Coronel Serra homenageado pelo Rotary de Odivelas

Rotary Internacional - © Capeia Arraiana

O coronel José Serra, director do Instituto de Odivelas entre 2011 e 2013, foi homenageado como «Profissional do Ano» pelo Rotary Club de Odivelas no passado dia 26 de Novembro. A apresentação do excelente trabalho que desenvolveu no Instituto de Odivelas aliado às suas qualidades pessoais e ao impressionante curriculum militar esteve a cargo da sócia honorária Maria Máxima Vaz.

Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana

Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana
Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana
Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana
Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana Homenagem Coronel José Serra - Rotary Club Odivelas - Confraria Marmelada Odivelas - Capeia Arraiana

(Clique nas imagens para ampliar.)

O Rotary Club de Odivelas distinguiu, como «Profissional do Ano 2013» o coronel José Paulo Bernardino Serra, que foi director do Instituto de Odivelas entre os anos 2011 e 2013. A finalidade das homenagens anuais do clube é reconhecer o mérito de todos os profissionais que se tenha destacado pela actividade na sua área e no desempenho dos cargos que lhe estejam atribuídos.
No passado dia 23 de Novembro, na Quinta do Bretão em Caneças, o «Rotary Clube de Odivelas, por unanimidade, achou por bem distinguir o Ex.º Sr. Coronel José Paulo Bernardino Serra, pelas suas qualidades pessoais e profissionais, por ser um homem de valores, por pautar a sua vida por um elevado padrão ético, decorrendo daí o excelente trabalho que desenvolveu no Instituto de Odivelas como Director, e também pela abertura à nossa Comunidade e integração no meio».
A apresentação das razões da escolha do homenageado e do seu valoroso curriculum esteve a cargo da sócia honorária Prof.ª Doutora Maria Máxima Vaz que fez questão de salientar que «pela sua forma de gerir, pela sua forma de pensar e actuar, a nossa comunidade sentiu como suas as dificuldades colocadas à instituição que lhe foi confiada e considerou sua a causa do Instituto» lembrando que o coronel José Serra quando chegou ao Instituto «cativou as alunas, o corpo docente, os funcionários, os pais das alunas, as antigas alunas… e a nós que tivemos o privilégio de o conhecer e com ele contactar de perto» e «construiu pontes porque o Instituto é de Odivelas e as alunas são as Meninas de Odivelas. Todos queremos que assim seja e assim continue a ser».
O longo currículo do homenageado foi resumido pela apresentadora nos aspectos que lhe pareceram mais significativos:

«José Paulo Bernardino Serra, nasceu em 1961, na freguesia de São João de Abrantes, no concelho de Abrantes. É casado e pai de dois filhos.
Ingressou na Academia Militar em 1979 tendo sido promovido a alferes em 1984 e a coronel em 2005. Possui o curso de Infantaria da Academia Militar e a licenciatura em Gestão pela Universidade Lusíada. Frequentou os cursos militares de Estado-Maior e de Defesa Nacional e os cursos particulares de paraquedismo e de mergulho.
Entre 1983 e 89 esteve colocado na Escola Prática onde foi instrutor, ministrou cursos de formação e comandante de companhia.
De 1990 a 95 foi colocado na Academia Militar com destaque para comandante de companhia de alunos e de oficial de logística.
No período entre 1997 e 2001 esteve colocado como adjunto do tenente-general comandante da Logística e coordenou a execução dos programas da Lei de Programação Militar.
Entre 2001 e 2003 desempenhou as funções de chefe do Estado-Maior do Quartel-General da zona militar dos Açores.
Nos dois anos seguintes esteve colocado no Instituto de Altos Estudos Militares onde foi professor e director dos cursos de promoção a oficial superior.
De 2006 a 2008 comandou o Regimento da Guarnição do Funchal.
Entre 2008 e 2011 foi chefe dos inspectores da missão de acompanhamento e fiscalização do programa das viaturas blindadas Pandur.
E finalmente entre 2011 e 2013 foi Director do Instituto de Odivelas.
As condecorações pessoais incluem as medalhas de: mérito militar (3.ª classe), comportamental exemplar grau prata, D. Afonso Henriques, serviços distintos, mérito militar (1.ª classe), comportamental exemplar e D. Afonso Henriques (1.ª classe).»

Maria Máxima Vaz considerou, após a apresentação do curriculum do homenageado, que «as suas qualidades pessoais tornam-o credor de toda a nossa admiração e estima» mostrando-se surpreendida pelo «elevado sentido de justiça, afabilidade no trato, o respeito que todos lhe merecem e o facto de não desistir, mesmo diante das maiores dificuldades».
«Pela forma como se empenha, não temos dúvidas que o seu desígnio é transformar vidas, levá-las a vencer as dificuldades e conduzi-las ao sucesso. Por uma feliz coincidência, este é o lema dos Rotários no presente ano. Foi por tudo isto e, por certo, não enumerei tudo, que nos cativou e nunca o esqueceremos. Consideramos um privilégio tê-lo conhecido», disse a finalizar a sócia honorária dos Rotários de Odivelas.
No breve discurso de agradecimento o coronel José Serra recordou que chegou a Odivelas em Maio de 2011 «que tem no sete o seu número da sorte e que se apaixonou pela escola e pelas miúdas e que ninguém apaga 117 anos da história do Instituto de Odivelas».
A comandante de pelotão das finalistas do 12.º ano deixou duas certezas na sua breve intervenção: «O coronel Serra foi como um pai para todas» e «Das meninas de Odivelas espera-se tudo menos falta de classe».
A Confraria da Marmelada de Odivelas esteve presente na homenagem e ofertou no final uma lembrança como agradecimento pela disponibilidade que o director do Instituto sempre teve para colaborar com as actividades confrádicas dentro do espaço do Mosteiro.
:: ::
Bonita homenagem do Rotary Club de Odivelas com a cerimónia a ser dirigida superiormente pelo seu chefe de protocolo, António Faustino.
:: ::
O Rotary Club foi fundado em 1905 na cidade americana de Chicago pelo advogado Paul Harris. Actualmente tem mais de 1,2 milhões de associados e cerca de 32 mil clubes espalhados por 168 países. O seu principal lema é: «Dar de si antes de pensar em si.»
:: ::
jcl

Deixar uma resposta