Postal TV (275)

José Carlos Mendes - Orelha - Colaborador - Capeia Arraiana - 180x135

Dois documentos chegados à minha mão pela news da Marktest trazem novidades marcantes que quero deixar marcadas aqui…

Marta Temido - Ministra da Saúde

Marta Temido – Ministra da Saúde

Assuntos mais falados esta semana

Eis os temas dos noticiários da semana que passou:

Primeiro: Incêndios – 10 horas;
Segundo: Futebol nacional – três horas e meia;
Terceiro: Greve dos motoristas de matérias perigosas – duas horas e meia.

Muita TV para poucos políticos

No primeiro semestre, os políticos foram muito, mas muito falados em televisão. Horas e horas: António Costa – 50 horas; Marcelo – 43 horas; Catarina Martins – 22; Rui Rio – 22; Assunção Cristas – 19; Jerónimo de Sousa – 18; Mário Centeno – 12; Marta Temido – 11 horas.

Sem surpresa, Marta Temido será neste aspecto a maior surpresa e, dentro daquela ideia de que «o que importa é que falem de mim, mesmo que digam mal»… vá pensando nas repercussões.

Dois conjuntos de notas oportunas a este propósito:

1 – Primeira observação: o Primeiro-Ministro teve mais presença nas pantalhas do que o omnipresente Presidente da República – isso, por dois motivos: primeiro, porque houve muita guerra a meter Costa pelo meio das asneiras dos seus ministros e companhia; mas a segunda é bem mais forte: de repente, Marcelo deixou de estar em todo o lado e a toda a hora… isso, por decisão clara da sua parte, certamente porque se quis menos colado ao governo em vésperas de europeias e agora também de legislativas.

2 – Nem tudo será pelas boas razões. Exemplos: Costa, que leva com toda a polémica de incêndios, saúde, etc. ou Catarina Martins, que assume as lideranças do sim e do não ao Governo, conforme lhe convém… ou, pior ainda, a ministra da Saúde… que leva com as câmaras de televisão a cada pé de passada porque nada funciona nos Hospitais…

:: ::
«Postal TV», por José Carlos Mendes

Deixar uma resposta