos reunir no Sabugal figuras ilustres do concelho. Enviámos várias missivas e uma delas seguiu para o poeta e jornalista Manuel António Pina que nos respondeu informando que não poderia participar por razões emocionais.

Manuel António Pina

Manuel António Pina

Sabugal - © Capeia Arraiana (orelha)

Como nasceu o Congresso do Foral

:: :: CONGRESSO DO FORAL DO SABUGAL :: :: A ideia de comemorar em Novembro de 1996 os 700 anos do foral dionisino do Sabugal nasceu na Casa do Concelho, e resultou de uma conversa com o grande filósofo e historiador quadrazenho Jesué Pinharanda Gomes.

O congresso deve-se a Pinharanda Gomes

O congresso deve-se a Pinharanda Gomes

Sabugal - © Capeia Arraiana (orelha)

O Congresso do Foral do Sabugal

Foi há 20 anos que se realizou no Sabugal o Congresso comemorativo do sétimo centenário dos forais do Sabugal e de Vilar Maior, evento que durante três dias evocou a história do concelho nas suas diferentes vertentes.

Um congresso histórico

Um congresso histórico

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Imagens da Capeia Arraiana da Casa na Moita

O BandarilhasTv publicou um excelente trabalho televisivo sobre a XXXIV Capeia Arraiana da Casa do Concelho do Sabugal que teve lugar na Praça de Toiros Daniel do Nascimento da Moita no sábado, 4 de Junho. Com a devida vénia reproduzimos agora a reportagem.


(Imagens Bandarilhas TV)

:: ::
A reportagem fotográfica de Manuel Monteiro pode ser vista no Facebook. (Aqui.)
:: ::
A reportagem fotográfica de Daniel Salgueira pode ser vista no Facebook. (Aqui.)
:: ::
jcl

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Capeia Arraiana foi à Moita

A 37ª Capeia Arraiana da Casa do Concelho do Sabugal realizou-se no dia 4 de Junho na Moita do Ribatejo. Houve almoço-convívio, desfile etnográfico e a inevitável Capeia Arraiana, a que assistiram algumas centenas de sabugalenses, alguns vindos directamente do concelho.
Veja a galeria de fotos.

Capeia Arraiana na Moita - foto de Fernando Curado Matos

Capeia Arraiana na Moita – foto de Fernando Curado Matos

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

O boicote à Capeia da Casa do Concelho

O sucesso da Capeia Arraiana da Casa do Sabugal, prevista para o dia 4 de Junho na Moita do Ribatejo, pode estar comprometido pela decisão do Município de realizar na mesma data outras iniciativas.

A Capeia Arraiana da Casa do Concelho realiza-se sempre no primeiro sábado de Junho

A Capeia Arraiana da Casa do Concelho realiza-se sempre no primeiro sábado de Junho

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Capeia Arraiana da Casa do Sabugal na Moita

A Direcção da Casa do Concelho do Sabugal emitiu um comunicado a convidar todos os sabugalenses para estarem presentes na XXXVII Capeia Arraiana que se realiza no sábado, 4 de Junho, na Praça de Toiros da Moita do Ribatejo.

Praça de Toiros da Moita do Ribatejo - Capeia Arraiana

Praça de Toiros da Moita do Ribatejo

Ramiro Matos - Sabugal Melhor - © Capeia Arraiana (orelha)

Uma nova visão para o Interior? (9)

O Interior necessita de um choque financeiro! Parece hoje consensual que os territórios de baixa densidade necessitam de níveis elevados de investimento produtivo, como uma das condições fundamentais para a reversão do processo de envelhecimento, despovoamento e desertificação.

FIAEA - Capeia Arraiana

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Filomena Bernardo apresenta livro

Dia 21 de Maio vai ser apresentado na casa do Concelho do Sabugal em Lisboa o livro «A Beleza não tem Idade», de Filomena Bernardo.

13151491_1276278462399460_2372881941734929965_n

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Moita recebe a 37ª Capeia Arraiana

A Casa do Concelho do Sabugal realiza a tradicional Capeia Arraiana no dia 4 de Junho de 2016, na Praça de Toiros Daniel do Nascimento, na Moita, terra de fortes tradições tauromáquicas.

