O boicote à Capeia da Casa do Concelho

Paulo Leitão Batista - Contraponto - © Capeia Arraiana (orelha)

O sucesso da Capeia Arraiana da Casa do Sabugal, prevista para o dia 4 de Junho na Moita do Ribatejo, pode estar comprometido pela decisão do Município de realizar na mesma data outras iniciativas.

A Capeia Arraiana da Casa do Concelho realiza-se sempre no primeiro sábado de Junho

A Capeia Arraiana da Casa do Concelho realiza-se sempre no primeiro sábado de Junho

A primeira Capeia Arraiana que a Casa do Concelho do Sabugal realizou em Lisboa aconteceu há 38 anos, precisamente no dia 4 de Junho de 1978. Desde essa data, a mais peculiar tradição raiana desce todos os anos a Lisboa, ocorrendo invariavelmente no primeiro sábado de Junho.
A iniciativa contribui para a valorização do território concelhio e para a promoção do convívio entre os sabugalenses radicados na zona de Lisboa, a que se juntam outros vindos de todo o país e do próprio concelho. A ocasião deveria ter sido há muito aproveitada pela Câmara Municipal para realizar na capital do país um conjunto de iniciativas anexas à Capeia, que promovessem o concelho enquanto terra com história, tradições, monumentos, recursos naturais, assim como capacidade empreendedora e produtiva. Exposições, feira de produtos, colóquios e demonstrações culturais de variados géneros, deveriam difundir na capital de Portugal os nossos valores e potencialidades.
Sim, a realização da Capeia Arraiana da Casa do Concelho é uma óptima oportunidade para a congregação de esforços na promoção da economia e do desenvolvimento concelhio, aproveitando a força da diáspora sabugalenses. Essa iniciativa tarda, mas julgo que um dia chegará para bem do Sabugal e do seu futuro.
É porém preciso reverter processos, pois a tendência actual afasta-se deste cenário.
A Capeia vai no próximo sábado até à Moita do Ribatejo, mas a Câmara, ainda que conhecedora da iniciativa da Casa e da sua importância, decidiu realizar no concelho duas iniciativas que concorrem com a Capeia de Lisboa.
No mesmo dia decorrem no Sabugal, com o envolvimento activo do Município, a Enertech (feira das tecnologias para a energia) e uma prova nacional de Triatlo, iniciativas que inibem, ou pelo menos desmotivam, muitos dos sabugalenses a ir à Capeia da Moita. As realizações de que falamos poderiam perfeitamente ter sido programadas para outras datas, até porque elas próprias também sairão prejudicadas, pois muitos sabugalenses que vivem na zona de Lisboa não irão ao Sabugal nesse fim-de-semana por força da realização da Capeia.
Ou seja, a iniciativa da Câmara de boicotar a Capeia da Casa não aproveita a ninguém.

Em 2013, ano de eleições autárquicas, a Câmara Municipal do Sabugal alugou uma dúzia de autocarros que colocou ao dispor dos munícipes para se deslocarem à Capeia Arraiana da Casa do Concelho. Nos anos seguintes a mesma Câmara desprezou a iniciativa, talvez a pensar em 2017, ano em que os sabugalenses irão de novo às urnas para escolherem os órgãos autárquicos.
:: ::
«Contraponto», opinião de Paulo Leitão Batista

leitaobatista@gmail.com

7 Responses to O boicote à Capeia da Casa do Concelho

  1. Um pouco caricato e triste 🙁

  2. felisberto gomes diz:

    Alguém falhou! falta de comunicação? ou de prepósito? eis a questão!
    Para estes eventos que normalmente são preparados a longo prazo haveria datas a escolher para facilitar ambos os eventos, deste modo ficam ambos a perder, ou melhor, quem perde é o concelho; é pena! já na minha aldeia (velha) se dizia: quando as vacas eram erreiras, não iam a lado nenhum;

  3. Luís Coito diz:

    Claramente quem perde é o Concelho. Não é a C.M., a Casa do Concelho, o PS ou o PSD … Perdemos todos! Desejo os maiores sucessos à Capeia, que por terras mais a sul, com muito esforço, dedicação e carolice…já com meses de trabalho, tentará dignificar ao máximo o Sabugal e toda a Região. E muito sucesso também desejo a todos os eventos que no Sabugal, nesse específico fim de semana, abundam. Assim os tivéssemos em todos os restantes 51 fins de semana do ano!

  4. Carla diz:

    Mas a Capeia não é 1 só dia? E eu sou obrigada a gostar de Capeias por pertencer ao Concelho do Sabugal? Se quizer posso ir à Feira do Sabugal e nos outros dias a outras atividades, ou não será assim? Se houver um evento que até é fora do Concelho querem ver que não pode haver um outro no Concelho? Pode-se sim tentar agendar de uma outra forma os eventos, mas este até nem é no Concelho…Que mais valias traz a Capeia em Lisboa?

    • Existe uma grande diferença, a Capeia existe e sempre ou quase sempre se realiza no 1º sábado de Junho e todos o sabem incluindo a Autarquia, este evento (feira) podia ser em qualquer outro fim de semana,
      Quanto as mais valias para o Concelho.
      E sempre uma mais valia, nem que seja o dar a conhecer mais um pouco do bom que existe nestas Aldeias, cada vez mais desertas e abandonadas

  5. Josué rito diz:

    Não concordo que haja boicote à Capeia da Casa do Concelho do Sabugal, por duas razões que eu sei, pois haverá mais, porventura, a primeira é a de que o Municipal sempre apoiou e apoiará a Capeia da Casa do Concelho do Sabugal, a segunda é a de que vais estar muito bem representada na tarde de sábado, pelo Municipal do Sabugal, portanto não vejo tanta tragédia onde não há tempestade. um abraço

  6. nuno diz:

    Na ausência do presidente DA CÂMARA DO SABUGAL podem voltar a pedir a praça ao presidente da câmara da moita .

Deixar uma resposta