Author Archives: leitaobatista

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

Guarda – jornadas da pastoral diocesana

É bom ainda assinarmos jornais regionais, semanários, que sobrevivem com imensas dificuldades e que são em grande parte a garantia de uma sociedade mais informada, mais culta, democrática e livre. Infelizmente, acabo de tomar conhecimento que “O Amigo da Verdade”, com mais de um século de existência, acabou por não resistir à crise da imprensa escrita e vai deixar de ser publicado.

A mensagem do Papa para o Dia Mundial das Missões

O abandono de S. João Baptista de Ajudá

A Fortaleza de São João Baptista de Ajudá, localizada na cidade de Ouidah, na costa ocidental africana, na actual República do Benim, foi abandonada pelos portugueses em condições humilhantes, em 1961, o que levou o regime a isolar o último administrador daquela minúscula possessão colonial.

São João Baptista de Ajudá é hoje um museu

António Gonçalves - Colaborador - Orelha - Capeia Arraiana

Invasões Francesas (4)

:: :: SEIXO DO CÔA :: :: Algumas aldeias raianas foram fustigadas pelos soldados napoleónicos entre julho de 1810 e abril/maio de 1812. Em julho de 1810, após a tomada de Almeida realizaram razias nas aldeias raianas; na retirada, em fevereiro ou março de 1811, entraram no concelho de Sabugal, vindos da Guarda, deixando um rasto de violência e destruição por onde passaram; em abril de 1812, quando da quarta invasão, as populações foram, mais uma vez, vítimas das barbaridades dos invasores. Muitos arquivos foram destruídos! Provavelmente não houve aldeia do concelho de Sabugal que não tivesse a “honra” de os receber!

Soldados franceses do exército napoleónico

Fernando Capelo - Terras do Jarmelo - © Capeia Arraiana

Semente de um choro colectivo

– Como se atrevem? – Foi o grito mais alto de Greta Thunberg na Cimeira de Acção Climática, em Nova Iorque.

Greta Thunberg

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

A verdade sobre a barragem do Sabugal

Fala-se muito na barragem do Sabugal, devido à seca e à continuação dos transvases para o regadio da Cova da Beira. Mas quanto a quem tornou a albufeira numa realidade e qual a sua real importância para o concelho do Sabugal, há muito a esclarecer.

Barragem do Sabugal

Confraria Bucho Raiano - Capeia Arraiana (orelha)

Almoço da Confraria do Bucho Raiano

O Hotel Iberostar, no centro de Lisboa, acolhe o almoço anual da Confraria o Bucho Raiano, marcado para o dia 16 de Novembro, às 12:30. Para além do bucho, vindo do Soito, haverá morcelas e chouriças, castanhas do Sabugal e jeropiga caseira. As inscrições já estão abertas.

XII Almoço do Bucho em Lisboa

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

Homenagem a Manuela Fernandes

Maria Manuela Marques Bernardo Fernandes, cedo partiu de Aldeia de Joanes – Fundão – Castelo Branco, a fim de frequentar o Curso Social na Escola Prática de Ciências Criminais, em Lisboa e com um ano de estágio no Estabelecimento Prisional De Tires “Cadeia de Tires”, iniciou a carreira profissional como Assistente Social na Estabelecimento Prisional de Sintra “Colónia Penal Agrícola de Sintra”.

No 70º Aniversário Maria Manuela Fernandes foi homenageada pelos funcionários com quem trabalhou nos Serviços Prisionais

Isidro Alves Candeias - Orelha - 180x135 - Capeia Arraiana

Ecos de reconhecimento pelo Colégio do Sabugal

Pertenço, felizmente, ao grupo dos milhares de alunos que passaram pelo Colégio do Sabugal, denominado Externato Secundário do Sabugal, obra do saudoso Dr. José Diamantino dos Santos, que foi também seu Diretor.

Biblioteca Municipal no Colégio Dr. Diamantino - Sabugal - Capeia Arraiana

Colégio do Sabugal

A última execução em Coimbra

A última execução da pena de morte em Coimbra aconteceu em 29 de Julho de 1839, data em que foi enforcado no areal do Mondego o homicida José da Costa Casimiro. A abolição da pena capital para todos os crimes civis aconteceria em 1867.