Praça de Toiros Daniel do Nascimento

Praça de Toiros Daniel do Nascimento

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Apresentado livro sobre Quadrazais

Franklim Costa Braga apresentou o quarto volume do livro «Para que não se perca a memória de 400 anos de vida em Quadrazais», na Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa, que se encheu de gente amiga.

Franklim Braga (em segundo plano) e alguns dos presentes

Franklim Braga (em segundo plano) e alguns dos presentes

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Franklim Costa Braga lança novo livro

No dia 12 de Março a Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa vai acolher o lançamento do IV Volume da obra monográfica «Para que não se perca a memória de 400 anos de vida em Quadrazais», da autoria de Franklim Costa Braga.

O livro vai ser apresentado às 14h30

O livro vai ser apresentado às 14h30

Efemérides - 2015 - © Capeia Arraiana

Efemérides 2016 – 10 de Janeiro

:: :: EFEMÉRIDES 2016 :: 10 DE JANEIRO :: :: O Capeia Arraiana publica diariamente as efemérides mais relevantes de cada data… Hoje destacamos o aparecimento da revista O Concelho do Sabugal, em 1976.

Há 40 anos inicia-se a publicação da revista «O Concelho do Sabugal»

Há 40 anos inicia-se a publicação da revista «O Concelho do Sabugal»

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Assembleia Geral da Casa do Concelho do Sabugal

A Assembleia Geral de sócios da Casa do Concelho do Sabugal vai reunir no dia 23 de Novembro tendo em vista a aprovação das contas da última Capeia Arraiana, o orçamento e plano de actividades para o ano 2016, seguindo consta na convocatória assinada pelo presidente Fernando Pinto Monteiro.

CCSABUGAL

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Pintar o Côa na Casa do Sabugal em Lisboa

A Casa do Concelho do Sabugal, em Lisboa, em parceria com a Ades – Associação, vai levar a efeito a exposição Pinta o Côa, evento de carácter eminentemente socio-cultural, a ter lugar no dia 14 de Novembro.

Exposição  Pintar o Côa

Exposição Pintar o Côa

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Eduardo Lourenço na Casa do Sabugal

No sábado, dia 24 de Outubro, a Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa recebeu o ilustre beirão Eduardo Lourenço, natural de S. Pedro do Rio Seco, concelho de Almeida.

Pinto Monteiro, Eduardo Lourenço, Pina Monteiro e Adérito Tavares na Casa do Concelho do Sabugal

Pinto Monteiro, Eduardo Lourenço, Pina Monteiro e Adérito Tavares na Casa do Concelho do Sabugal

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Quinzena gastronómica na Casa do Sabugal

A Casa do Concelho do Sabugal realiza uma quinzena gastronómica, que se inicia hoje, na sua sede em Lisboa, onde entre outra iguarias haverá pratos regionais, como bucho raiano, coelho à caçador, bacalhau à moda do Sabugal e enchidos.

O bucho raiano vai estar na ementa

O bucho raiano vai estar na ementa

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Capeia Arraiana em Vila Franca de Xira

A Capeia Arraiana promovida pela Casa do Concelho do Sabugal vai realizar-se este ano na Praça de Touros Palha Blanco, em Vila Franca de Xira, no dia 6 de Junho (sábado), a partir das 16 horas.

O cartaz da Capeia Arraiana será ilustrado com uma pintura de Alcínio

O cartaz da Capeia Arraiana será ilustrado com uma pintura de Alcínio

Confraria Bucho Raiano - Capeia Arraiana (orelha)

Confraria do Bucho tem novo Grão Mestre

Carlos Rito, do Soito, é agora o Grão Mestre da Confraria do Bucho Raiano, em resultado da eleição para os órgãos sociais, realizada na Assembleia Geral que aconteceu na sexta feira, dia 24 de Abril, na Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa.

