Personalidade do ano 2015 – Carlos Janela

Personalidade do Ano 2015 - Carlos Janela - Sporting Sabugal - Capeia Arraiana

O Capeia Arraiana elegeu Carlos Janela, presidente do Sporting Clube do Sabugal, personalidade do ano 2015, ao destacar-se pelas três conquistas desportivas alcançadas: campeão distrital em futebol sénior, campeão de iniciados e campeão de futsal.

Carlos Janela com as três taças conquistadas em 2015

Carlos Janela com as três taças conquistadas em 2015

Carlos Alberto Augusto Janela tem 49 anos e é presidente do Sporting Clube do Sabugal há 16 anos. Tem realizado um trabalho impar em termos de afirmação do clube, estendendo-o a diversas modalidades, apoiando as camadas jovens e apostando na competitividade das equipas.
À actividade profissional de bancário junta a dedicação plena às lides do clube, assistindo aos treinos, acompanhando os jogos dos diversos escalões, deslocando-se à Associação de Futebol da Guarda, procurando apoios financeiros que sustentem a actividade desportivas e gerindo pessoalmente os mil e um problemas que um clube desportivo acarreta.
Ao nível do futebol sénior, há muito que Carlos Janela pretendia um lugar cimeiro para o clube, e fez tudo para o conseguir. Porém as dificuldades estruturais e a falta de apoios só agora lhe permitiram alcançar plenamente o sucesso. Mas tudo foi fruto de uma estratégia concebida à medida das possibilidades do clube e do concelho em que se insere.

Vitoriado pelos atletas

Vitoriado pelos atletas

Pegou no clube em 1999, quando o mesmo deixou de competir por falta de inscrição no campeonato. Ninguém se dispunha a gerir a associação, e foi difícil arranjar colaboradores, mas Carlos Janelas, mau grado as dificuldades, agarrou-se com unhas e dentes ao que restava, com o objectivo de fazer renascer a actividade desportiva no Sabugal.
Começou por criar uma equipa de futsal para manter os atletas ocupados. No ano seguinte inscreveu a equipa para disputar o campeonato da 2ª divisão distrital – uma competição em que o Sporting do Sabugal nunca havia estado. Em breve fez o Sporting renascer, retomando o seu lugar na primeira divisão, onde passou a manter-se, disputando os lugares cimeiros.

Com a faixa de campeão

Com a faixa de campeão

Mau grado a falta de meios, Carlos Janela afastou sempre o espectro do fim da equipa e, como os recursos que havia, começou a fortalecê-la tornando-a numa constante ameaça para os adversários desportivos.
Nas últimas épocas o Sporting do Sabugal vinha lutando acerrimamente pelo título, o qual contudo lhe escapava. Em 2010 esteve quase a conseguir o objectivo, perante uma disputa intensíssima que deixou a equipa raiana a um ponto de ser campeã.
Face à desistência de uma equipa do distrito que ia disputar o campeonato nacional, Carlos Janela surpreender toda a gente ao declinar o convite da Federação para a substituir: «Enquanto for eu o presidente, o clube só entra numa competição quando o conseguir por mérito desportivo», bradou bem alto, dirigindo-se aos que o criticaram por não aproveitar a oportunidade para guindar o clube a um escalão superior.
Em 2014, ano em que o Sporting Clube do Sabugal comemorou o 75º aniversário, Carlos Janela decidiu assumir sem rodeios que o objectivo para a temporada seguinte era conquistar o título de campeão distrital e subir aos nacionais.
Numa entrevista ao Celoriconews definiu claramente o objectivo para a época 2014/2015: «Construímos uma equipa para lutar pelo título de Campeões Distritais, até porque o clube comemora agora 75 de existência e gostaria de voltar a um escalão onde já esteve na época de 1989/90».
Revela conhecer bem as equipas adversárias, nomeadamente aquelas que o poderiam surpreender, e sabe como estruturar o clube para alcançar a vitória na época.
Ao mesmo jornal deixa claro que sabe que pode pagar claro o preço da sua ambição: «Mas também se fazem omeletes com poucos ovos. Tem é de existir um projecto consolidado e bem gerido.»

Acompanhando os jogadores

Acompanhando os jogadores

A equipa que formou para o sucesso foi sobretudo constituída por naturais do concelho do Sabugal, nomeadamente os que jogaram nas camadas jovens, passando por um processo formativo em que o clube sempre apostou. Apenas meia dúzia de jogadores do plantel vieram de fora, para colmatar dificuldades concretas na ocupação de alguns lugares em campo.
Com um orçamento médio que ronda os 40 mil euros, muito abaixo do de outros clubes mais apoiados, Carlos Janela inscreveu equipas das várias camadas jovens e apostou noutras modalidades para lá do futebol, com destaque para o Judo, onde um naipe de bons atletas e um treinador exigente deu ao Sabugal muitos prémios e alegrias, incluindo a ida de dois atletas à selecção nacional da modalidade. Mas as modalidades passaram ainda pelo basquete, o futsal, onde também foi campeão, o andebol e a natação, movimentando cerca de 270 atletas, quase todos do concelho do Sabugal.
Em 16 de Maio, numa cerimónia de entrega de troféus organizada pela Associação de Futebol da Guarda, no Museu do Côa, Carlos Janela garantiu o maior protagonismo do Sabugal perante os representantes de todas as Associações distritais do país e da Federação Portuguesa de Futebol, ao ser chamado ao palco três vezes para lhe serem entregues as taças de vencedores dos campeonatos distritais de Futsal, iniciados e de Seniores. A taça de campeão de Seniores foi-lhe entregue por Fernando Gomes, Presidente da Federação, num momento em que foi vitoriado pelos presentes.
Carlos Janela assumiu-se sem margens para dúvidas como o homem do ano 2015, o qual foi ao nível desportivo inesquecível para o Sabugal, pois dificilmente se poderá repetir nos anos mais próximos, face aos constrangimentos de um concelho do interior, nomeadamente ao nível da desertificação humana e a consequente falta de jovens.
:: ::
jcl e plb

4 Responses to Personalidade do ano 2015 – Carlos Janela

  1. Antonio Ricardo diz:

    Felicito a escolha. Quem critique há muito, mas quem faça há pouco. Parabéns.

  2. Carlos Janela diz:

    Agradecendo desde já a nomeação, que muito me orgulha, não posso no entanto deixar de realçar que esta nomeação só é possível graças não só aos meus colegas de direção e Orgãos socais do clube mas também a todos aqueles que connosco colaboram desde o Município do Sabugal até ao nosso mais simples patrocinador, a todos o meu mais sincero Bem-Hajam.

    • Jaime Vieira diz:

      Carlos, esta e uma nomeacao inteiramente justa e que muito me orgulha como teu grande amigo pessoal e como Presidente da Assembleia Geral do nosso Sporting Clube do Sabugal.
      Muitos parabens e forca para continuares esta missao a que te dedicas de alma e coracao.
      Jaime Vieira

  3. Felicito a escolha, ele que durante estes anos, à mais de ser um Presidente, foi um Amigo e um Pai para todos estes jovens..

Deixar uma resposta