Anedotas jesuíticas

O anticlericalismo centrou-se muito na critica à Companhia de Jesus, com manifestações contrárias e esta ordem religiosa que se expressaram de diferentes formas, incluindo o chiste anedótico. Porém o anedotário jesuítico também contém piadas que traduzem a perspicácia dos membros da ordem fundada por Inácio de Loyola.

A Companhia de Jesus no Brasil

O quadro do moribundo
Um frade jesuíta, com o breviário na mão, assistia aos últimos momentos de um moribundo.
Reparando numa bela imagem do Crucificado, que o doente tinha à cabeceira do leito, e desejando possuí-la, o frade dirigiu-lhe as seguintes palavras:
– Irmão, consentis que depois da tua morte eu leve aquela imagem para a igreja do meu convento?
– Sim, senhor – responde o enfermo com dificuldade – mas sob a condição de me traduzir aquela inscrição no alto da cruz.
– Quer dizer: Jesus Nazareno Rei dos Judeus.
– Não, meu padre, enganou-se: o J quer dizer os jesuítas, o N não, o R roubarão, e o J o meu Jesus.

Encontro com a Sagrada Família
Um jesuíta, um dominicano e um franciscano caminhavam por uma estrada, quando, inesperadamente, a Sagrada Família lhes apareceu, com o Menino Jesus sentado aos pés de Maria e José.
O franciscano prostrou-se imediatamente, louvando aquela visão de uma família humilde, vestindo pobremente.
Já o dominicano caiu de joelhos, e começou a rezar à Santíssima Trindade.
Por sua vez o jesuíta foi-se chegando a São José, colocou-lhe a mão sobre o ombro e perguntou-lhe:
– Você já pensou em que escola vai matricular o menino?

A frugalidade
Um jesuíta e um franciscano, indo ambos de jornada, entraram numa estalagem, onde se sentaram para jantar. O dono do estabelecimento dispôs-lhes a comida que lhe restava: dois pedaços de toucinho.
O jesuíta pegou imediatamente no pedaço maior e começou a comer.
O franciscano, ao ver a cena recordou-lhe:
– São Francisco sempre nos ensinou a escolher a abnegação.
O jesuíta respondeu-lhe:
– Foi por isso mesmo que eu lhe deixei o pedaço que responde a essa louvável postura.

A dúvida do seminarista
Numa aula de teologia, um seminarista pergunta ao professor, que era membro da Companhia de Jesus:
– Senhor padre. É verdade que um jesuíta responde sempre a uma pergunta com outra pergunta?
– Quem é que te disse isso?

:: ::
«Histórias de Almanaque»
, por Paulo Leitão Batista

Deixar uma resposta