Passagem de testemunho - o novo Grão Mestre cumprimenta o sessante

Passagem de testemunho – o novo Grão Mestre cumprimenta o cessante

Adérito Tavares - Na Raia da Memória - © Capeia Arraiana (orelha)

Maria C. Ventura – uma pintora por terras do Sabugal

A actual Direcção da Casa do Concelho do Sabugal incluiu no seu plano de actividades algumas iniciativas de carácter cultural, como por exemplo o lançamento de livros e a apresentação de exposições. Em tempos demasiado materialistas, nunca é de mais realçar a importância da cultura humanística, de que as artes plásticas são parte substancial.

Ponte de Sequeiros - Pintura de Maria C. Ventura
Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Eleição na Casa do Concelho do Sabugal

O Presidente da Mesa da Assembleia Geral da Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa, Fernando Pinto Monteiro, remeteu-nos, com pedido de publicação, a convocatória referente à Eleição para a Direcção da Casa do Concelho do Sabugal marcado para dia 27 de Outubro de 2014.

CCSABUGAL

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Almoço de convívio na Casa do Sabugal

A direcção da Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa remeteu-nos, com pedido de publicação, um comunicado referente à realização de um almoço para o qual foram convidados os autarcas do concelho.

CCSABUGAL

Confraria Bucho Raiano - Capeia Arraiana (orelha)

Assembleia Geral da Confraria do Bucho na «Casa»

As instalações da Casa do Concelho do Sabugal, em Lisboa, foram o local escolhido para o Capítulo Interno (assembleia geral ordinária) da Confraria do Bucho Raiano. Na «Casa» marcaram presença, ao final da tarde de 16 de Maio, os titulares dos órgãos sociais – Chancelaria, Mesa Capitular e Mesa de Vedores – tendo sido discutidos assuntos de interesse para a associação raiana.

Assembleia Geral da Confraria do Bucho Raiano na Casa do Concelho do Sabugal - Capeia Arraiana
Ramiro Matos - Sabugal Melhor - © Capeia Arraiana (orelha)

A Casa do Concelho do Sabugal

Realizam-se no próximo dia 26 de março as eleições para os corpos gerentes da Casa do Concelho do Sabugal, sendo eu candidato a presidente da Direção.

CCSABUGAL

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Ramiro Matos vai presidir à Casa do Concelho

O engenheiro Ramiro Matos, ex presidente da Assembleia Municipal do Sabugal, encabeça a única lista concorrente à direcção da Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa, cujas eleições acontecem no próximo dia 26 de Março. Para a presidência da Assembleia Geral é candidato Fernando Pinto Monteiro, ex Procurador Geral da República.

Ramiro Matos encabeça a lista candidata à direcção da Casa do Concelho

Ramiro Matos encabeça a lista candidata à direcção da Casa do Concelho

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

XXXV Capeia Arraiana da Casa do Sabugal (4)

A XXXV Capeia Arraiana organizada pela Casa do Concelho do Sabugal teve lugar este sábado, 1 de Junho, na Praça de Toiros Palha Blanco em Vila Franca de Xira.

no images were found

Fotos: capeiaarraiana.pt
Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

XXXV Capeia Arraiana da Casa do Sabugal (3)

A XXXV Capeia Arraiana organizada pela Casa do Concelho do Sabugal teve lugar este sábado, 1 de Junho, na Praça de Toiros Palha Blanco em Vila Franca de Xira.

no images were found

Fotos: capeiaarraiana.pt
Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

XXXV Capeia Arraiana da Casa do Sabugal (2)

A XXXV Capeia Arraiana organizada pela Casa do Concelho do Sabugal teve lugar este sábado, 1 de Junho, na Praça de Toiros Palha Blanco em Vila Franca de Xira.

no images were found

Fotos: capeiaarraiana.pt (ampliar para ecrã completo no icon da direita)
Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

XXXV Capeia Arraiana da Casa do Sabugal (1)

A XXXV Capeia Arraiana organizada pela Casa do Concelho do Sabugal teve lugar este sábado, 1 de Junho, na Praça de Toiros Palha Blanco em Vila Franca de Xira.

no images were found

Fotos: Brás Mendes
(ampliar para ecrã completo no icon da direita)
Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Vila Franca de Xira divulga Capeia Arraiana

A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira emitiu um comunicado de imprensa, que transcrevemos, dando conta da realização na Praça de Touros Palha Blanco da 35ª Capeia Arraiana organizada pela Casa do Concelho do Sabugal.