José Casimiro foi enforcado no areal do Mondego

António Gonçalves - Colaborador - Orelha - Capeia Arraiana

Invasões Francesas (3)

:: :: PENALOBO :: :: Algumas aldeias raianas foram fustigadas pelos soldados napoleónicos entre julho de 1810 e abril/maio de 1812. Em julho de 1810, após a tomada de Almeida realizaram razias nas aldeias raianas; na retirada, em fevereiro ou março de 1811, entraram no concelho de Sabugal, vindos da Guarda, deixando um rasto de violência e destruição por onde passaram; em abril de 1812, quando da quarta invasão, as populações foram, mais uma vez, vítimas das barbaridades dos invasores. Muitos arquivos foram destruídos! Provavelmente não houve aldeia do concelho de Sabugal que não tivesse a “honra” de os receber!

Os invasores praticaram excessos

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

Habitação no interior

Existe uma manifesta crise habitacional em Portugal, reflectida nos preços e rendas exorbitantes das casas nas grandes cidades. O interior do país pode ser parte da solução, exigindo-se medidas nesse sentido.

Há excesso de oferta de habitação nas terras do interior

A hospedaria do Pirão

Em 5 de Setembro de 1835 foi publicado no jornal Artilheiro, do Porto, um curioso anúncio dando conta da abertura, em Coimbra, de uma hospedaria especialmente vocacionada para alojar estudantes.

Coimbra antiga

António Gonçalves - Colaborador - Orelha - Capeia Arraiana

Invasões Francesas (2)

:: :: VILA DO TOURO :: :: Algumas aldeias raianas foram fustigadas pelos soldados napoleónicos entre julho de 1810 e abril/maio de 1812. Em julho de 1810, após a tomada de Almeida realizaram razias nas aldeias raianas; na retirada, em fevereiro ou março de 1811, entraram no concelho de Sabugal, vindos da Guarda, deixando um rasto de violência e destruição por onde passaram; em abril de 1812, quando da quarta invasão, as populações foram, mais uma vez, vítimas das barbaridades dos invasores. Muitos arquivos foram destruídos! Provavelmente não houve aldeia do concelho de Sabugal que não tivesse a “honra” de os receber!

Invasões Francesas

Fernando Capelo - Terras do Jarmelo - © Capeia Arraiana

Também eu, pá!

Nós, os humanos, temos, obviamente, muitas visões em comum. Concordamos na ideia do bem e do mal. Coincidimos no conceito de guerra e paz. Convergimos sobre o que é justo e o que o não é. Enfim, aceitamos, universalmente, tudo isto e muito mais. Mas, quanto a gostos? Diz o povo que eles não se discutem.

Chapinhar na água da chuva

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

Inovação Social – uma oportunidade

O Fundo para a Inovação Social tem já em análise as primeiras candidaturas de projectos de inovação e empreendedorismo na área social. Tal financiamento permite o desenvolvimento de boas ideias para a resolução de alguns dos problemas sociais que afetam os nossos territórios.

A inovação social faz-se num contexto criativo de proximidade

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

Fundão – novo pároco

Em 22 de junho do corrente ano, D. Manuel Felício, Bispo da Guarda, nomeia como Pároco do Fundão, o Padre Helder Lopes, substituindo o Padre Jorge Colaço, que a seu pedido tinha pedido a saída desta paroquia. Hélder Lopes nasce no Colmeal da Torre, concelho de Belmonte, em 27 de junho de 1983 e é ordenado sacerdote em junho de 2008.

O Padre Helder na procissão da festa da Bismula, onde foi pároco

António Martins - Capeia Arraiana

Tragédia numa praça da Raia Sabugalense

«Touro Bravo morre após incidente ao ter embatido no forcão!». Esta seria uma forma honesta de dar uma notícia sobre um facto ocorrido numa praça da Raia no passado mês de agosto. Mas a seriedade jornalística não iria influenciar a procura e leitura da notícia, então adotaram-se títulos sensacionalistas e espalhafatosos, sobre informações prestadas por associações animalistas, os quais insinuavam que se tinha matado um touro em praça.

A capeia faz parte do Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial

A morte do juiz de Midões

Tinha poiso no antigo concelho de Midões, hoje integrado no de Tábua, o célebre João Brandão, que à frente de um bando armado praticou, ou mandou praticar, imensos crimes nos tempos seguintes à guerra entre miguelistas e liberais. Um deles foi o assassinato do juiz daquela comarca.

