Jovens Lobos

António Emídio - Passeio pelo Côa - © Capeia Arraiana

Todo o sistema político, sem excepção,acaba sempre sendo dirigido por minorias elitistas, a Democracia portuguesa não é uma excepção! É dirigida por uma minoria que põe e dispõe a seu belo prazer.

Jovens Lobos - Capeia Arraiana

Jovens Lobos à caça de votos

Pós-25 de Abril de 1974, visitaram o Concelho do Sabugal alguns Estadistas portugueses. Esses Estadistas não tinham como único fim a procura do voto, queriam conhecer o Interior, queriam estar em contacto com o Povo para conhecerem os seus problemas e anseios, que já nessa altura eram muitos! Agora, o Concelho do Sabugal já não vale uns míseros cem euros de gasolina, já não compensa vir cá à procura de votos. Os jovens Lobos não pensam como os Estadistas, para eles é mais proveitosa uma viagem a Bruxelas e conversar com um burocrata de uma Instituição qualquer da União Europeia, não é que daí venham votos, mas vem dinheiro! E onde há dinheiro há votos, já somos uma imagem de modernidade, deixamos o velho sistema de um homem, um voto, para o novo: um euro, um voto, centenas de euros, centenas de votos. Este, é um simples exemplo da modernidade «democrática» que Portugal assimilou do Neoliberalismo.

:: ::
«Passeio pelo Côa», opinião de António Emídio

Deixar uma resposta