Cartaz Capeia Arraiana - Casa Concelho Sabugal - Vila Franca Xira - Capeia Arraiana

Cartaz da XXXV Capeia Arraiana da Casa do Concelho do Sabugal em Vila Franca Xira

Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa - © Capeia Arraiana (orelha)

Capeia Arraiana em Vila Franca de Xira

A 35ª Capeia Arraiana organizada pela Casa do Concelho do Sabugal realiza-se na Praça de Touros Palha Blanco, em Vila Franca de Xira, no dia 1 de Junho. O cartaz da iniciativa ostenta uma magnífica pintura de Alcínio Vicente, o pintor que gosta de evocar a tradição taurina da raia sabugalense.

Cartaz (projecto) com pintura de Alcínio

Cartaz (projecto) com pintura de Alcínio

Autarcas sabugalenses protestam em Lisboa

Um grupo constituído por 17 autarcas do Sabugal deslocou-se ontem, dia 28 de Junho, a Lisboa para protestar conjuntamente com eleitos locais de todo o país contra o fecho de tribunais.

Os eleitos locais do concelho do Sabugal deslocaram-se a Lisboa no autocarro do Município, sendo a comitiva constituída por 17 eleitos locais, dentre os quais o presidente da Câmara António Robalo, os vereadores Luís Sanches e Francisco Vaz e os presidentes de Junta de Freguesia do Sabugal, Vale das Éguas, Sortelha, Rebolosa e Quadrazais, aos quais se juntou ainda o presidente da Assembleia Municipal, Ramiro Matos.
À chegada a Lisboa a comitiva sabugalense juntou-se à de Penamacor e foram ambas almoçar à Casa do Concelho do Sabugal, de onde partiram depois para o Terreiro do Paço, concentrando-se defronte ao Ministério da Justiça.
«Acesso à justiça igual para todos», foi a voz de protesto que mais ouviu por parte dos 400 autarcas de todo o país, que se juntaram à porta da ministra Paula Teixeira da Cruz, manifestando-se contra a proposta de encerramento de 54 tribunais, prevista no novo Mapa Judiciário, entre os quais o do Sabugal.
A ministra recusou-se a receber os representantes da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP), postura que levou o vice-presidente da ANMP, Rui Solheiro, a considerar que tal representou um «corte de relações institucionais» do Ministério com os Municípios.
Em comunicado, o Ministério da Justiça (MJ) disse não entender a razão dos protestos convocados pela ANMP, alegando estar em curso «um amplo debate público com os municípios e com as associações profissionais sobre todas as matérias referentes ao mapa judiciário». O MJ reafirmou ainda «não ceder a quaisquer pressões ou tentativas de influenciar o trabalho em curso».
plb

Quando a raia sabugalense veio até Lisboa

A primeira Capeia Arraiana no Campo Pequeno realizou-se em 4 de Junho de 1978, dia em que os sabugalenses acorreram a Lisboa, enchendo a catedral da tauromaquia nacional para assistirem a um espectáculo popular desconhecido no país.

