Invasões Francesas (7)

António Gonçalves - Colaborador - Orelha - Capeia Arraiana

:: :: VILA BOA :: :: Algumas aldeias raianas foram fustigadas pelos soldados napoleónicos entre julho de 1810 e abril/maio de 1812. Em julho de 1810, após a tomada de Almeida realizaram razias nas aldeias raianas; na retirada, em fevereiro ou março de 1811, entraram no concelho de Sabugal, vindos da Guarda, deixando um rasto de violência e destruição por onde passaram; em abril de 1812, quando da quarta invasão, as populações foram, mais uma vez, vítimas das barbaridades dos invasores. Muitos arquivos foram destruídos! Provavelmente não houve aldeia do concelho de Sabugal que não tivesse a “honra” de os receber!

Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Álbum de Campanha Sobre Marchas, Manobras e Planos de Batalha do Exército Português, Realizados no âmbito da Guerra Peninsular, pelo Capitão Manuel Isidro da Paz

A localização geográfica de Vila Boa talvez tenha sido o motivo principal dos massacres aí verificados.

Lista dos “mortos pelos franceses” em 29 de agosto de 1810:(34)

1- Manoel Almeida casado com Bernarda;

2- João Alves casado com Maria José;

3- João Martinho casado com Maria Afonso;

4- Jacinto Domingos casado com Anna Lopes;

5- Manoel Segura casado com Luiza Martins;

6- João Carlos solteiro;

7- João Martins casado com Maria Martins;

8- Manoel Carneiro casado com Josefa Reduto;

9- Pedro Francisco, viúvo;

10- Manuel João casado com Isabel…

11- Em trinta de agosto:
Francisco … casado com Josefa Segura

Em dois de abril de 1811:(35)
12- João solteiro e Luís Afonso, mortos pelos Franceses

Em doze de setembro de 1810:(36)
13- Manoel Quintela solteiro;

14 – Francisco casado com Luiza Antunes;

15 – José Martins Bispinho casado com Maria Martins.

Em 28 e 29 de agosto de 1811:(37)
16- Agostinho Martins casado com Luísa Esteves;

17- Domingos Martins casado com Maria Francisca;

18- António Gonçalves, viúvo;

19- Domingos Louro, casado com Anna Felipe.

Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Paróquia de Vila Boa, Livro de Registo de Óbitos

Exemplo de Registo de óbito:

“No dia vinte e nove em Agosto de mil outo centos e dez morreu digo foi morto Manoel de Almeida pelos Franceses casado com Bernarda.”(38)

Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Paróquia de Vila Boa, Livro de Registo de Óbitos

Também aqui o poder local podia fazer qualquer coisa para preservar a memória!

As datas dos mortos mostram a permanência de soldados franceses por mais alguns meses depois da Batalha de Sabugal, em 3 de abril de 1811.

:: ::
«Memórias de Sortelha», por António Augusto Gonçalves

Notas:
34- Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Paróquia de Vila Boa, Livro de Registo de Óbitos, em: PT-ADLSB-PRQ-PSBG38-003-O2_m0003.tif
35- Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Paróquia de Vila Boa, Livro de Registo de Óbitos, em: PT-ADLSB-PRQ-PSBG38-003-O2_m0007.tif
36- Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Paróquia de Vila Boa, Livro de Registo de Óbitos, em: PT-ADLSB-PRQ-PSBG38-003-O2_m0004.tif
37- Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Paróquia de Vila Boa, Livro de Registo de Óbitos, em: PT-ADLSB-PRQ-PSBG38-003-O2_m0003.tif
38- Idem.

Deixar uma resposta