Tenreira Martins profere oração de sapiência

Confraria Bucho Raiano - Capeia Arraiana (orelha)

A habitual oração de sapiência que integra a cerimónia protocolar do Capítulo da Confraria do Bucho Raiano, será este ano proferida pelo confrade Joaquim Tenreira Martins, que abordará o tema «À mesa, na diáspora, com o Bucho Raiano».

Joaquim Tenreira Martins

O IX Capítulo terá lugar no próximo dia 10 de Fevereiro, no Auditório Municipal do Sabugal.
Após a recepção aos convidados, as confrarias presentes farão um desfile pela parte histórica da cidade do Sabugal. Ao meio-dia terá início, no auditório, a cerimónia capitular.
O momento da oração de sapiência contará este ano com a intervenção do confrade do bucho raiano Joaquim Tenreira Martins, natural de Vale de Espinho, concelho do Sabugal, e há muito radicado em Bruxelas, na Bélgica.
Joaquim Tenreira Martins deixou a sua terra natal para estudar nos Seminários do Fundão e da Guarda, e no Instituto Superior de Estudos Teológicos, onde se formou em Teologia. Mais tarde, deu continuidade aos estudos académicos, tornando-se Mestre em Ciências Políticas, pela Universidade Católica de Lovaina (na Bélgica), e em Direito, pela Universidade de Lille (em França).
Em Bruxelas, cidade onde vive desde 1973, trabalhou na Confederação dos Sindicatos Cristãos e foi redator do jornal O Sindicalista.
De 1975 até 2015 foi funcionário da Secção Consular da Embaixada de Portugal em Bruxelas, onde trabalhou na secção social da qual se tornou responsável.
Ao fim de 42 anos a trabalhar com a emigração portuguesa, obteve a reforma, passando a dedicar-se por inteiro ao estudo, à investigação e à escrita.
Em reconhecimento pela sua actividade em prole dos emigrantes recebeu as condecorações de Oficial da Ordem do Infante D. Henriques (de Portugal) e a de Chevalier de l’Ordre de la Couronne (da Bélgica).
Dedicado à docência e à investigação, publicou livros, escreveu artigos em revistas científicas e em jornais e proferiu dezenas de conferências.
É autor de vários livros, dos quais se destacam:
«Viagens na minha Infância», dedicado à terra natal, «Sabugal e as Invasões Francesas», alusivo a momentos dramáticos vividos nas nossas terras, e «Rostos da Emigração», dedicado aos emigrantes portugueses.
A oração de sapiência proferida por Joaquim Tenreira Martins terá por tema: «À mesa, na diáspora, com o Bucho Raiano».
plb

One Response to Tenreira Martins profere oração de sapiência

  1. José Antunes Fino diz:

    Certo que a qualidade do orador e a temática da oração contribuirão, decerto, para que o produto final esteja à altura dos pergaminhos daquela que é a autêntica e genuína iguaria gastronómica das terras da raia, o “BUCHO RAIANO”.

Deixar uma resposta