A ideia de trazer a Capeia Arraiana até Lisboa foi do Francisco Engrácia, de Vila Boa, que a custo convenceu a direcção da Casa do Concelho da exequibilidade da iniciativa. Uma comissão por si coordenada pôs mãos à obra, assumindo a responsabilidade pela organização e aceitando cobrir os prejuízos, se os houvesse, e assumindo que os lucros, se surgissem, reverteriam a favor dos Bombeiros Voluntários do Sabugal, na altura a única corporação do concelho.
«Capeia Arraiana» foi a designação escolhida pelos organizadores para o espectáculo, expressamente justificado: «O nome CAPEIA que demos à tourada no Campo Pequeno resultou de assim serem chamadas as touradas características das aldeias fronteiriças do nosso concelho. O termo caracteriza uma tourada em praça improvisada. Não foi concretamente o caso, mas o facto de termos trazido o FORCÃO conjuntamente com a realização do chamado PASSEIO DOS RAPAZES foi o bastante para que o termo se afigurasse ajustado. Capeia é também em Espanha a tourada realizada nos mesmos moldes que a CAPEIA ARRAIANA.» (jornal Sabugal, nº3, Julho/Agosto de 1978).
A tourada do forcão acresceu ao convívio anual que juntava os sabugalenses residentes em Lisboa e que se vinha realizando desde 1974: «o piquenique». O convívio aconteceu nesse ano de 1978 em 3 de Junho (dia imediatamente anterior ao da Capeia), no Parque do Seminário dos Olivais. Depois do convívio, os sabugalenses dirigiram-se para a sede da Casa do Concelho, onde assistiram a uma sessão de fados que se prolongou pela noite dentro.
Na manhã seguinte, domingo, realizou-se um jogo de futebol, opondo a equipa da Casa do Sabugal à da Casa de Trás-os-Montes e Alto Douro, que os raianos ganharam por um expressivo sete a zero. Seguiu-se um almoço da sede da associação, que juntou os jovens futebolistas de ambas as equipas a uma delegação dos Bombeiros do Sabugal e aos elementos da direcção da Casa, estando também presente o presidente da Câmara Municipal do Sabugal, o Dr Lopes.
Findo o almoço chegou a hora de ir para a Capeia, no Campo Pequeno, e o percurso fez-se a pé, num vistoso e muito participado cortejo, que partiu da Praça do Areeiro e seguiu pela Avenida João XXI até ao Campo Pequeno.
A tourada com forcão aconteceu sem incidentes e encantou os que encheram a praça. A alegria e o convívio foram vencedores e, no final, feitas as contas, verificou-se um saldo positivo, sendo desde logo lançada a ideia de que no ano seguinte se realizaria nova capeia.
plb

34ª Capeia Arraiana no Campo Pequeno

A Praça de Touros do Campo Pequeno recebe no dia 2 de Junho a 34ª Capeia Arraiana organizada pela Casa do Concelho de Sabugal em Lisboa.

A novidade da Capeia deste ano de 2012 é a aposta da organização na apresentação de touros «puros» (que ainda não foram toureados) para serem lidados ao forcão. Os cinco touros virão da ganadaria de José Dias, de Santo Estêvão de Benavente, e o expressivo cartaz desta edição mostra as fotos dos animais evidenciando a sua beleza e imponência.
A animação estará cargo da Sociedade Filarmónica da Bendada e de um grupo de Sevilhanas, que actuarão ao intervalo. Os bombeiros do Sabugal e do Soito associar-se-ão à festa, assim como diversas Juntas de Freguesia do concelho, que optaram por organizar excursões a Lisboa.
As capeias arraianas realizam-se anualmente no Campo Pequeno, em Lisboa, desde 1978, sendo porém a deste ano a primeira que se segue à declaração deste genuíno espectáculo popular como Património Cultural Imaterial.
No dia 2 de Junho TODOS AO CAMPO PEQUENO!
plb

Tertúlia sabugalense reuniu na Casa do Concelho

Jorge Barreto Xavier, ex Director-Geral das Artes, foi o convidado especial de um grupo de naturais e amigos do Sabugal que reuniu ontem, dia 26 de Janeiro, na Casa do Concelho do Sabugal em Lisboa para jantar e trocar ideias acerca do futuro da região.