A antiga vila de Midões

António Gonçalves - Colaborador - Orelha - Capeia Arraiana

Invasões francesas (1)

:: :: POUSAFOLES DO BISPO :: :: Algumas aldeias raianas foram fustigadas pelos soldados napoleónicos entre julho de 1810 e abril/maio de 1812. Em julho de 1810, após a tomada de Almeida realizaram razias nas aldeias raianas; na retirada, em fevereiro ou março de 1811, entraram no concelho de Sabugal, vindos da Guarda, deixando um rasto de violência e destruição por onde passaram; em abril de 1812, quando da quarta invasão, as populações foram, mais uma vez, vítimas das barbaridades dos invasores. Muitos arquivos foram destruídos! Provavelmente não houve aldeia do concelho de Sabugal que não tivesse a “honra” de os receber!

Os invasores praticaram muitas atrocidades

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

O bom uso do placar promocional

Quem chega ao Sabugal pela estrada da Guarda, encontra, logo a seguir ao cruzamento das Quintas de S. Bartolomeu, um painel publicitário da Câmara Municipal que é o exemplo acabado da má utilização desse instrumento promocional.

Um outdoor inútil

Pró-Raia - Capeia Arraiana

Apoios à seca no Sabugal e na Guarda

Desde o dia 12 de Setembro que estão abertas as candidaturas para investimentos agrícolas que façam frente à escassez de água nos concelhos do Sabugal e da Guarda. São 125 mil euros, vindos do Programa de Desenvolvimento Rural (PDR2020) e geridos pela Pró-Raia – Associação de Desenvolvimento Integrado da Raia Centro Norte. O período de candidaturas prolonga-se até ao dia 11 de Outubro de 2019.

Apoios face à seca «moderada»

A Inquisição em Espanha

Segundo o historiador espanhol Juan Antonio Llorente, a inquisição durou em Espanha de 1481 a 1820. Neste tempo (339 anos), são assustadores os números dos condenados e executados nos autos de fé.

A acção do Tribunal do Santo Ofício em Espanha foi uma verdadeira calamidade

António Gonçalves - Colaborador - Orelha - Capeia Arraiana

Em nome da Terra – Parte II

Pretendo com este artigo salientar alguns aspetos pertinentes da nossa região.

Cartaz numa casa em que foi roubado o portão. A emigração tem consequências ao nível linguístico!

Hoje destacamos... - © Capeia Arraiana (orelha)

A gíria de Quadrazais no CineEco

A curta-metragem «A Gíria de Quadrazais», realizada por Paulo Vinhas Moreira, é um dos 80 filmes a concurso na 25.ª edição do CineEco – Festival Internacional de Cinema Ambiental da Serra da Estrela, a decorrer de 12 a 19 de Outubro, em Seia.

Histórias de Contrabando no CineEco

Fernando Capelo - Terras do Jarmelo - © Capeia Arraiana

Até parece mentira!

Hoje, vou dar à caneta para estampar nesta crónica uma peripécia inusitada.

O parquímetro não deu o talão

Aldeia Histórica de Sortelha - © Capeia Arraiana (orelha)

Sortelha geminou-se com Ferreira do Zêzere

As Juntas de Freguesia de Sortelha, no concelho de Sabugal, e de Ferreira do Zêzere, assinaram um protocolo de geminação, no dia 8 de Setembro, dando formalidade a uma relação de amizade que há muito existe entre as duas freguesias.

Responsáveis de Sortelha e de Ferreira do Zêzere assinaram protocolo de geminação

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

A crise hídrica do Sabugal

A carência de água na barragem do Sabugal, sobretudo advinda do transvase para o Regadio da Cova da Beira, exige medidas de contingência que façam frente ao problema emergente do abastecimento hídrico das populações. Mas, como medida de fundo, é necessário um novo paradigma de gestão da água nas albufeiras nacionais.

Com a albufeira próxima de níveis mínimos o transvase tem que parar

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

IX Encontro de Pastores em Alpedrinha

No dia 24 de Agosto decorreu em Alpedrinha, concelho do Fundão, o nono encontro de pastores, oriundos das regiões da Beira Baixa e da Beira Alta, como um pré-anúncio para a Festa dos Chocalhos, no segundo fim-de-semana do próximo mês de Setembro.

