Novos órgãos sociais da FPCG tomaram posse

FPCG - Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas - © Capeia Arraiana

Os novos órgãos sociais da FPCG-Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas, que tinham sido eleitos no Congresso de Vila Nova de Poiares, tomaram posse no passado sábado, 5 de Janeiro, em Tentúgal. A Confraria do Bucho Raiano, representada pelo grão-mestre Joaquim Leal, ocupa o lugar de vice-presidente do Conselho Directivo.

FPCG - Confraria Bucho Raiano - Tomada posse em Tentúgal

A cerimónia de assinatura e tomada de posse dos novos órgãos sociais da Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas (FPCG) para o triénio 2013-2015 decorreu no passado sábado, 5 de Janeiro, em Tentúgal. O momento solene teve lugar na igreja da Santa Casa da Misericórdia local e contou com a representação de mais de 50 confrarias nacionais.
Em primeiro lugar falou a presidente cessante, Madalena Carrito, da Confraria da Chanfana, que esteve à frente da FPCG durante sete anos. A confreira de Vila Nova de Poiares defendeu «a capacidade do mundo das confrarias em tempo de crise para manter a esperança e o esforço de todos» porque «a Federação criada em 2001 é uma instituição reconhecida e com muito prestígio a nível nacional». A terminar, Madalena Carrito, recordou que «no movimento confrádico são cada vez mais importantes os valores da lealdade, ética e amizade» e agradeceu a todos o apoio recebido que «lhe permitiu chegar até aqui».
O presidente da Assembleia Geral cessante dirigiu uma breves palavras à assistência incentivando as confrarias a «valorizar a gastronomia, os recursos e os territórios, defendendo as tradições e os produtos genuínos para não deixarmos perder a riqueza patrimonial de Portugal». «O caminho deve ser no sentido do aperfeiçoamento do que já foi feito», disse a finalizar.
Já com a nova mesa da Assembleia Geral em funções falou a recém-eleita presidente da direcção, Olga Cavaleiro, da Confraria da Doçaria Conventual de Tentúgal.
Olga Cavaleiro, manifestamente satisfeita, começour por agradecer a todos os presentes e recordar os objectivos da sua lista: «Tenho muito orgulho em ver esta sala tão cheia e agradeço com muito contentamento a todos os presentes. O lema da nossa candidatura à Federação é “Ousar Crescer” e estamos disponíveis para alcançar esse objectivo. Queremos estar melhor e mais próximo da sociedade porque as confrarias são espaços de acção e elementos fundamentais na promoção dos nossos produtos locais. A Federação vai procurar parcerias e tornar mais visível o esforço e o trabalho das Confrarias junto da sociedade.»
A nova presidente da Direcção da FPCG terminou o seu discurso de tomada de posse apelando à união de todos: «A complementaridade dos produtos que representamos deverá ser utilizada para fortalecer o movimento confrádico. Devemos ver a gastronomia não como um território fechado mas sim um território aberto. Saibamos todos honrar e dignificar o movimento gastronómico português.»
A cerimónia, que decorreu numa igreja construída em 1583 com um altar que surpreende pelas imagens talhadas em madeira em três dimensões que parece retratar uma «Bíblia aos quadradinhos», terminou com a actuação (com altíssima qualidade) do Coro de D. Pedro de Cristo de Coimbra dirigido pela maestrina Cristina Faria.

:: ::
Constituição dos órgãos sociais da Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas

Conselho Directivo
Presidência: Confraria da Doçaria da Doçaria Conventual de Tentúgal
Vice-Presidências: Confraria do Bucho Raiano, Confraria do Queijo Serra da Estrela, Confraria dos Ovos Moles de Aveiro, Confraria Gastronómica da Madeira, Confraria do Bucho de Arganil, Confraria da Maçã Portuguesa.
Suplentes: Confraria As Sainhas e Confraria do Bodo.
Mesa do Congresso e Conselho Geral
Presidência: Confraria das Almas Santas da Areosa e do Leitão
Vice-Presidências: Confraria Gastronómica dos Gastrónomos dos Açores e Confraria do Cabrito e da Serra do Caramulo.
Secretários: Confraria do Moliceiro e Confraria dos Gastrónomos da Região de Lafões
Suplentes: Confraria Gastronómica O Rabelo e Confraria Gastronómica da Carne Barrosã
Conselho Fiscal
Presidência: Real Confraria do Maranho.
Relatores: Confraria Gastronómica do Ribatejo e Confraria do Bolo de Ançã.
Suplentes: Confraria da Broa de avança e Confraria das Papas de São Miguel.
jcl

Deixar uma resposta