«A cultura é o que nos liga», disse Barreto Xavier, que porém considerou que a economia passou a dominar as nossas vidas, em detrimento do tempo livre, do lazer e da cultura, que foram atirados para um canto da nossa existência. Esse facto leva-o a considerar que em Portugal se tem investido muito pouco na cultura enquanto aspecto estruturante do nosso quotidiano.
O ex Director-Geral das Artes, que passou uma boa parte da sua infância no Sabugal, onde estudou e deixou bom amigos, referiu-se ao problema da desertificação do Interior, como sendo fruto da atracção fatal que hoje as pessoas sentem pelas grandes cidades, que oferecem tudo o que necessitam e desejam. O poder central tem culpas no cartório, ao não criar condições para que as populações possam fixar-se no interior de Portugal.
A solução terá de passar por uma «visão integrada», construída a partir de uma reflexão que procure um consenso básico entre as várias forças políticas dominantes. «Tem de haver uma lógica de complementaridade», disse Barreto Xavier, dando como exemplo as termas do Cró, que considerou uma bela infra-estrutura para a qual falta uma aposta diversificada em áreas complementares à do simples termalismo. Só essa aposta poderá garantir o aproveitamento da oportunidade que o Cró proporciona ao concelho do Sabugal e à região.
Outra necessidade é a definição de um modelo de desenvolvimento para o concelho, criando graus de competitividade. «Mais do que um chefe ou um líder, é necessário um projecto elaborado a partir de um consenso para o longo prazo», concluiu.
Após a intervenção do convidado seguiu-se uma viva troca de argumentos acerca do rumo que o concelho deve tomar no futuro, onde sobressaiu a ideia de que o Sabugal precisa de se dinamizar a partir de uma mudança de mentalidades, pondo de lado rivalidades e conflitos estéreis e apostando na junção de esforços entre os que estão no concelho e os que partiram e mantém vivo o desejo de ajudar e de um dia regressar.
Jorge Barreto Xavier é professor do ISCTE, onde também prepara a tese de doutoramento em Políticas Públicas. Para além de Director-Geral das Artes, cargo que exerceu de 2008 a 2010, foi vereador da Câmara de Oeiras com o pelouro da Cultura, membro do conselho de administração do Instituto Português da Juventude, fundador do Clube Português de Artes e Ideias, entre outras actividades de relevo. É autor e co-autor de diversas publicações, com especial incidência nas áreas das artes e das políticas culturais.
plb

E viva o bucho raiano!

Começou no sábado na Casa do Concelho do Sabugal o que se deveria chamar «Mês do Bucho Raiano».

Ramiro Matos – «Sabugal Melhor»E começou, para mim, em Lisboa, na nossa Casa do Concelho.
Foi bom ver dezenas e dezenas de sabugalenses e de amigos do Concelho deliciando-se com uns ótimos «buchos de ossos», ao que me disseram vindos do Talho do Júlio no Sabugal.
Boa jornada de afirmação deste tão nosso enchido!
E uma mesa, digamos, da presidência, onde pontificavam, entre outros, o Presidente da Casa, José Lucas, O Procurador Geral da República, Pinto Monteriro, a Confraria do Bucho Raiano, representada ao mais alto nível pelo Paulo Leitão, e eu próprio, Presidente da Assembleia Municipal.
Saímos dali reconfortados e confiantes de que o futuro do bucho raiano está garantido.
Gostei de saber do entusiasmo da Direção da Casa em arrancar ainda este ano com as obras, mais que necessárias de reabilitação da sede, estando certo que quer a Câmara, quer o setor empresarial concelhio, quer os sócios em geral saberão estar ao lado da Direção para que as obras tornem a Casa do Concelho ainda melhor.
Gostei também de saber que já está marcada a capeia no Campo Pequeno para o dia 2 de junho!
E o mês do bucho continua sábado em Évora na «Taberna Típica Quarta-Feira» do sabugalense e meu grande amigo Zé Farias.
Lá estarei, mais 29, pois a Taberna não dá para mais.
Conhecendo como conheço a qualidade de cozinheiro do Zé e da sua comadre alentejana, não tenho dúvidas que vai ser mais uma jornada gloriosa para os 30 felizardos!
E o mês do Bucho, se puder, terminará, como não podia deixar de ser, no Carnaval no Sabugal onde se realizará (18 de fevereiro) o Capítulo da Confraria, rumando depois para o Casteleiro onde a Casa da Esquila prepara já uma «bucharia» que, acredito, vai ficar na memória de todos!

PS: Stéphane Hessel será um nome quase desconhecido para muitos. Francês, nascido em 1917, homem da resistência francesa, continua hoje resistindo e lutando por um mundo melhor.
Já havia feito referência a um seu pequeno livro já em português chamado apropriadamente «Indignai-vos!».
Volto a falar nele, pois tenho nas minhas mãos um novo livro do mesmo autor chamado agora «Empenhai-vos!», de leitura obrigatória para todos os que continuam a luta por um mundo melhor.