Os grandes protagonistas deste encontro são os pastores e os cães de guarda dos rebanhos

Isidro Alves Candeias - Orelha - 180x135 - Capeia Arraiana

Ecos do «Pensamento de J. Pinharanda Gomes»

A recente partida do Ilustre Sabugalense Pinharanda Gomes suscitou os mais rasgados encómios, quer quanto ao Homem, que partia, quer no concernente à vasta e riquíssima obra deixada.

Jesué Pinharanda Gomes

O respeito pela velhice

Os cabelos brancos, núncios de uma idade avançada, têm sido respeitados em todos os tempos. Há vários exemplos desse apreço pelos mais velhos na história dos povos.

O respeito pelos idosos vem do fundo da história da humanidade

António Gonçalves - Colaborador - Orelha - Capeia Arraiana

Em nome da Terra – Parte I

Pretendo com este artigo salientar alguns aspetos pertinentes da nossa região.

Abrigo dos pastores na serra (reconstituição por João Paulo Reis)

Confraria Bucho Raiano - Capeia Arraiana (orelha)

Confraria do Bucho esteve em Penafiel

A Confraria do Bucho Raiano, do Sabugal, esteve presente no VII Capitulo da Confraria da Cebola e do Presunto do Tâmega e do Sousa, na cidade de Penafiel, no passado sábado, dia 31 de Agosto.

Confrades sabugalenses com o Grão Mestre Joaquim Ferreira

António Martins - Capeia Arraiana

Um Rio, uma Reserva, um Território

Caminhando cerca de sete quilómetros nas margens do rio, para montante, no sentido da nascente do Côa, entre as aldeias de Vale de Espinho e Fóios, encontramos cerca de 20 cascatas, resultantes das açudes construídas no rio.

Rio Côa

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

Estratégia ibérica na zona de fronteira

No dia 21 de Novembro de 2018 realizou-se, em Valhadolid, a 30ª Cimeira Luso-Espanhola, onde se acertaram procedimentos para a cooperação transfronteiriça e para fazer face ao desafio demográfico. Foi um compromisso para uma estratégia comum cujos resultados não são ainda visíveis.

Cimeira Luso-Espanhola

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

Fundão – despedida do pároco

O Padre Jorge Manuel Tavares Colaço, nasceu na cidade da Guarda no dia 18 de Setembro de 1968, filho de pequenos comerciantes, na localidade de Sequeira, junto ao Outeiro de São Miguel.

Igreja matriz do Fundão

António Gonçalves - Colaborador - Orelha - Capeia Arraiana

S. Cornélio: Romaria e Obras

As obras de melhoramentos dos acessos geraram polémicas desnecessárias. A romaria pode ter sido uma iniciativa bem-vinda.

Foto de 13 de abril: S. Cornélio após a passagem das máquinas, bem próximo do Castro

Safanões e cacetadas

É bem conhecida a frase do ditador António Salazar referente aos maus-tratos ministrados pela polícia aos presos políticos, classificando-os como «uns safanões dados a tempo». Mas aos «safanões» juntar-se-iam mais tarde as «cacetadas», como método necessário e benfazejo.

António de Oliveira Salazar

Fernando Capelo - Terras do Jarmelo - © Capeia Arraiana

Sopro antigo na moderna urbanidade coimbrã

Sempre achei que, em Coimbra, os encantos coexistem com surpresas. A cidade dos estudantes medeia caminhos entre Interior e Litoral não parecendo, às vezes, ser muito zelada por quem manda.

Cidade de Coimbra

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

Destino de natureza

Voltamos a um tema recorrente: o Sabugal como destino turístico. O nosso concelho tem monumentos únicos, paisagens soberbas, praias fluviais acolhedoras, tradições peculiares e uma gastronomia única. É, ademais, uma terra com imenso espaço por explorar, o que lhe cria especiais condições para apostar no chamado Turismo de Natureza.

A Serra da Malcata pode ser um excelente destino de natureza

António Alves Fernandes - Aldeia de Joane - © Capeia Arraiana

Aula de Sociologia

O Jornal do Fundão promoveu uma campanha de divulgação deste importante semanário no mercado do Fundão, no coração de Agosto, junto de feirantes, comerciantes e do público de uma forma geral, cerca de quatro mil pessoas. Neste universo alargado, há quem passeie, quem converse, quem observe, quem discuta, quem encontre um amigo, quem encha o saco de compras.

Mercado semanal do Fundão