«Sabugal Melhor», opinião de Ramiro Matos

Excursão do Núcleo Sportinguista do Sabugal

No sábado dia 10 de Dezembro, o Núcleo Sportinguista do Concelho do Sabugal organizou uma excursão até Lisboa, mais propriamente com destino ao Estádio de Alvalade a fim de assistir ao encontro que teve inicio às 20h30 e que opôs o Sporting Clube de Portugal ao Clube Desportivo Nacional (da Madeira).

Mas, para os sportinguistas do Sabugal que quiseram deslocar-se a Alvalade, o dia começou bem mais cedo. Os dois autocarros saíram do Sabugal por volta das 9 horas da manhã e o almoço foi servido já em Lisboa na Casa do Concelho do Sabugal. O prato foi cozido à portuguesa com produtos do nosso concelho, como o quiseram frisar os nossos conterrâneos que nos serviram.
Pela tarde fora houve tempo para passear e também para comer o farnel que ia no autocarro pão, presunto, queijos e muitas outras coisas não puderam faltar e no «momento alto», o jogo, a vitória sorriu aos sportinguistas que venceram o desafio por uma bola a zero para contentamento dos 106 sportinguistas sabugalenses que se encontravam no estádio, fechando assim em beleza um dia de convívio e muita animação.
Cláudia Janela

Campo Pequeno recebeu a 33.ª Capeia Arraiana (1)

Foi efusiva a festa dos sabugalenses em Lisboa, por ocasião da 33.ª Capeia Arraiana organizada pela Casa do Concelho do Sabugal, que mais uma vez teve lugar na praça de touros do Campo Pequeno.

A tarde do dia 5 de Junho, sábado, foi de grande convívio entre os naturais e amigos do concelho do Sabugal, que se juntaram para celebrar a sua maior tradição: a capeia arraiana. Muitos vieram de variadas terras do concelho do Sabugal, em autocarros e veículos ligeiros, juntando-se aos que igualmente vieram de outras terras distantes e aos que estão radicados na zona da Grande Lisboa e também acorreram ao local.
Antes da entrada no recinto, já os amigos, que se não viam há longa data, se saudavam e abraçavam, para depois avançarem para o interior da praça, nas bancadas, para assistirem ao espectáculo. O pedido da praça seguiu o ritual instituído, com o Hélder Neves e o Esteves Carreirinha a abrirem o desfile, que irrompeu pela arena. Seguiam-nos os bombos de Aldeia da Ponte, os bombeiros voluntários do Sabugal e do Soito, a centenária Banda Filarmónica da Bendada, o Grupo Etnográfico de Sortelha e os representantes de algumas aldeias, sendo especialmente notados os do Ozendo e os de Ruivós.
Feito o pedido da praça, vieram as palavras de circunstância, proferidas pelo presidente da direcção da Casa, pelo presidente da Câmara Municipal do Sabugal e pelo Governador Civil da Guarda. Depois foi a vez do espectáculo, com seis belos touros da ganadaria de José Dias, de Benavente. Nas bancadas a alegria foi contagiante, assim como o foi o convívio que se proporcionou nos bares, onde grupos de amigos se reuniram a beber e a conversar.
Finda a tourada do forcão a «malta» juntou-se no ringue junto à praça, onde a pândega teve lugar. Chouriças, morcelas, entremeada, entrecosto e sardinhas saltaram para as grelhas, ao mesmo tempo que a cerveja o vinho e os refrigerantes matavam a sede e serviam de mote a fartas e contagiantes conversas.
Já noite dentro os derradeiros convivas abandonaram o local, regressando a suas casas. O convívio dos aficionados seguir-se-á em breve com a abertura da época das capeias, que em Agosto animarão as aldeias raianas do concelho do Sabugal.
plb

Campo Pequeno recebeu a 33.ª Capeia Arraiana (2)

Foi efusiva a festa dos sabugalenses em Lisboa, por ocasião da 33.ª Capeia Arraiana organizada pela Casa do Concelho do Sabugal, que mais uma vez teve lugar na praça de touros do Campo Pequeno.

GALERIA DE IMAGENS  –  CAPEIA ARRAIANA NO CAMPO PEQUENO  –  2011
Clique nas imagens para ampliar

plb